FYI.

This story is over 5 years old.

Entretenimento

Pergunta do Dia: E se a tua mãe tivesse acesso ilimitado ao teu telemóvel e/ou computador?

Se não tens nada a esconder, não tens nada a temer.
22 May 2013, 4:50pm

Pergunta do Dia_. É só uma desculpa para ocupar os estagiários!_

O que farias se alguém, um desconhecido, usasse o teu telemóvel ou o teu computador sem que lhe desses autorização para isso? E se, em vez de um desconhecido, fosse alguém que tu conheces? E, pior ainda, se essa pessoa conhecida fosse, por exemplo, a tua mãe? Bem, de acordo com a internet, o apocalipse digital está próximo e nenhum segredo está 100 por cento seguro. Tens alguma coisa guardada que te preocupe? Fotos malandras, mensagens demasiado porcas, a discofrafia completa dos U2 no iTunes? Enfim, cenas que preferes manter longe dos olhos da tua mãe. Fui para a rua descobrir se tens alguma coisa a esconder da pessoa mais importante da tua vida..

Alberto, 27 anos, trabalha no Canal 180

VICE: E então, cenas incriminatórias que a tua mãe não possa ver?
Alberto: Acho que não tenho.

Nada? Nem fotos, histórico, mensagens?
A minha mãe vê o meu Facebook, por acaso.

A-ah!
É minha amiga lá.

Ui, boa sorte com isso.

Inês, 19, estudante da FBAUP

Inês: Talvez. Algumas fotos…

Só? E que fotos são essas?
Fotos em que tenho comportamentos que não gostava que ela soubesse.

Bebedeiras ou algo parecido?
Parecido…

Que tipo de parecido?
Cenas.

Ah, estou a ver. Espero que ainda sejam namorados.

Sérgio “Bird” Rodrigues, 24, skater

Sérgio: Não, eu não escondo nada da minha mãe.

Não acredito. E festas? Drogas?
Não! Tenho uma família com uma mentalidade muito aberta.

Sorte a tua.
Estou a brincar. Mas também não tenho nada que me comprometa. Há que saber fazer as coisas.

Salsicha, 102 (diz ele), plantador de couves e melancia (toca concertina nas épocas baixas)

Salsicha: Essa é estupida…

Pá, é a Pergunta do Dia do dia.
Não gosto, não respondo!

É?
A minha mãe nem sabe mexer num computador.

Mas não tens nada que te comprometa?
Ela não sabe mexer no computador.

Imagina que sabe: não há lá nada?
Tudo nos compromete.

Podes ser mais específico?
Como assim, criminoso? Tenho tudo! Sou um criminoso, qualquer coisa me compromete, no computador ou fora dele.

Pronto, desisto. Obrigado, Salsicha.

Jorge, 35, tatuador

Jorge: Não tenho computador e o meu telemóvel deu ontem o peido, por acaso. Efiquei sem ele.

Fogo, zero pegada digital então. Estás livre!
Não tenho nada a esconder, meu.