membros da banda portuguesa Galo Cant'Às Duas
O galo no Carmo'81. Foto por Rafael Farias.
Música

O diário visual da gravação do novo disco dos Galo Cant’Às Duas

O novo álbum da banda chega no arranque de 2019. Entretanto, o Galo partilhou connosco algumas notas e imagens dos dias de estúdio.

Fez agora um ano, por ocasião da estreia de "Processo Entre Viagens", single de Os Anjos Também Cantam escrevíamos por aqui: "Passado, presente e futuro, a colidirem numa mesma linha temporal sonora, com um único objectivo: 'Levar-nos a lugares cada vez melhores'. Os Galo Cant'Às Duas já são uma das grandes surpresas de um ano marcante na produção musical nacional (mais um, diga-se). Cerebral, intenso, construído entre camadas de percussão e instrumentos de cordas numa espécie de pós-rock que quer ser space rock sonhador, cósmico, visceral também, o som do duo de Viseu vai ganhando consistência a cada audição".

Publicidade

O deslumbre, entretanto, não passou, mas os Galo Cant'Às Duas estão já a preparar nova investida. O segundo álbum deverá chegar em inícios de 2019 e foi gravado entre 26 de Agosto e 1 de Setembro, no Carmo'81, em Lisboa. A banda partilhou com a VICE a forma como decorreram as sessões de gravação e criação do novo tomo, num pequeno texto exclusivo e imagens que nos dão um cheirinho do que aí vem. É ler e ver abaixo.

"A sensação de termos os Astros alinhados é a melhor maneira de descrever o que sentimos em relação às opções tomadas para o segundo trabalho do Galo. A estrutura da equipa, que vai aumentando com pessoas maravilhosas, os nossos queridos amigos sempre por perto e dispostos a ajudar, a família que nunca falha, são tudo factores que nos deixam de coração cheio e se reflectem, obviamente, na música que fazemos.

A decisão de gravar este disco no Carmo’81 - a nossa segunda casa, e muitas vezes a primeira - foi importante para sentirmos todo este Amor. O Carmo’81, que tem uma grande importância nas nossas vidas e as amizades que nele habitam – bem espaciais -, deram cor a este novo trabalho.

O nosso produtor, Nuxo Espinheira, um Homem e um profissional de se lhe tirar o chapéu - propz para o gajo - ajudou-nos imenso neste novo processo de gravação e com a experiência dele chegámos a sonoridades que nem esperávamos. Trabalhámos umas 15 horas por dia. Foi intenso, mas super colorido, graças também ao empenho e entusiasmo do Nuxo. Tínhamos que nos conhecer obrigatoriamente. Agora, estamos ligados.

Publicidade

O Rafael Farias, amigo e companheiro de estrada, fotógrafo e gestor de conteúdos do Galo, um profissional que admiramos e parte importante do coração do Ser, que acompanha cada passo do mesmo. Esteve connosco os dias todos a criar conteúdos que adoramos. O Maior.

Musicalmente falando, o Galo mudou um pouco o seu Canto, sentiu necessidade de usar a sua esbelta voz e partilhar a sua mensagem. Andou em tempos a aprender uns passos de dança com uma crew de Galinhas que foi conhecendo por este Portugal…por isto, o beat e o groove são um dos focos para o que aí vem.

Sentimo-nos muito orgulhosos e felizes com o que estamos a alcançar. Mais uma vez, isto é Amor a sério. Queremos muito partilhar este disco com toda a gente, mas…tudo a seu tempo.

Um brinde ao Amor pelo Universo!!!".


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.