Entretenimento

As 9 melhores músicas do Bob Esponja

Uma singela homenagem a Stephen Hillenburg, criador da nossa amada esponja.
Lula Molusco, Patrick e Bob Esponja em volta da fogueira
Print via YouTube

Bob Esponja é uma série que atravessa gerações. Sei disso porque foi o desenho que marcou a minha infância, desde que eu acordava cedo para ter as primeiras aulas na escola e assistia os também primeiro capítulos do desenho na TV, até os anos de adolescência rabugenta em que eu já me sentia nostálgica quando parava pra assistir algum episódio antigo que estivesse passando — o que, na real, acontece até hoje. Mas também é o desenho que marca a infância do meu irmão, muito mais novo do que eu, que continua acompanhando os novos capítulos da série e fez questão de ir ao cinema quando o filme Bob Esponja: um Herói fora D'água estreou em 2015.

Publicidade

Daí a minha tristeza ao ficar sabendo que, nessa terça (27), o criador da nossa querida e amada esponja Stephen Hillenburg faleceu aos 57 anos. Hillenburg criou o desenho aos 38 anos, em 1999, quando a série anterior em que trabalhava, A Vida Moderna de Rocko, foi cancelada. Desde então, ele dirigiu, produziu e roteirizou mais de 60 episódios e primeiro filme de Bob Esponja antes de deixar a série, em 2002. O resto é história, e não só a minha: tantas crianças foram tocadas pelas graças de Bob, Patrick, Sandy, Sr. Sirigueijo e, quem sabe, até do Lula Molusco, que o desenho se tornou umas das séries mais longas da história da TV norte-americana.

Se tem uma coisa que o Bob nos ensinou foi a não desperdiçar tempo ficando triste enquanto você poderia estar se divertindo. Resolvi, então, compilar uma lista de seus melhores momentos: os musicais. Eu não sei vocês, mas as cenas mais memoráveis de Bob Esponja pra mim são sempre as que tem uma trilha por trás — seja ela instrumental, um som que tenha a ver com o restante do episódio ou só um devaneio maluco, o que geralmente é o caso. Acompanhe abaixo as nove melhores músicas do Bob Esponja:

9. "Sinfonia da Água-Viva"

Quando as pessoas comentam que é bom tocar música clássica para bebês ainda não nascidos, é disso que eles estão falando.

8. "Amendobobo"

Confesso que eu nunca fui grande fã do filme do Bob Esponja, mas não dá pra negar que "Amendobobo" é um clássico. Ainda mais com essa apresentação épica no Siri Cascudo, repleta de guitarrada, fantasias e uma autoestima recém-conquistada do Bob. O verdadeiro poder do rock é inquestionável em alguns momentos.

Publicidade

7. "Fazer um Nó"

Na moral, eu duvido que algum fã do Bob Esponja diga que nunca quis ouvir o Gary falar. Cantar, então, é um sonho realizado. Ainda é uma lembrança da bonita relação que existia entre ele e o Bob: mais do que só amigos, eles trocavam conhecimentos e aprendizados como verdadeiros pai e pet. Lindo.

6. "Canção Divertida"

O coração do Bob é tão grande que ele estava disposto até a ensinar o arqui-inimigo do Sr. Sirigueijo, Plankton, a se divertir nessa bela canção. Ele sempra nos lembra do que é importante e fundamental: fazer brincadeiras entre amigos, brincar em qualquer lugar e a qualquer hora.

5. "Jellyfish Jam"

A verdadeira technera do Bob Esponja, em companhia das águas-vivas que invadiram a casa dele durante a madrugada. O engraçado é assistir que, quando amanhece, o Bob já perdeu o pique e está implorando pra poder dormir enquanto as águas-vivas continuam lá, a todo vapor. Quem nunca, né?

4. "Canção da Fogueira"

Quando eu tinha uns dez anos, ganhei um concurso de soletração na escola em que eu estudava na época. Não vou negar que pode ter sido por causa dessa música.

3. "A Melhor Pizza"

Essa não é bem uma música, mais um jingle da entrega de pizza do Siri Cascudo. Mas eu não consegui resistir em colocar ela na lista: além das diversas versões, que variam pela animação do Bob, tem o fato também de que esse é o melhor episódio preferido de Bob Esponja. Se você não se lembra, corre lá no Netflix e coloca no episódio 5 da primeira temporada.

Publicidade

2. "O Bob que Rasga a Calça"

Essa talvez seja a mais memorável canção do desenho pra mim, não sei dizer exatamente por que: talvez seja a identificação com o sentimento de constrangimento do Bob, a banda que se forma ao redor dele quando ele faz um violão de areia ou ele cantando com a voz do Goku do Dragon Ball, que na época dublava os dois personagens nas versões em português dos desenhos.

1. "Canção do Texas"

Essa aqui não é cantada pelo Bob, mas é muito merecidamente o primeiro lugar da lista. A Sandy está sentindo saudades da sua casa no Texas e, no maior estilo Wilco de caubói triste, escreve uma música no violãozinho sobre suas antigas terras e faz todo mundo na Fenda do Bikini chorar. Impossível não emocionar também.

Leia mais no Noisey, o canal de música da VICE.
Siga o Noisey no Facebook e Twitter.
Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.