Noticias

Dez trabalhadores rurais são assassinados no Pará

Chacina de posseiros ocorreu durante reintegração de posse em fazenda no município de Redenção, sudeste do Pará.
25.5.17
Foto: Reprodução / ASCOM-SEGUP

Na manhã de quarta-feira, dez pessoas foram mortas por tiros durante uma operação na área da Fazenda Santa Lúcia, município de Pau d'Arco, a 60 km de Redenção, no Pará, realizada pela Polícia Militar (PM). Nenhum policial foi ferido.

A PM chegou ao local para cumprir 16 mandados judiciais de prisão preventiva, temporária, buscas e apreensões, tentativa de homicídio e formação de quadrilha sob a investigação do assassinato de um vigilante de uma empresa de segurança, que segundo a Polícia, foi vítima de uma emboscada, morto no início de maio, como informa o portal G1.

Publicidade

Uma mulher e nove homens estão entre os mortos. Os corpos foram levados para o necrotério do Hospital Municipal de Redenção e serão levados ao IML de Marabá para serem identificados.

Em nota enviada à VICE, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SEGUP) informa que foram apreendidas onze armas de grosso calibre, incluindo um fuzil 762 e uma pistola Glock modelo G25, que serão averiguados em perícia.

A Comissão Pastoral da Terra, por meio do seu perfil no Facebook, informa que a ação, considerada como uma reintegração de posse, foi comandada pela Delegacia de Conflitos Agrários em Redenção (DECA), e teve o apoio de policiais de Redenção, Conceição do Araguaia e Xinguara.

A SEGUP informou que o Comando de Missões Especiais da Polícia Militar e policiais civis de Belém, incluindo a Corregedoria das Polícias Civil e Militar, estarão em Redenção para intensificar as investigações e reforçar a segurança.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.