O guia definitivo para cada um dos samples de ‘The Life of Pablo’
Wikimedia Commons

FYI.

This story is over 5 years old.

O guia definitivo para cada um dos samples de ‘The Life of Pablo’

Fizemos uma lista com os trechos de sons utilizados no sétimo altamente antecipado disco do Kanye West – de Arthur Russell a Yoko Shimomura.

A não ser que você esteja morando em uma caverna nas últimas semanas (o que talvez não fosse o suficiente), você já ouviu The Life of Pablo de Kanye West a essa altura, seu sétimo não-ortodoxo, obscuramente pessoal, ocasionalmente feio e muitas vezes excelente disco.

Falamos aqui no THUMP sobre a relação do rapper com a música eletrônica ao longo da carreira, e como ele deixou de criar batidas para criar tendências a cada novo álbum. Por mais que seus colaboradores tenham mudado ao longo dos anos, a forma como West emprega samples obscuros e inesperados (além dos produtores certos para fazer de suas músicas grandes hits) segue sem igual.

Publicidade

Portanto, sem esticar mais esse chiclete, aqui está um guia para cada sample do TLOP.

Arthur Russell, "Answers Me"

Sampleada em: "30 Hours"

O que é mais doido, o produtor de LA Karriem Riggins usar "Answers Me" da lenda cult Arthur Russell, do seu disco de 1986 World of Echo, ou o fato de que Kanye meteu Andre 3000 no estúdio e só fez ele cantarolar um outro?

Barbara Tucker, "I Get Lifted (The Underground Network Mix)"

Sampleada em: "Fade" Utilizado originalmente em "Deep Inside" (ver abaixo).

Desiigner, "Panda"

Sampleada em: "Pt. 2"

Por que pegar o Future para uma participação quando se pode pegar um cara parecido lá de Nova York do alto de seus 18 anos por um décimo do preço? Com sorte o mais recente contratado da G.O.O.D. Music faturou bem pelo uso de seu (contagiante) único sucesso até então.

Drake & Future, "Jumpman"

Sampleada em: "Facts (Charlie Heat Version)"

Quer se sentir velho? Faz quatro meses que essa música saiu.

Fantastic Freaks, "Fantastic Freaks At The Dixie"

Sampleada em: "Waves"

Não se faz mais contagem regressiva em músicas como antigamente.

Father's Children, "Dirt And Grime"

Sampleada em: "Facts (Charlie Heat Version)"

Ao passo em que a "Facts" original era um sonzinho perdido no SoundCloud, a versão do disco foi bombada pelo produtor Charlie Heat, mantendo o sample cheio de alma de um disco de 1973 escavado pelo selo especializado em material antigo Numero Group.

Ghostface Killah, "Mighty Healthy"

Sampleada em: "No More Parties In L.A."

Fãs mais atentos lembrarão que o vocal de Supreme Clientele foi usado anteriormente por Kanye em "New God Flow", na compilação de 2012 da G.O.O.D. Music intitulada Cruel Summer.

Publicidade

Goldfrapp, "Human"

Sampleada em: "Freestyle 4"

Lembra do Goldfrapp? Lembra do começo dos anos 2000? O violino sinistro de "Freestyle 4" veio desta canção do duo eletrônico londrino, presente em seu disco de estreia Felt Mountain.

Googoosh, "Talagh"

Sampleada em: "Feedback"

Do disco de 1992 da cantora pop e atriz iraniana, Pol.

Hardrive, " Deep Inside"

Sampleada em: "Fade"

Nos empolgamos quando ouvimos pela primeira vez o hino house clássico de Louie Veja, Kenny Dope e Erick Morillo em "Fade", lá em outubro, e a versão final não desaponta

Il Rovescio Della Medaglia, "Mi Sono Svegliato E… Ho Chiuso Gli Occhi"

Sampleada em: "Famous" Nas palavras do usuário do YouTube "BeatProvider Italy": "Sou italiano e nem conhecia essa canção… Que arqueólogo de samples!".

Isaac Hayes, "Joy"

Sampleada em: "30 Hours"

Pra quem sente falta do Kanye mais soul, não há lembrança melhor que a bateria deslizante em "30 Hours".

Junie Morrison, "Suzie Thundertussy"

Sampleada em: "No More Parties In L.A."

Depois de Madlib ter revelado em uma entrevista de 2010 pra L.A. Weekly que tinha umas cinco batidas só na espera para Dark Twisted Fantasy, fãs do produtor de Los Angeles ficaram pensando se alguma delas veria a luz do dia. Correndo o risco de soar gananciosos, torcemos pra ver o resto um dia.

