Noticias

Boletim Matutino da VICE

Tudo o que você precisa saber sobre o mundo esta manhã com curadoria da VICE.
Naufrágio em Salvador deixa ao menos 18 mortos. Foto: Sayonara Moreno/Agência Brasil.

Brasil

Ex-governador do Mato Grosso filma propina a rodo em delação

As definições de dedo de gesso foram atualizadas: a delação do ex-governador do Mato Grosso, Silval Barbosa (PMDB), incluem uma série de vídeos com diferentes membros da política e do empresariado do estado recebendo grana grossa. As imagens incluem o atual prefeito da capital Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), enchendo literalmente os bolsos de maços de dinheiro e depois se abaixando para pegar um que caiu. Além da farra dos bolos de notas, a delação de Barbosa ainda inclui denúncias contra o ministro da Agricultura Blairo Maggi (PP) e também contra o atual governador, Pedro Taques (PSDB). – G1

Publicidade

Naufrágio na Bahia deixa ao menos 18 mortos

O naufrágio de uma embarcação na manhã desta quinta-feira (24) em Vera Cruz, na região metropolitana de Salvador, na Bahia, deixou ao menos 18 mortos – entre eles, duas crianças. Junto com o acidente no Pará, que ainda tem buscas por sobreviventes, o caso reacendeu debates no país sobre a regulamentação de embarcações. Segundo a BBC, 1/5 das vítimas de naufrágios no Brasil são crianças. – G1

Dono de embarcação que naufragou no Pará admite que não tinha licença para transportar passageiros

Em depoimento à Polícia Civil do Pará, Alcimar Almeida da Silva, dono da embarcação clandestina "Capitão Ribeiro" que naufragou no rio Xingu no início da semana e deixou ao menos 21 mortos, admitiu que não tinha licença da Agência Estadual de Regulação e Controle e Serviços Públicos para transportar passageiros. Segundo a polícia, ele admitiu que transportava pessoas há três anos e que, apesar de ter recebido aval da Capitania dos Portos para transportar passageiros de Santarém a Prainha, não cumpria a determinação par a"otimizar custos" - O Globo

Gilmar Mendes devolve a Marcio Bretas decisão de prender acusados libertados pelo ministro

Em uma semana que levou porrada ampla e geral pela soltura de Jacob Barata Filho, herdeiro do transporte público no Rio acusado de corrupção, junto com outros acusados em prisão provisória, o ministro do STF Gilmar Mendes devolveu para Marcio Bretas, juiz responsável pela operação, a decisão de prender um dos investigados, Rogério Onofre, que estaria ameaçado empresários de morte. Mendes vem sendo amplamente criticado por dar dois habeas corpus seguidos a Barata, e no bolo de alforrias mandou soltar Onofre, ex-presidente da Detro . – Folha de S. Paulo

Publicidade

Condenação de Lula no caso do triplex chega em tempo recorde à segunda instância

O processo contra o ex-presidente Lula chegou ao TRF-4 mais rapidamente do que qualquer outra apelação da Lava Jato. Após 42 dias da condenação de Sergio Moro o processo começou a correr - a média dos casos da Lava Jato é de 96 dias. 31 apelações relacionadas à Lava ?Jato tramitam ou tramitaram na segunda instância, e metade delas já foi julgada. - Folha de S. Paulo

Mundo

Herdeiro da Samsung é condenado a 5 anos de prisão

Lee Jae-yong, herdeiro da gigante de tecnologia Samsung, foi condenado a 5 anos de prisão na Coreia do Sul. Para os jurados, Lee pagou propina para a ex-presidente Park Geun-hye, que renunciou e acabou presa em março deste ano após um escândalo que incluiu denúncias de corrupção e um bizarro culto cristão. – G1

Donos de cachorro em São Francisco estão juntando cocô para jogar em marcha da extrema-direita

Donos de cachorros de São Francisco, nos EUA, encontraram uma boa arma para lidar com uma marcha da extrema-direita marcada para este sábado (26) na cidade: cocô. Um evento no Facebook já foi criado, pedindo para os donos a deixarem seus doguinhos cagarem livremente no parque, cujas fezes mais tarde serão usadas como armas e minas contra os neonazistas e outros membros da direita "alternativa" – muita gente já avisa que está acumulando a merda da cachorrada e vai pessoalmente entregar os presentes aos fascistas. – The Guardian

Publicidade

E mais

Death Note estreia no Netflix, mas parece que é bem meia-boca

A adaptação em live action de Death Note, famoso mangá e animê de Tsugimi Ohba e Takeshi Obata, estreia nesta sexta-feira (25) na Netflix. O filme, dirigido por Adam Wingard, conta a história de um moleque que encontra um caderninho onde pode anotar uma lista de pessoas, que posteriormente morrem. O único problema é que as críticas dão conta de que, apesar do papo todo, o filme ficou bem meia-boca. "Death Note é um filme preguiçoso, sem ambição e passável que sofre com a falta de imaginação, coração ou entretenimento", diz o Polygon. – NPR

Vitória de McGregor em luta contra Mayweather pode dar preju histórico a cassino

Caso o lutador de MMA Conor McGregor vença o campeão Floyd Mayweather numa luta de boxe marcada para este sábado (26) em Las Vegas, o prejuízo vai ser grande para as bancas de aposta. Só os cassinos do grupo MGM já registram US$ 70 milhões em apostas – 90% dos bilhetes de apostas únicas foram feitas no irlandês, considerado azarão por não ser do universo do boxe. – UOL

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.