Noticias

Agente do FBI dá mortal num bar e acaba disparando a sua arma por acidente

A arma saiu voando da sua calça enquanto ele dançava break.
MS
Traduzido por Marina Schnoor
Madalena Maltez
Traduzido por Madalena Maltez
5.6.18

Na última noite de sexta num bar de Denver chamado Mile High Spirits, os clientes decidiram fazer uma rodinha de dança estilo baile do colégio na pista. Essas coisas sempre envolvem um cara que parece viver para esses momentos de glória, e sexta não foi exceção: um homem entrou no meio da galera e resolveu mandar ver, se sacudindo todo como o cara do “Evolution of Dance”. Aí ele decidiu dar um mortal de costas — e, em poucos segundos, tudo deu ruim.

Publicidade

Na metade do mortal, um revólver caiu da cintura dele no chão. Ele foi correndo pegar, e a arma acabou disparando — um tiro contra a multidão que deixou um cara com uma bala na perna. Felizmente a vítima passa bem.

Segundo a afiliada KMGH da ABC local, o dançarino animadão na verdade era um agente do FBI de folga. A polícia levou o cara pra delegacia central de Denver para interrogatório, e ele foi mandado para seu supervisor do FBI sem receber nenhuma acusação. Agora a polícia está investigando o que rolou enquanto a promotoria local decide se presta queixa formal.

A filmagem do incidente parece mostrar que — em vez de ver se alguém tinha se machucado com a bala perdida — o agente só colocou a arma de volta na cintura, levantou as mãos e saiu andando. Enquanto isso, segundo a KMGH, o resto dos clientes em choque do bar tiveram que lidar sozinhos com aquela merda toda.

“Ouvimos um estampido”, disse a cliente Heather Schiraldi pra KMGH. “Não ouvimos mais nada, então achamos que não tinha sido um tiro, até que a vítima agarrou a própria coxa e começou a gritar 'Alguém liga pra emergência!'”

Um amigo de Schiraldi colocou seu cinto em volta da coxa da vítima como um torniquete improvisado enquanto eles esperavam os paramédicos. O homem ferido foi levado para o hospital, onde passa bem, segundo a KMGH.

Schiraldi disse a KMGH que não entendeu como o homem foi baleado até ler a história alguns dias depois — e quando descobriu que um agente do FBI seria o responsável, ela ficou ultrajada.

“Fiquei chocada. Tipo, o que esse agente do FBI achava que estava fazendo?”, ela disse. “Por que você decide dar um mortal de costas? Acho que essa foi a reação de todo mundo.”

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.