FYI.

This story is over 5 years old.

Novo Som do Arrastão Segue a Pegada Baile Funk

“Aquecimento dos Pontinhos” do produtor paulista André Mendes é o quinto som que sai pelo selo carioca com o melhor do novo funk brasileiro. Sente só.

Sabe aquela zoeira gostosa que rola na escola? Então, foi assim que André Mendes, aos 15 anos, resolveu que queria se tornar um DJ. "Há dois anos, estava zoando com meus amigos. Eu era DJ e eles MC's. Eu batucava na carteira enquanto eles cantavam", conta o moleque que é o autor da mais nova faixa que acaba de sair pelo selo Arrastão.

Hoje aos 17 anos, André que diz ouvir todo tipo de música - "Às vezes até num forró você consegue pegar algo que encaixa em alguma música" - produz seu próprio som e toca na noite de Mauá, cidade nos arredores de São Paulo. "Aquecimento dos Pontinhos" é uma mostra do que o moleque autodidata e fiel seguidor do DJ R7 é capaz de fazer.

O mais novo achado do produtor e pesquisador musical Omulu aconteceu por acaso. O carioca que tem cadeira cativa aqui no THUMP estava zapeando no SoundCloud quando deu de testa com as músicas do André. "Eu acho da hora que ele faça esse funk mais minimalista característico de São Paulo e do Espírito Santo, e também tenha a manha de fazer um som favelão", diz Omulu.

Saca o som no player aí em cima. E vale lembrar que chegamos a metade da seleção musical da coletânea. Ao final, as dez faixas irão sair num vinil 12 polegadas. Se-gu-ra.

Arrastão nas redes:
facebook.com/cuidadovaipassaroarrastao
soundcloud.com/cuidadovaipassaroarrastao
arrastao.com.br