Larry Graham, "Stand Up And Shout About Love"

Sampleada em: "No More Parties In L.A."

Mais conhecido como o tio de Drake e inspiração em estúdio para The Life of Pablo, Larry Graham era membro do lendário grupo norte-americano Sly and the Family Stone, fundador e frontman da banda de funk Graham Central Station. "Stand Up And Shout About Love" do álbum solo do baixista, arremata com estilo o som em que Kanye revela o seu famigerado primo ladrão de laptop.

Publicidade

Kings Of Tomorrow, "So Alive (Acapella)"

Sampleada em: "Low Lights"

Kings Of Tomorrow é um dos muitos nomes usados pelo DJ e produtor de house nova-iorquino Sandy Rivera, e apostamos que foi a dupla DJ Dodger Stadium, de Los Angeles, que chegou com essa.

Mr. Fingers, "Mystery Of Love"

Sampleada em: "Fade"

Como uma só música pode ter tantas pedradas?

Natalie Is Great, "We Don't Want No Devils In The House"

Sampleada em: "Ultralight Beam"

Hoje em dia é comum que Vines virais tornem-se músicas prontas pra pista, mas Kanye foi além e começou seu novo disco com um vídeo do Instagram de uma criança de quatro anos.

Nina Simone, "Do What You Gotta Do"

Sampleada em: "Famous"

Depois de ter colocado "Strange Fruit", de Nina Simone no colossal hino de Yeezus, "Blood On The Leaves", Hudson Mohawke toma emprestado um tiquinho da discografia da icônica cantora mais uma vez, desta vez seu cover do The Four Tops de 1969, "Do What You Gotta Do".

Pastor T.L. Burnett, "Father I Stretch My Hands"

Sampleada em: "Father Stretch My Hands Pt. 1" & "Pt. 2"

Logo no início, Kanye descreveu The Life Of Pablo como "na verdade um disco gospel" e é difícil discutir com tal rótulo levando em conta as faixas do meio do disco, faixas que pegam emprestado seu título de uma canção do pastor (e vigarista) de Chicago, T.L. Burnett, "Father I Stretch My Hands".

Rare Earth, "(I Know) I'm Losing You"

Sampleada em: "Fade"

Os vocais no começo de "Fade" são de Gil Bridges, vocalista principal da banda de blues rock da Motown, Rare Earth.

Publicidade

Section 25, "Hit"

Sampleada em: "FML"

Após Kanye ter produzido "Tell Your Friends" do The Weeknd do disco de 2015 Beauty Behind the Madness, a estrela canadense do R&B retribuiu o favor ao dar uma forcinha em "FML", que tem samples da desconhecida banda pós-punk inglesa Section 25 e sua faixa "Hit".

Sister Nancy, "Bam Bam"

Sampleada em: "Famous"

Possivelmente o melhor uso de sample em The Life of Pablo, o hit dancehall muitíssimo sampleado de Sister Nancy sobre liberação sexual é a contraparte perfeita ao gancho melodioso de Rihanna. Quando entrevistada pela Billboard sobre a faixa, Nancy reagiu com leve indiferença: "O mais engraçado – eu nem entendo o que dizem, então nem tento ouvir".

Sugar Minott, "Walking Dub"

Sampleada em: "Wolves"

Desde que estreou a música no Adidas Yeezy Season 1, "Wolves" mudou diversas vezes), mas felizmente a batida sinistrona de Cashmere Cat e Sinjin Hawke (que sampleia o finado reggaeiro Sugar Minott) segue a mesma.

Whodini, "Friends"

Sampleada em: "Real Friends"

De acordo com o banco de dados online WhoSampled, a faixa do trio da era de ouro do hip-hop nova-iorquino foi usada 113 vezes, de "If I Ruled The World (Imagine That)" de Lauryn Hill e Nas até "Passing Me By" do Pharcyde. Então você sabe que é bom mesmo.

Yoko Shimomura & Isao Abe, Street Fighter II

Sampleada em: "Facts (Charlie Heat Version)"

Kanye está longe de ser o primeiro a samplear sons da série de games Street Fighter, mas há um prazer de nerd em ouvir sons de personagens como Dhalsim e Guile pontuando "Facts."

Siga Max no Twitter.

Tradução: Thiago "Índio" Silva

Siga o THUMP nas redes Facebook // Soundcloud // Twitter.