Entretenimento

Tudo que você precisa saber antes de assistir 'Pantera Negra'

Um curso intensivo para quem não sabe quase nada sobre o filme.
Madalena Maltez
Traduzido por Madalena Maltez
MS
Traduzido por Marina Schnoor
Imagem via Marvel Studios. 

Texto originalmente publicado na VICE UK.

Então você não sabe porra nenhuma sobre Pantera Negra ou Wakanda, e achava que T'Challa era dança em latim. Ninguém está te julgando — possivelmente é por isso que você está lendo este texto. Espero sinceramente que você não precise mais fingir em outra conversa sobre esse filme do super-herói negro e fodão que está batendo recordes. Então passei um tempo estudando o mundo inteiro de Patera Negra pra você não ter esse trabalho (mas provavelmente deveria). Vamos começar a aula.

Publicidade

Quem merece crédito por criar o 'Pantera Negra'?

Da esquerda para a direita, Jack Kirby e Stan Lee | Imagens via Wikipedia Commons.

OK, inicialmente o crédito vai para uma dupla de caras brancos chamados Stan Lee (roteirista/editor) e Jack Kirby (roteirista/desenhista) da Marvel. No final dos anos 60, as personalidades da Marvel simpatizavam com o movimento dos direitos civis, então usaram a oportunidade para criar um personagem de quadrinhos que encarnava um tipo de afro-heroísmo que ninguém tinha visto antes. O Pantera Negra apareceu pela primeira vez em Fantastic 4 #52, e ele era um rei inteligente, rico e africano pacas. E não, ele não ganhou no nome por causa do partido dos Pateras Negras. Sua primeira aparição foi em julho de 1966, enquanto o grupo antifascista só foi fundado em outubro de 1966.

Da esquerda para a direita, Christopher Priest e Ta-Nehisi Coates.

Créditos extras vão para o roteirista de quadrinhos e um cara negro muito foda Christopher Priest e o desenhista Mark Texeira por expandir a mitologia do Pantera Negra para um mundo não-estereotipado e cinematográfico a partir da edição 62 publicada em 98. Ta-Nehisi Coates veio por volta de 2016 para construir sobre os conceitos que Priest colocou na mesa, se centrando nas questões políticas de um reinado.

OK, então quem é essa cara T'Challa?

T'Challa interpretado por Chadwick Boseman | Imagens cortesia da Marvel.

Ele é o rei. Nosso protagonista. A primeira geração, que estudou em escola particular, com pais ricos que por acaso são o rei e a rainha. Conforme a história, sua mãe biológica morreu no parto, então o rei T'Chaka casou de novo e utilizou seu dinheiro para mandar nosso príncipe africano para estudar no exterior e adquirir um PhD em Física na Universidade de Oxford, Inglaterra. Ele também treinou ginástica olímpica e é mestre em diversas artes marciais, porque sim. Muitas vezes considerado uma das mentes mais intelectuais do universo Marvel, T'Challa estava estudando não só para lutar contra a vilania tradicional, mas também para comandar um país. Depois que seu pai morreu num ataque terrorista em Capitão América: Guerra Civil, T'Challa tomou o manto do Pantera Negra, efetivamente o tornando o líder de uma nação.

Publicidade

E quem é e o que é um Pantera Negra?

Da esquerda para a direita, a irmã de T'Challa, Rainha Shuri, e o Rei T'Challa.

Primeiro, o Pantera Negra pode ser qualquer um com sangue real. Essa é uma distinção muitas vezes omitida para ligar o título a qualquer outro pseudônimo de super-herói básico. T'Challa vai ser sempre T'Challa e o traje do Pantera Negra vai ser sempre o traje do Pantera Negra — um colant revestido de vibranium (vamos chegar nisso) — mas ainda assim um traje. Quem o usa é que tradicionalmente faz a diferença aqui, transformando o objeto inanimado na coroa figurativa que ele é. Usar o colant moldado na forma de um deus pantera místico é ser o rei ou a rainha de uma dinastia de séculos. Como com qualquer liderança, você tem algumas vantagens: habilidades de uma pantera, guarda-costas, um nível VIP para acessar tecnologia futurista, um exército e toda a abundância de riquezas de Wakanda.

E o que acontece com Wakanda?

Imagens cortesia da Marvel.

