Você tem mais de 18 anos?

O que conteúdo que você está tentando acessar é considerado "pervertido" pelos homens da lei e provavelmente pela sua mãe, então precisamos ter certeza que você é maior de idade antes de te deixarmos entrar nessa página.

Como Bater Punheta no Trabalho

By Brian Moylan


Foto por Ben Ritter

Caras, vamos encarar a verdade, trabalhar é um saco. Não importa o quanto você ama o seu trabalho, existe um milhão de coisas que você preferia estar fazendo do que definhando no seu cubículo, deletando e-mail dos seus colegas de trabalho idiotas que respondem para todos quando não precisava e espiando sites como este nas pequenas pausas para manter a sanidade. Sabe o que você preferiria estar fazendo? Estar sentado no sofá de casa de cueca assistindo TV enquanto brinca com suas partes pudendas de vez em quando. Bom, você vai ter que ficar sem a programação dos canais abertos, mas ainda pode bater uma no meio do dia para tornar o trabalho pesado um pouco mais suportável. Veja abaixo como fazer isso.

Entre no Clima
Não importa o que você faz — mesmo se você for um pornógrafo, um fabricante de consolos artesanais, o massageador de mamilos da Jessica Alba ou o segurança do provador da Victoria's Secret —, seu trabalho não é sensual para você. Na verdade ele provavelmente te brocha mais rápido do que ver uma velhinha cagando num gato. Se você vai apontar seu lápis no armário de material de escritório da firma, você tem que se empolgar primeiro. O computador do seu trabalho provavelmente bloqueia putaria, então tente mandar uma mensagem sacana para um parceiro sexual regular. Ele ou ela não precisa responder (isso aqui é o “Como Bater Punheta no Trabalho” e não o “Como Transar no Trabalho”), você só precisa pensar em coisas safadas para suas partes fazerem o que têm que fazer.

O Banheiro Corporativo
Lógico que aí você vai direto para o banheiro. Dãã. Só se certifique de trancar direito a porra da porta, né? Se o seu local de trabalho só tem um banheiro, aí fica fácil. Gire a tranca e faça aquilo que você aprendeu dentro daquela barraca de acampamento na sexta série. Se houver um monte de reservados, pegue o que estiver mais longe da porta. Deixar as pessoas pensando que você está soltando um barro deve te dar privacidade o suficiente. Se você é um trabalhador da construção civil e seu banheiro é um daqueles químicos, por favor, não bata punheta nele. É nojento. Vá se masturbar no banheiro do boteco ou algo assim.

Saiba a Hora Certa
Às vezes, especialmente num banheiro compartilhado, você vai ter que abortar a missão punheta. Tipo se algum babaca chegar e começar a sujar a porcelana ruidosamente no reservado bem ao lado do seu. E você tem cerca de dez minutos antes que alguém comece a suspeitar de que tem putaria rolando ali. Essa não é uma daquelas sessões de uma hora no seu roupão de banho no banheiro da sua casa. Entre lá, termine o serviço e volte para sua mesa antes que as pessoas comecem a farejar o ar.

Existe um Aplicativo para Isso
Se você quiser começar a fazer isso sempre (e quem não ia querer, né?), talvez seja uma boa ideia baixar uns clipes pornôs no seu celular, assim você pode posicionar ele no porta papel higiênico e assistir um trecho do Dirty Girls Bukkake Panty Raid 8 para te ajudar a ir mais rápido. Mas se certifique de que o vídeo está no mudo. Não leve fones de ouvido para o banheiro. Ia ser muito bizarro. E nojento.

Destrua as Evidências
Se você gozar no chão como se isso fosse um fliperama dos anos 1970 que você é muito velho para frequentar, algum babaca chato vai reclamar e eles vão começar a monitorar o banheiro. Parabéns, você estragou a diversão de todo mundo, otário. Descarregue num punhado de papel higiênico e mande descarga abaixo. Ou você pode lançar o feitiço da sua varinha mágica na mão e engolir. Tanto faz.

Feche a Porta
Se você é algum fodão corporativo que tem seu próprio escritório, basta simplesmente fechar a porta e descabelar o palhaço na privacidade da sua própria suíte. Só se certifique de que ninguém consiga te ver pela divisória de vidro entre você e o resto do escritório. Talvez seja melhor deixar as persianas sempre fechadas para ocasiões assim. Agora, se você não tem seu próprio escritório, mas seu chefe tem, talvez da próxima vez que ele estiver fora você possa bater uma lá dentro. Quando isso acontecer, não deixe de gozar em alguma coisa, quem sabe nas proximidades do lixo. Você só precisa de um faxineiro fofoqueiro e a reputação do seu chefe vai levar uma bela estremecida.

Seja Criativo
Se o banheiro não for excitante o suficiente, talvez você possa tentar outras áreas privadas do escritório, especialmente se for tão cedo que ninguém chegou ainda ou tão tarde que todo mundo já foi embora. Isso é meio como transar com uma pessoa que você acabou de conhecer sem camisinha: é tão perigoso que fica duas vezes mais divertido, mas ao mesmo tempo é tão idiota que você pode morrer. Tenha certeza de que não há câmeras — você não precisa acabar como um viral na internet.

Se Você For Pego
Bom, aí você vai ter que assumir. Não mande alguma coisa do tipo “eu tenho um pau muito grande e só estava tentando tirar ele da frente para fazer o número dois”. Ninguém vai acreditar. Torça para o seu chefe ser homem e entender essas urgências, senão você vai estar livre para trabalhar como balconista de uma sex shop, aonde provavelmente vai poder se masturbar o dia inteiro sem ninguém dar a mínima.

Lave as Mãos, Porra!
Você não é um selvagem, cacete.

 

Mais sexo solitário:

Aquelas Boas Horinhas de Amor Próprio

Faça-Você-Mesmo: Será que Algum Desses Brinquedos Eróticos Vai Me Fazer Gozar?

Como Chupar Seu Próprio Pau

Masanobu Sato é um Bicampeão Mundial da Punheta

Goze, Mas Não Jorre

Comments