Actualidade

Há vida para além do Coronavírus

António Costa, Jorge Mendes e Bolsonaro fazem parte deste desfile pós-Carnaval.
04 March 2020, 7:08pm
PRINCIPAL (3)
A arte a caricaturar a doença do momento. (A imagem corresponde à obra do italiano Salvatore Benintende aka TVBOY, numa rua em Barcelona. Cortesia de Pau Barrena, AFP via Getty Images).

Texto actualizado na manhã de Terça-feira, 10 de Março.

O Carnaval já lá vai, as implicâncias do Coronavírus parecem não ter fim à vista e, de repente, metade do tempo dos noticiários é gasto com a doença do momento. Para que tenhas a certeza de que há vida para além disso, distribuímos onze máscaras por onze figuras públicas – dez de Portugal e uma do outro lado do Atlântico - que, por boas ou más razões, estão na ordem do dia.

Entretanto, desde o início desta semana (2 de Março), o Covid-19 chegou a Portugal.

ALBERTO SOUTO (secretário de Estado Adjunto e das Comunicações)

Fantasia: Red, personagem de Angry Birds

Filme Angry Birds/2016. (Cortesia Sony Pictures Releasing)

Motivo: Ao defender o aeroporto do Montijo, conseguiu o inacreditável rasgo: “Os pássaros não são estúpidos e é provável que se adaptem”. E eu a pensar que parvos eram os que pretendem mudar a lei quando esta não os convém. A elevação da política a voar bem baixinho…

ANTÓNIO COSTA (Primeiro-Ministro)

Fantasia: Rambo

Filme Rambo 1/1982. (Cortesia Orion Pictures)

Motivo: Devido ao processo de Tancos, o chefe de Executivo respondeu às 100 perguntas do juiz Carlos Alexandre como testemunha de Azeredo Lopes. Ao constatar que algumas “versões parciais” do depoimento escrito apareceram nos media, Costa não se fez rogado e quis mostrar-se forte ao publicar tudo o que escreveu. A mesma força que supostamente pediu para que despedissem Ana Leal da TVI, quando a jornalista andava a investigar os contratos do SIRESP. O ilustre socialista era, na altura, ministro da Administração Interna.

BRUNO DE CARVALHO (ex-presidente do Sporting)

Fantasia: Lata

O famoso produto popularizado por Andy Warhol. (Cortesia do site gratispng.com)

Motivo: Depois de tudo o que aconteceu na parte final do seu mandato como líder do clube leonino e de ter sido expulso como sócio - a juntar ao facto de estar acusado de ser um dos autores morais da violência em Alcochete - , Bruno de Carvalho ainda acha que tem condições para voltar a presidir a instituição que mora em Alvalade. É preciso ter uma “ganda”…

CARLOS COSTA (Governador do Banco de Portugal)

Fantasia: Stevie Wonder

Imagem retirada do facebook do músico norte-americano.

Motivo: Quando somos confrontados com casos de grande magnitude como o Luanda Leaks, a supervisão do Banco de Portugal mostra-se incapaz em toda a linha. A eventual cegueira (leia-se falhas) é propositada?

INÊS SOUSA REAL (Líder parlamentar do PAN)

Fantasia: Greta Thunberg

Imagem do facebook da jovem activista sueca.

Motivo: O partido Pessoas-Animais-Natureza continua a batalhar em prol de melhores condições de vida para os portugueses, para os animais e por uma agenda ecológica que não é faz de conta (ao contrário de outros). A propósito da solução para a esgotada Portela, a deputada Inês Sousa Real espera que o governo “seja inteligente” e escolha a opção Beja. O disfarce “Greta” assenta na perfeição à líder parlamentar do PAN.