Wakanda é um reino sul-africano fictício isolado e extremamente rico graças a uma substância chamada vibranium. Basicamente uma utopia nacionalista, belíssima em todo seu esplendor afrofuturista, mas com uma mentalidade muito “fique do seu lado da cerca e não se meta com a gente”. Para realmente entender a razão disso, você precisa ver Wakanda pelo que ela é. Um pedaço de terra sentado numa montanha de ouro. Agora substitua o ouro por um metal raro mágico inquebrável de 10 mil anos, comercializado a mais de US$10 mil a grama, e você entende com o que T'Challa está trabalhando aqui. Com o dinheiro veio a prosperidade, então Wakanda avançou tecnologicamente muito mais rápido que o resto do mundo. Eles têm algo a proteger e portanto nunca foram conquistados dentro de suas fronteiras. Só recentemente eles decidiram se expôr ao resto do mundo para tentar ajudar.

Publicidade

O que é esse negócio de vibranium?

Esse bagulho foi depositado na Terra por um meteorito 10 mil anos atrás. Antes conhecido como um antimetal, ele consegue dissolver outros metais. Ele foi descoberto durante uma expedição a Antártica nos anos 40 (o escudo do Capitão América é feito disso), e também foi descoberto em grandes quantidades em Wakanda pelo Rei T'Chaka. O tipo de vibranium descoberto em solo africano tem a habilidade de absorver ondas sonoras e vibrações, incluindo energia cinética. Praticamente a cidade inteira, além do traje do Pantera Negra, é alimentada por esse metal indestrutível.

Você falou alguma coisa sobre guarda-costas?

O Dora Milaje | Imagem cortesia da Marvel.

Elas se chamam o Dora Milaje. Imagine um coletivo de minas negras fodas no nível da Grace Jones com habilidades similares as do Pantera Negra e você tem o Dora Milaje. Essas mulheres são recrutadas de cada tribo de Wakanda e, tradicionalmente, são usadas como esposas em potencial para um rei solteiro. Mas essa ideia de esposas em treinamento foi riscada da visão original dos quadrinhos de Christopher Priest quando o filme foi feito. Como explicou o produtor do filme Pantera Negra Nate Moore para o Screen Rant. “Sentimos que era desnecessário contar a história do Dora Milaje de uma maneira que todos nós rejeitamos por ser um pouco escrota. Então não vamos explorar isso.”

OK, e Wakanda tem vilões?

Killermonger interpretado por Michael B. Jordan.

Historicamente sim. Afinal é um reino e um reino precisa de oposição. Além de uma rebelião aqui e ali, você pode contar o holandês/sul-africano Ulysses Klaue como um desses caras. Ele tem uma longa história de ir atrás do raro vibranium de Wakanda para seus esquemas de cientista louco. Depois você tem Killermonger (nome de nascença, N'Jadaka), que nutre um ódio pelo trono de Wakanda depois que seu pai morreu em certas circunstâncias (e ele é interpretado pelo incrível Michael B. Jordan no filme). Ele é o oposto de T'Challa, nascido numa parte pobre do Harlem. Seu intelecto e habilidades se comparam com os de T'Challa, e ele serviu o exército e estudou no Instituto de Tecnologia de Massachusetts. O objetivo dele como vilão não é tão old school (dominar/destruir o mundo) quanto você pensa.

Publicidade

E onde o Pantera Negra se encaixa no Marvelverso e quem está por trás disso?

Como mencionei, o Pantera Negra (interpretado por Chadwick Boseman) como muitos wakandianos é historicamente isolacionista, a não ser que um conflito afete seu povo. Mas acontece que o pai dele, T'Chaka, morreu em solo norte-americano… então sim. O Pantera Negra em resposta se injetou num conflito internacional envolvendo bater cabeça com Os Vingadores (em Capitão América: Guerra Civil) para tentar encontrar o assassino e levá-lo à justiça. O assassino, claro, foi encontrado, tudo estava bem, e T'Challa retornou para casa pra fazer coisas de rei. Mas dois adversários vieram para estragar a festa. Independentemente disso, ele se tornou um cara que procura ajudar os necessitados com sua riqueza e recursos; mas não se engane. Sua preocupação principal é e sempre vai ser Wakanda.

E o filme é bom?

Resposta longa; publicaremos uma crítica em breve. Resposta curta, PRA CARALHO.

Quanto ele vai fazer de bilheteria?

Todo o dinheiro do mundo.

Como os supremacistas brancos estão lidando com isso?

Mal.

Siga o Noel Ransome no Twitter.

Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter e Instagram.