Noticias

Ex-atriz pornô Mia Khalifa afirma ter sido ameaçada pelo Estado Islâmico

"Você não pode demonstrar fraqueza", contou em um programa de rádio.
A libanesa Mia Khalifa. Foto: reprodução/ Facebook

Em entrevista recente ao programa de rádio norte-americano Sports Junkie, a ex-atriz pornô, atual comentarista de esportes e digital influencer libanesa Mia Khalifa, 24, afirmou ter sido ameaçada pelo Estado Islâmico. Por telefone, ela contou aos apresentadores que o acontecido elevou seus padrões. "Olho para um torcedor do Dallas Cowboys [time de futebol americano] e penso: 'Você não pode me machucar. Você não me dá medo'". A comparação foi feita porque ela torce para o Washington RedSkins, principal rival do Dallas Cowboys.

Publicidade

Questionada sobre como se deu a ameaça, Mia contou que uma foto-montagem na qual ela era decapitada foi postada nas redes sociais. Um dos apresentadores rebateu: "Você não teve medo?". Ela respondeu que sim. "Mas você não pode demonstrar fraqueza. É o que eles querem", finalizou. É possível ver e ouvir um trecho da entrevista em inglês neste link.

A ameaça foi supostamente feita porque Mia aparecia com roupas típicas usadas por muçulmanas em um vídeo pornô.

Sua carreira na indústria de filmes adultos durou apenas três meses e acabou em 2016. Ainda assim, segundo o PornHub, ela foi o nome mais buscado no site em 2015.

Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter e Instagram.