Snake Man

As "misses" adolescentes que matam e esfolam cascavéis

Em Sweetwater, Texas, miúdas de 16 anos saltam para dentro de um fosso de cobras venenosas para as decapitarem e esfolarem, naquela que é uma das provas do "Miss Snake Charmer".

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.

Todos os anos, norte-americanas de 16 anos entram num fosso de cobras venenosas com o intuito de as decapitarem, esfolarem e comerem, como parte de uma prova para conquistarem o título de "Miss Snake Charmer", num "Rattlesnake Roundup" conhecido por ser o maior evento mundial do género.

Steve Ludwin, que há mais de 30 anos se injecta com veneno de cobra e se considera parte da família das serpentes, junta-se às 50 mil pessoas que viajam até Sweetwater, Texas, EUA, para assistirem ao único concurso de beleza onde se matam cobras. Nesta tradição da zona ocidental do Texas, caçadores levam várias toneladas de cascavéis para a pequena cidade de Sweetwater e exibem os animais antes de os matarem, esfolarem e comerem.

Publicidade

Antes do "grande dia", Steve junta-se ao caçador Eddie Gomez numa jornada pelo deserto para apanhar cascavéis. Depois, assiste ao concurso de beleza para testemunhar este evento bizarro. E, enquanto Steve passa um mau bocado ao ver a violência brutal contra as suas "serpentes irmãs", os organizadores garantem que o evento ajuda a controlar a perigosa população réptil, a proteger as crianças e a angariar dinheiro para financiar projectos em prol da comunidade durante todo o ano.

Steve acaba por encontrar algum consolo ao conversar com o activista dos direitos dos animais, Todd Autry, que explica como conseguiu encontrar os melhores métodos para protestar contra a iniciativa e de que forma é que esses métodos mudaram depois de um seu colega, Danny Mendez, ter sido preso no evento. O próprio Steve acaba por confrontar os organizadores com a questão do abusos dos animais e tenta perceber se o fim desta tradição estará para breve.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.