©2014 VICE Media LLC

    The VICE Channels

      Pergunta do Dia: O que é que comeste hoje?

      February 20, 2013

      Por Frederico Fernandes

      Bem-vindos à nossa rubrica especializada em importunar peões, a Pergunta do Dia. É só uma desculpa para ocupar os estagiários!



      É como aprendemos na escola: uma pessoa é o que come. O que ajuda a perceber porque é que tanta gente é uma merda. Poucas coisas são mais importantes do que comer. A seguir ao oxigénio que respiramos e à água que bebemos, a comida fecha a lista de "coisas essenciais à vida". Esqueçam os vossos amigos, o telemóvel ou aquele concerto dos Metallica — vocês podem muito bem viver sem essas coisas. Mas experimentem ficar umas horas sem levar nada à boca e depois falamos. A menos que sejam modelos, os únicos seres vivos que não precisam de ingerir nada que não seja água vitaminada e orgulho. Fui para a rua descobrir se o pessoal se anda a alimentar bem.


      Sara Braz, estudante, 23 anos 

      Sara: Bem, o pequeno-almoço foi Chocapic. Depois, almocei um bife (já não me lembro de quê), com esparguete e cogumelos.

      Foste tu que cozinhaste?
      Não, foi a minha mãe. Também comi umas perninhas de… Umas asinhas de frango! E agora estou a lanchar uma merenda.

      Que equilibrado.
      Ah, o almoço tinha saladinha, claro! Sempre salada a acompanhar, gosto disso.

      Pareces-me saudável.


      Diogo Correia, 22, gerente de bar, e Mafalda Sousa, barmaid, 22

      Diogo: McDonald’s e gelado Santini!

      Fogo, já apanhei tanta gente comeu no McDonald’s hoje. Estão a correr os fast-food todos, é?
      Mafalda:
      É o mais rápido!

      E esse foi o vosso ponto alto do dia, em termos gastronómicos?
      Não.
      Diogo: Não, o nosso ponto alto é o jantar, sempre. Comemos pizza.
      Mafalda: [risos].

      Vão comer pizza?
      Diogo:
      Não, vamos comer um peixinho, hoje.

      Ah, um peixinho para compensar, não é?
      Mafalda:
      Sim.

      Fico contente por vocês.


      João, músico, 19, e Celina Dark, poetisa, 19

      Celina: Sou vegetariana.

      Lá por seres vegetariana não significa que não possas comer.
      Não, não! O João é vegetariano e come que nem uma besta, é uma coisa incrível.

      Mas não comeste nada?
      Não, porque quando nós nos apercebemos de que a arte é o nosso alimento, deixamos de precisar de comida.

      E o que é que fazes da vida?
      Não faço nada, basicamente. Sou poeta [risos].

      Ah, poetisa?
      Também sou modelo, pintora e outras coisas mais.
      João: Ela só ganha dinheiro a ser modelo.

      Então é essa profissão que é a oficial.
      Celina:
      Não, é ser poeta!

      Poetisa. Comes os teus próprios poemas?
      Comi os meus sonhos.

      E tu, João, o que é que fazes? Não me digas que também és modelo.
      João:
      Não. Sou músico, mas também não ganho dinheiro com isso.

      E então, o que é que comeste hoje?
      Não comi. Na verdade, só bebi sumo de ameixa, porque fui logo para casa dela e, portanto, ainda não comi nada.

      Ainda trincaste um poema ou outro?
      Não, comi-a a ela.

      Pensei que eras vegetariano.


      Letícia, estudante, 20

      Letícia: Comi lasanha de vegetais.

      Comprada ou feita por ti?
      Foi na escola, na cantina da universidade.

      Grande universidade!
      É verdade, tem macrobiótica.

      Foi o teu ponto alto do dia, em termos gastronómicos?
      Sim, porque lá também há comida vegetariana!

      Gostas de diversidade. Que bom para ti.

      -

      Temas: pergunta do dia, question of the day, Vox Pop, Frederico Fernandes, comer, comida, alimentação, pequeno-almoço

      Comentários