Fotos fantásticas da população minguante de góticos do Havaí
Foto: Joseph Maida

FYI.

This story is over 5 years old.

Feminisme

Fotos fantásticas da população minguante de góticos do Havaí

Você está proibido de reclamar que não é fácil ser gótico no verão depois de ver essas fotos.
14 April 2015, 6:30pm

Joseph Maida é um artista que vive em Nova York e que lida com a natureza fluida da identidade em seu trabalho. Em sua série New Natives (Hawai'i), que ainda está em andamento, ele fotografou aspirantes a modelo masculino do Estado Aloha contra o fundo natural espetacular das ilhas. Esses modelos frequentemente são ambíguos em sua etnia e gênero, e Maida trabalha nesse território limiar de definições mutantes para levantar questões sobre a natureza da beleza e sobre a performance da masculinidade e da sexualidade.

Quando surgiu a ideia do novo canal feminino da VICE, que deve ser lançado em breve, Broadly precisou de uma história sobre a população cada vez menor de góticos no Havaí, e Maida foi a primeira pessoa em que pensamos. "Identidade geralmente é uma projeção de como queremos ser percebidos", ele me disse numa entrevista. "É uma fantasia." Felizmente, ele estava no Estado no mês passado para a abertura da exposição New Natives, na Universidade do Havaí, e achou tempo para fotografar nossos góticos nas paisagens exóticas de Honolulu. Apesar de essas figuras vestidas de preto parecerem estranhas em seu ambiente ensolarado e tropical, o fotógrafo aponta para a relatividade desse tipo de julgamento: "Estou interessado na relatividade do exótico, porque, se você é do Havaí, a paisagem não é exótica. Nova York é exótica para eles".

Veja mais góticos havaianos em breve no Broadly.