Publicidade
Creators Meets

Catarina GLAM, a paixão pelas formas, pelos materiais e pelas máquinas

Do graffiti e da pintura de murais dos primeiros dias, a arte urbana de GLAM evoluiu para um universo multidimensional, onde o papel, a madeira e as máquinas são essenciais.

Por VICE Staff; fotos por Jean-Marc Joseph
27 Abril 2018, 6:00am

Catarina GLAM começou o percurso no Mundo da arte urbana no ano 2000, numa altura em que a paixão pelas cores e formas assumiu uma maior dimensão na sua vida. Numa primeira fase dedicou-se ao graffiti e à pintura de murais, mas não tardou até se envolver noutras plataformas, suportes, escolha de materiais e recurso à maquinaria.

Os trabalhos multidimensionais são, hoje, a característica mais vincada do seu corpo de trabalho e o papel e a madeira a matéria-prima com que dá asas a uma criatividade sem limites. O universo de GLAM é, pois, vasto e complexo, uma espécie de caos organizado que tem reflexo directo no seu estilo.

Tudo o que desenvolve é feito de forma criteriosa e, por mérito próprio, uma prova cabal de que Catarina é uma artista atenta ao mais ínfimo pormenor. Parte do Colectivo Coruja (que integra a plataforma de apoio à criação CORUJA PARA AS ARTES) juntamente com oito outros street artists - entre os quais Kruella d'Enfer e Mário Belém - GLAM abre-nos agora a porta para o seu mundo.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.

Tagged:
video
Graffiti
Creators
Portugal
Lisboa
arte
artistas
Patrocinado
artes plásticas
Máquinas
Documentário
Sociedade
escultura
Murais
arte urbana
Destaques
Coruja
Sponsorizado
Artistas portugueses
artista portuguesa
plataforma artística
Colectivo Coruja
artistas urbanos portugueses
catarina glam
CORUJA PARA AS ARTES