Publicidade
Este artigo tem mais de 5 anos.
música

Discos: Halasan Bazar

Os motores do foguetão já estão a aquecer.

Por Miguel Arsénio
26 Março 2013, 10:50am


Space Junk
Crash Symbols
7/10


E que grande momento é aquele em que o Homer Simpson abre um pacote de batatas fritas num foguetão com gravidade zero, e começa a comê-las ao som daquela valsa do Strauss. De ouvidos pregados neste Space Junk, imaginaríamos também Fredrik Eckhoff, principal compositor dos Halasan Bazar, a flutuar entre influências várias, a caminho de um planeta onde vivem todas as coisas psicadélicas e a pop.

Mais do que recuperar uma catrefada de deixas musicais à padeiro, Fredrik Eckhoff sabe fazê-lo de maneira equilibrada e evitando geralmente a fixação numa só referência. Quando a sua voz soa mais a Daniel Johnston a cantarolar no espaço, isso não acontece sem haver também um contraponto tranquilo de Neil Young a vigiar as ovelhas na fazenda. Se há nos xilofones e demais metais aquele feeling deslumbrado dos Zombies, mais tarde ou mais cedo aparece a excentricidade de uns Savage Resurrection. Fredrick Eckhoff parece geralmente eufórico, mas tantas vezes canta como um passageiro que vai ao lugar junto da janela, no foguetão, sem estar muito impressionado por isso.

Tudo isto está espalmado no vinil que a Crash Symbols lança por esta altura. Eram já muitas as canções disponíveis no Bandcamp da banda, mas Space Junk soa agora ao melhor de que a banda é capaz em 2013. Os motores do foguetão já estão a aquecer.