FYI.

This story is over 5 years old.

Outros

Organizando Casamentos/Eventos Apocalípticos

Antecipar uma ameaça de aniquilação humana global no dia mais importante da sua vida é tão fundamental quanto escolher o vestido ou o buffet.
11.3.11

Antecipar uma ameaça de aniquilação humana global no dia mais importante da sua vida é tão fundamental quanto escolher o vestido ou o buffet. As constantes ameaças de destruição global, extermínio social, e tragédias relacionadas ao clima indicam sintomas de um apocalipse próximo e não podem ser ignoradas. As mais recentes notícias de fúria animal relacionada ao clima, o Egito no meio de uma revolução, o tsunami que bateu no Japão, a China enfrentando sua pior seca em 200 anos, tempestades de inverno e arcos-íris aberrantes, geralmente deixando todo mundo assustado – além dos vários comércios antigos falindo – são sinais de um dia apocalíptico que está chegando, seja natural ou causado pelo homem. Arrumar todos os detalhes do seu casamento é algo complicado, se preocupando ou não com a Terra sendo destruída em pedaçinhos. Preparar uma lista estratégica vai assegurar que você e seu parceiro tenha uma cerimônia e festa de sucesso, não importa o que aconteça.

Publicidade

1. Queime tudo ou poupe?
Não há como ter certeza que o fim dos tempos está próximo: a morte de toda civilização como a conhecemos pode demorar milhões de anos, então ela não deve impactar o seu orçamento se você sonha com um casamento elaborado. Levando em conta eventos cósmicos não previstos, como a fome, as pragas, guerras, terrorismo, mudanças climáticas ou máquinas ganhando consciência e desenvolvendo um exército louco de robôs assassinos para destruir a humanidade – você ainda vai precisar de um vestido! Seja ele de ponta-de-estoque ou da Vera Wang, esse é seu dia muito, muito especial, então não tem problema você gastar um pouquinho.

2. Lista de casamento
Máquinas de espresso europeias, prataria de luxo e candelabros de cristal são muito bonitinhos. Se terroristas contra o estado enganarem as autoridades, fazendo-as acreditar que a CIA tentou explodir os oleodutos sino-russos, começando uma guerra nuclear mundial, um vale-presente de qualquer loja de sobrevivência vai te valer mais do que um monte de panelas de cobre da Williams-Sonoma. E capas contra tempestade do seu mercado local para pescadores é ao mesmo tempo estiloso e prático em caso de condições apocalípticas hidrometereológicas.

3. Respeitando tradições
Quebrar um copo, pular a vassoura e passar sob um túnel de espadas são costumes incríveis que honram os parentes e amigos próximos e ainda trazer boa sorte ao casal de pombinhos. Se você decidir participar de tradições de família ou religiosas, tenha certeza de que é algo que queira estar envolvido. Se decidir não entrar na igreja usando uma metralhadora sob o corpete do seu vestido (porque o seu futuro sogro insiste que a família se defenda contra a “guerra civil racial que vem aí”), então você não precisa fazê-lo.

Publicidade

4. Como escolher o local
Fechado ou aberto? Incidentes catastróficos do meio ambiente e metereológicos como super-tornados, mega-tsunamis e hiper-furacões podem causar ventos devastadores, ondas gigantescas e alagamentos bíblicos, enquanto terremotos e vulcões pode dizimar cidades e destruir continentes. Isso não apenas acaba com penteados caros, meninas, mas também acabam com as fotos do casamento. Procure uma área alta em uma estrutura reforçada de concreto, sempre evitando cidades de muito terremoto e zonas de falhas geológicas ativas. Casamentos na praia estão por fora; mas casamentos com temática dentro de submarinos estão super dentro!

5. Mãos e pés
“No dia ou no dia anterior?” Normalmente, cuidar das suas unhas deixa que o esmalte seque direito e evita qualquer problema de última hora na manhã do sagrado evento. E se o seu casamento acontecer no mesmo dia que há um ataque de mísseis de antraz? Tente colocar uma máscara de oxigênio com as unhas não secas!

6. Comida
Menu fechado ou buffet? Um holocausto nuclear mundial pode começar por uma variedade de razões: terrorismo, discussões acirradas entre duas super-potências, ou simplesmente erro humano. Um jantar de cinco pratos pode ser problemático se seus convidados devem evacuar o local. Se você está em um abrigo da Defesa Civil, por que não considerar um buffet? Os buffets cortam os gastos com garçons (menos decisões morais de quem deve ficar no abrigo); e mini-quiches entram fácil em bolsos e bolsas.

Publicidade

7. Álcool
Open bar ou bar pago? Cerveja e vinho ou bar completo? Nenhum casamento é perfeito sem álcool, e um bar bem estocado garante uma festa mágica em qualquer situação. Um asteróide, ou meteoro podem causar uma devastação mundial sem precedentes, e ninguém quer encarar isso sem um uísque nas mãos. Pode dobrar as bebidas.

8. DJ ou banda?
Uma dominação mundial por inteligências artificiais podem parecer coisa de ficção-científica, mas não tem como realmente saber o que o governo está fazendo. Enquanto você pensa na lista de convidados, máquinas computadorizadas complicadas estão lendo latim clássico e construindo armas. Em breve elas devem ter auto-consciência e aprenderão a nos odiar. Você não quer estar dançando a “Macarena” quando os robôs se tornarem auto-conscientes; e uma banda ao vivo não te defenderá dos exércitos dos robôs assassinos. DJs são econômicos – mas mais pessoas em uma banda significa mais pessoas para os robôs matarem, esperançosamente dando mais tempo pra você trocar de vestido e fugir.

9. O bolo de casamento
Achar o bolo exato para o dia dos seus sonhos é um dos pontos alto de se planejar um casamento. “Mas e se o meu casamento ocorrer no meio de uma pandemia mundial viral de febre hemorrágica?” Já é difícil decidir o desenho e o sabor, mas é mais difícil ainda achar um boleiro que não esteja sofrendo de uma hematêmese meio nojenta. Pra não infectar os seus convidados, tente sempre procurar empresas de bolo respeitáveis em área não contaminadas. Bolos de cenoura, laranja, gengibre e amêndoas harmonizam bem com a maioria das roupas anti-contaminação.

10. O after-party
Uma vez que já deu conta de todos os mínimos detalhes, é hora de decidir se quer continuar a festejar o correr para se abrigar nas cavernas. Cheque com sua dama-de-honra pra ver se seus convidados estão sendo bem recebidos; faça questão que todos assinem o livro de convidados e que recebam suas lembrancinhas (máscaras de oxigênio, walkie-talkies e barras de chocolate), e frequentemente monitore as rádios e televisões em caso de alertas de emergência. E não esqueça de tirar o vestido antes da festa e o guarde decentemente.

O mundo pode acabar a qualquer momento, mas sua vida como casal está prestes a começar. Mesmo que toda a vida humana esteja ameaçada por um holocausto nuclear, ou pela inversão dos pólos magnéticos, ou por robôs sanguinários petulantes que cantam “Carthago delenda est!” – um casamento forte e sadio é baseado na comunicação e planejamento entre você e sua esposa. Sua felicidade e sobrevivência depende disso. E se o mundo realmente acabar no dia do seu casamento, lembre-se – você não terá que pagar por nada! Muita felicidades e boa sorte!

TEXTO POR MICK STINGLEY VICE US
TRADUÇÃO POR EQUIPE VICE BR