JAIR BOLSONARO (Presidente do Brasil)

Fantasia: Middle Eye, personagem de Apocalypto

Filme Apocalypto, lançado em 2006. (Cortesia Buena Vista Pictures)

Motivo: O campeonato das idiotices entre Trump e Bolsonaro está imparável. Recentemente, o político da América do Sul disparou esta “pérola”: “Com toda a certeza, o índio mudou, tá evoluindo. Cada vez mais o índio é um ser humano igual a nós”. É mascarar Bolsonaro a rigor e enviá-lo numa máquina do tempo para experimentar a dureza do passado indígena…

JOACINE KATAR MOREIRA (Deputada não inscrita)

Fantasia: Zita Seabra, a social-democrata que antes era comunista

Cartaz no final dos anos 90 quando Zita Seabra se candidatou à câmara de Vila Franca de Xira pelo PSD. (Cortesia da Associação Cultural Ephemera)

Motivo: Têm sido meses em polvorosa para a antiga representante do povo pela mão do Livre. Depois do choque frontal com o partido e de vários azedumes com o deputado do Chega, Joacine parece agora encostar-se ao PS – tendo votado surpreendentemente contra a descida do IVA da electricidade. Estará a caminho do Largo do Rato?

JOÃO FÉLIX (Futebolista do Atlético de Madrid)

Fantasia: Renato Sanches com a camisola do Bayern de Munique

Motivo: Uma das grandes transferências do Verão passado ainda não convenceu no seu novo clube. Até ao momento, o percurso parece similar ao fiasco que foi Sanches quando este jogou na formação da Baviera.

JORGE MENDES (Empresário de futebol)

Fantasia: Bruce, o tubarão de Finding Nemo.

Há quem coma alegadamente grandes fatias do bolo das transferências de jogadores (Filme À Procura de Nemo/2003. Cortesia Buena Vista Pictures Distribution)

Motivo: A fresca “Operação Fora de Jogo” constituiu 47 arguidos, entre os quais atletas profissionais de futebol, dirigentes desportivos e agentes. Em causa estão suspeitas de crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais. Jorge Mendes e gente “de topo dos três grandes” são alguns dos envolvidos. É só mais uma grande quantidade de lenha para aumentar a chama do já pouco respeitável futebol português. Ainda acreditas que os leaks de Rui Pinto são inúteis?

MARCELO REBELO DE SOUSA (Presidente de Portugal)

Fantasia: Cláudio Ramos, apresentador televisivo

Motivo: Cristina Ferreira anda (ou andou?) à procura de um “novo vizinho” para o seu programa. Não achas que Marcelo tem o perfil adequado para esta missão? Paletes de afecto não faltam ao “populista fofinho e emplastro 2.0”, podia ser o empurrão definitivo para a maioria absoluta nas presidenciais de 2021 e, porque o seu dia parece ter 35 horas, pode guardar um tempinho para ler a nova obra literária do seu “antecessor”…

Já reparaste que o professor está em todas? Na estreia de Isto é Gozar Com Quem Trabalha, na SIC, lá tivemos que levar com os bitates do “Senhor de Belém”. O Fernando Mendes que se cuide. Qualquer dia, ainda arranjam um programa a Marcelo para bater as audiências do Preço Certo.

FRANCISCA VAN DUNEM (Ministra da Justiça)

Fantasia: Comediante Amy Shumer

Há políticos que mais valia ficarem em casa, em vez de tentarem ser engraçados na TV. (Espectáculo Growing/2019. Cortesia Netflix)

Motivo: Inexplicavelmente, no meio do torrencial de notícias centradas na "bandalheira” que parece ter tomado conta do Tribunal da Relação de Lisboa, a ministra da Justiça achou mais conveniente ir a um programa humorístico do que conceder uma entrevista jornalística. Conclusões? Ricardo Araújo Pereira capitalizou nas audiências e o país viu a governante a sorrir como se o seu ministério vivesse dias normais.

Era preferível que Van Dunem ficasse em casa a ver o stand-up Growing da comediante Amy Shumer. Teria sido mais útil ao seu parco sentido de humor.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.