Noticias

Boletim Matutino da VICE

Tudo o que você precisa saber sobre o mundo esta manhã com curadoria da VICE.
2.2.18
Faustão, Angélica e Luciano Huck. Foto: Reprodução/TV Globo

Dia 2 de fevereiro é dia de festa no mar — é dia de Iemanjá. O dia dela chegou, dá o play e vem:

Brasil

Temer não consegue provar que está vivo e tem aposentadoria suspensa
Michel Temer (PMDB), aposentado como procurador do estado de São Paulo, ficou sem receber aposentadoria nos meses de novembro e dezembro. A aposentadoria deixou se ser efetuada nesses dois meses devido à falta de "prova de vida", um recadastramento que o presidente deveria ter realizado em setembro, mês em que ele comemora aniversário. Mas engana-se quem acha que era tática para abrir mão do "privilégio" que foi a aposentadoria de Temer, realizada aos 55 anos. Segundo o Planalto, "tão logo tomou conhecimento, o presidente adotou medidas para o recadastramento". — G1

Apesar de receber auxílio-moradia, Moro mora em imóvel próprio em Curitiba
O juiz Sergio Moro adquiriu em 2002 um apartamento de 256 metros quadrados no bairro do Bacheri, em Curitiba, há 3 quilômetros de distância da sede da Justiça Federal de Primeiro Grau na capital paranaense, onde trabalha. Ainda assim, Moro recebe auxílio-moradia de R$ 4.378 desde 2014, se aproveitando de uma liminar do ministro do STF Luiz Fux estendeu o benefício a todos os magistrados. — Folha de S. Paulo

Publicidade

Fux acha possível julgar ações contra Bolsonaro nos próximos seis meses
O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, disse em entrevista à imprensa nesta quinta-feira (1º) que acha possível julgar nos próximos seis meses o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) por suposta apologia ao crime e injúria. O deputado é réu em duas ações por ter afirmado, em 2014, que a deputada Maria do Rosário (PT-RS) não merecia ser estuprada porque ele a considera "muito feia" e porque ela "não faz" seu "tipo". — G1

TSE intima Globo e Huck em ação movida pelo PT por abuso de poder econômico
O ministro Napoleão Nunes Maia Filho, do Tribunal Superior Eleitoral, determinou que a TV Globo e os apresentadores Luciano Huck e Fausto Silva sejam intimados a se manifestar em processo movido pelo PT por abuso de poder econômico. O PT acionou os apresentadores e a rede de TV no começo de janeiro, depois que Huck participou do "Domingão do Faustão" e foi entrevistado, entre outros assuntos, sobre política. Na conversa, Huck falou que não será candidato a presidente e negou ser um "salvador da pátria". — UOL

Justiça proíbe Doria de usar marca do programa Cidade Linda
Justiça proibiu o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), de usar a marca SP-Cidade Linda❤, nome do programa de zeladoria urbana do município. A liminar atende pedido do promotor Wilson Tafner, que entrou nesta quinta-feira (1º) com uma ação civil pública contra o prefeito. A Prefeitura afirma que vai recorrer da decisão. Para o promotor, o uso da marca caracteriza "a promoção pessoal do administrador público, configurando, consequentemente, ato de improbidade administrativa". — G1

Publicidade

Morte de macacos pode aumentar o risco de febre amarela humana, dizem especialistas
Fotos de corpos de macacos, muitos deles executados, têm se espalhado pela internet desde o aumento, nos últimos meses, dos casos de febre amarela em regiões dos Estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal. Mas, segundo especialistas ouvidos pela BBC, matar os bichos expõe os seres humanos a riscos maiores de contrair febre amarela — os mosquitos que têm os macacos como alvo preferido podem cada vez mais procurar sangue humano para substituir o de outros primatas, aumentando a chance de que humanos contraiam a doença. Só este ano, dos 144 macacos mortos recolhidos pela Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses do Rio de Janeiro para testes de febre amarela, 69% foram executados — apresentavam várias fraturas ou veneno no organismo. — BBC

Homem é preso em Pernambuco após esquartejar outro em ritual para ficar rico
José Minervino Anjos dos Santos, de 26 anos, foi preso pela polícia pernambucana nesta quinta-feira (1) em Moreno, na região metropolitana de Recife, depois de ser levado pela polícia à própria casa para prestar esclarecimentos sobre o mau-cheiro que vinha dali e que fez os vizinhos acionarem as autoridades. Lá a polícia encontrou partes de um braço e perna, mãos, arcada dentária e ainda uma cabeça em alto estágio de decomposição. Em entrevista à Rádio Jornal Pernambuco, Santos afirmou que o corpo esquartejado fazia parte de um ritual para ele "ficar rico". — Rádio Jornal

Publicidade

Mundo

Secretário de Estado dos EUA sugere golpe contra Maduro na Venezuela
Rex Tillerson, secretário de Estado dos Estados Unidos, sugeriu em um discurso na Universidade do Texas nesta quinta-feira (1) a possibilidade de um golpe militar na Venezuela derrubar o governo de Nicolás Maduro. Tillerson, que ainda reclamou da presença de Rússia e China na América Latina, começa uma viagem pela região já na quinta, passando pelo México e também por Peru, Argentina, Colômbia e Jamaica. — Folha de S. Paulo

Filho mais velho de Fidel Castro se suicida aos 68 anos
Morreu nesta quinta-feira (1º) Fidel Castro Díaz-Balart, de 68 anos, filho mais velho do ex-presidente cubano Fidel Castro Ruz. Segundo a imprensa estatal cubana, ele cometeu suicídio. O único filho nascido do casamento de Fidel Castro com Mirta Diaz-Balart, conhecido popularmente como "Fidelito", estava em "depressão profunda" há vários meses, segundo o jornal "Granma". — G1

Canadá altera hino nacional para respeitar neutralidade de gênero
O Senado do Canadá aprovou um projeto de lei que altera um trecho do hino nacional, intitulado "O Canada", a fim de respeitar a neutralidade de gênero na letra da canção. A mudança se dá na segunda linha da versão em inglês do hino, originalmente escrito em francês, que diz: "Verdadeiro amor patriota, em vossos filhos comanda". O projeto de lei prevê a substituição das palavras "vossos filhos" ("thy sons") por "todos nós" ("all of us"). Em inglês, o termo "sons" se refere apenas a filhos do sexo masculino. — G1

E mais

Mano Brown dá a maior orelhada do ano em entrevista no Rio Grande do Sul
Às vésperas do show do Racionais MCs no tradicional festival gaúcho Planeta Atlântida, Mano Brown soltou o verbo em uma entrevista ao portal da Rádio Gaúcha Zero Hora, do Rio Grande do Sul. Em um papo reto e brutalmente sincero, o vida loka original atacou o conservadorismo dos fãs de Racionais, elogiou Anitta, Ludmilla e a nova geração de rappers e terminou dizendo que, por ele, o grupo “não gravava [músicas inéditas] nunca mais”. — Gaúcha ZH