Ricky Gervais. Não te rias dele, ri-te com ele

“Humanity” chega à Netflix a 13 de Março. Recuperamos doze vídeos sobre o trajecto e as opiniões do comediante britânico.

|
mar 7 2018, 9:39pm

Estaremos perante o melhor stand-up de um dos autores da série The Office? (Foto cortesia Netflix).

As “águas de Março” andam agitadas. As condições climáticas têm sido severas, com tornados a “visitarem” o Algarve; a sucessora de Salvador Sobral, na Eurovisão, está finalmente encontrada (Cláudia Pascoal em parceria com Isaura); os Óscares foram previsíveis e tiveram alma mexicana - com The Shape of Water a receber as estatuetas de Melhor Filme e Melhor Realizador; o Governo “baixa a bola” e deverá anular a entrada de 200 milhões de euros da Misericórdia de Lisboa no Montepio; o FC Porto e o Benfica estão novamente na berlinda da suspeição.

Os azuis devido a uma "estranha” transferência bancária para o Estoril, dias antes da segunda parte do encontro que fora adiado. Os encarnados vêem o director jurídico e um dos homens fortes de Filipe Vieira, Paulo Gonçalves, a ser um dos detidos na operação E-Toupeira, por alegadamente subornar agentes judiciais e aceder a peças processuais que envolvem o clube da Luz; e, devido ao exemplo chinês, Trump brinca com a ideia de que os EUA possam ter um presidente vitalício no futuro (será que estava a pensar nele próprio?). Ufa! É tempo de descontrair...

A “humanidade” segundo um dos grandes da comédia

Entre os artistas vivos que nos fazem rir em palco, ou no ecrã (em diversos formatos do entretenimento), ele é um dos grandes a par de Jerry Seinfeld, Larry David, John Cleese, ou Woody Allen. Em Portugal, apesar da pouca ou inexistente repercussão internacional, podemos destacar Herman José, Ricardo Araújo Pereira e Bruno Nogueira. E de quem falamos?


Vê: "'Como transformei o meu barraco no restaurante #1 de Londres', o documentário"


Dos vários papéis que tem desempenhado, é através do personagem David Brent, chefe de um escritório no “mockumentary” britânico The Office (2001-2003) - criado em aliança com Stephen Merchant -, que é sobejamente conhecido. Desde esse êxito televisivo, que mereceu franchising noutros países, Ricky Gervais (56 anos) tem cimentado a sua marca como argumentista, actor, realizador, produtor, radialista, músico e comediante na área do stand-up.

E é, principalmente, nesta última qualidade que reaparece nos ecrãs da Netflix, a 13 de Março (próxima terça-feira), com o espectáculo Humanity. Gravado em 2017 no Apollo Hammersmith, em Londres, é expectável ouvirmos, entre outros tópicos, as suas perspectivas sobre a mortalidade, a forma como as redes sociais amplificam a opinião de idiotas e a escolha de não ter filhos. Vê o trailer abaixo.

A seguir, recordamos doze vídeos por onde passou alguma da sua esplêndida e milionária carreira (só com Humanity encaixou 40 milhões de dólares). E não te esqueças. Não te rias dele, ri-te, sim, com ele.

1. A “sereia” Ricky entrevistada por Jimmy Fallon

Fala-se da recente digressão mundial com Humanity, os tiques que detesta nos humanos e a adoração que tem por cães (ele que é um acérrimo defensor dos direitos dos animais).

2. Um dia na vida do famoso escritório...

Afinal é compatível ser, ao mesmo tempo, “funny man” e “great boss”. Podes ver a imitação de Clint Eastwood e o elevar da frase, “as mulheres são tão imundas como os homens”.

3. As duas danças que marcaram a primeira década televisiva deste milénio

A primeira é glamorosa. A segunda é pró “esquisitóide”. Ambas, novamente, “made in The Office”...

4. As provocações enquanto anfitrião nos Globos de Ouro

Se as celebridades não aceitam serem gozadas, quem aceitará?

5. Um cameo chamado Liam Neeson

Esta cena está incluída na série Life´s Too Short (2011-2013). Neeson, mais dado a filmes dramáticos e de acção, resolve ser stand up comedian. O duo Gervais & Merchant não quer acreditar...

6. Como fazer piadas à custa das figuras de Stephen Hawking, Mandela e Rose Parker, sem propriamente ofender os seus feitos. E um pouco sobre guerras...

Esta passagem corresponde a Out of England – The Stand-Up Special, gravado em Nova Iorque, para a HBO (2008). Lembre-se que o autor tem no seu currículo cinco shows que passaram essencialmente pelo Reino Unido, ou seja, Animals (2003), Politics (2004), Fame (2007), Science (2009) e o novo Humanity.

7. É possível ter um agrafador dentro de uma gelatina?

A resposta é afirmativa. Basta estar no emprego certo...

8. “Os cristãos [acreditam unicamente num só Deus e] não acreditam nos outros 2699 Deuses. Por isso, são quase ateus”

Em diversas ocasiões, Ricky Gervais não tem pejo em mostrar o orgulho por ser ateu. Numa conversa sobre religião, na More4, com o cientista e escritor Richard Dawkins, o ateísmo é um dos focos sublinhados. Quanto à frase em questão, podes ouvi-la ao minuto onze.

9. Mentiras há muitas, mas esta é original

Chama-se The Invention of Lying (2009) e mostra como seria o Planeta se todos fossem honestos e falassem verdade. Como não há mundos perfeitos, a mentira teria que nascer de algum lado. Gervais é o protagonista e, em conjunto com outros, escreve, produz e dirige o filme.

10. A veia musical na pele de Brent

Nos anos 1980, Gervais fez parte da banda Seona Dancing, mas nunca atingiu o estrelato. Durante a sua segunda vida artística, nunca pôs a música de parte. O teledisco Lady Gypsy, gravado com a intenção de promover a fita David Brent – Life on the Road (2016), mostra que essa sua vertente, não sendo brilhante, é razoavelmente audível e humorada. Por outro lado, se quiseres ouvir David Bowie a cantar sobre o “chubby little loser”, no programa Extras (2005-2007), clica aqui.

11. Uma entrevista de trabalho...No tal escritório

Ao pé de Harvey Weinstein, David Brent é um anjo...

12. É tempo “de fazer como a banana... e split!”

Para a despedida (e utilizando uma aula de formação no The Office), há uma “musiquinha” da Tina Turner, um rude high five e o spray de um desodorizante demasiado à solta.

Podes encontrar mais sobre o percurso de Ricky Gervais no seu site oficial.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.

Mais da VICE
Canais VICE