Retira o texto da publicidade. O que te dizem as imagens?
house rules! 1957/2015

FYI.

This story is over 5 years old.

Entretenimento

Retira o texto da publicidade. O que te dizem as imagens?

Hank Willis Thomas retrata 100 anos de estereótipos gerais da sociedade perpetuados através da publicidade.
31.12.15

Este artigo foi originalmente publicado na nossa plataforma i-D.

Todos sabemos que uma imagem vale mais que mil palavras, mas o mais interessante é que, juntando um texto com uma imagem, podemos mudar radicalmente a nossa percepção da mesma. Normalmente, as campanhas publicitárias são criadas a partir de ambos os elementos, mas quando eliminamos o texto e ficamos só com a imagem, como é possível que convivamos sem problema com todos estes estereótipos?

Publicidade

Depois da exposição Unbranded: Reflections in Black by Corporate America 1968 – 2008, onde mostrava 82 anúncios publicitários em revistas, dirigidos a um público afro-americano nos Estados Unidos - e onde eles apareciam sem textos nem logotipos - o artista Hank Willis Thomas inaugurou este ano uma nova mostra "Unbranded: A Century of White Women, 1915-2015". Desta vez, Thomas retrata 100 anos de estereótipos gerais da sociedade perpetuados através da publicidade.

E o que é que sobra da publicidade quando se elimina o texto? Um exemplo: uma mulher em lingerie é agarrada em cinco direcções diferentes por homens com camisolas de gola alta. Na televisão os anúncios deixam-nos presos aos produtos e vendem sonhos, mas, uma vez suprimidos dos textos que acompanham as imagens, a mensagem é clara: as mulheres são objectos puros, são inocentes e privilegiadas e, por sua vez, estão completamente marginalizadas e limitadas nas suas vidas e no seu trabalho (claro, quando as deixam sair de casa).

Será que estamos a exagerar? Dá uma olhadela nas imagens que se seguem.