Publicidade
actualidade

Questões pertinentes sobre o vídeo das crianças que interrompem aquele gajo na BBC

"Acho que um dos seus filhos acabou de entrar".

Por Harry Cheadle
10 Março 2017, 9:59pm

Este artigo foi originalmente publicado na VICE USA. 

Olá e sejam bem-vindos ao artigo sobre o vídeo do Sério Especialista Sobre a Coreia que estava a falar para a BBC e foi interrompido pela sua prole. um vídeo que se tornou viral, simplesmente porque é fantástico. Sabes perfeitamente do que estou a falar, mas ainda assim, aqui vai o vídeo mais uma vez:

Para resumir o que se passou, ou basicamente, para justificar o facto de isto ser apenas, na realidade, mais uma desculpa para vermos o vídeo, Robert Kelly, um especialista em assuntos coreanos, está a discutir o impeachment da presidente sul-coreana, Park Geun-hye, com alguém da BBC. De repente, uma criança (presumivelmente sua) entra na sala. Depois, entra outra criança (também presumivelmente sua). 

É então que entra uma mulher que rapidamente tenta tirar dali os petizes. Entretanto, Kelly tenta continuar a entrevista, mas tenta também resolver a questão, só que não consegue nem uma coisa nem outra. Ao invés solta uns risos ligeiros enquanto a mulher arrasta as crianças sala fora. É um sketch dos Monty Python tornado real e o antídoto perfeito para uma semana que, não sei como foi para vocês, mas para mim, foi verdadeiramente stressante. 

De qualquer das formas, tenho algumas questões bastante sérias sobre o vídeo, portanto vamos tentar respondê-las juntos.

Como é que a segunda criança anda ali de um lado para o outro? A criança mais nova (a.k.a. a melhor parte do vídeo) anda ali aparentemente a flutuar no espaço, o que parece estar a causar confusão a algumas pessoas. "Como é que o puto consegue sequer movimentar-se com independência?", atirou um colega meu de trabalho. Ve-se mesmo que de putos percebe zero. A resposta é bastante simples. Hoje em dia há gadgets fabulosos para todas as idades!

Será que a primeira criança sabia que o pai estava na televisão? E se sabia, estaria ela também a querer aparecer na televisão? Ou estamos perante uma simples e pura situação de eu-quero-ver-o-papá-a-trabalhar.

Terá o senhor professor lidado bem com a situação? Esta questão tem defensores de duas opções. Há os que dizem que ele se deveria ter levantado e firmemente, mas com gentileza acompanhado a criança para fora da sala e os que dizem que, nada disso, não se interrompe uma transmissão, dá-se uma pequena gargalhada e está feito. Eu, na verdade acho que ele devia ter era trancado a porta.

Qual é a cena da mulher/ama/esposa? Não há certezas de qual é o seu papel, mas foi ela que, em primeira instância deixou os putos andar a vaguear à solta pela casa, correcto?

Porque é que ele não se levantou? Kelly parece muito bem posto para a câmera, mas tenhamos em conta que permaneceu sempre sentado, mesmo quando, aparentemente, A MELHOR SOLUÇÃO E A MAIS SIMPLES seria ter-se levantado e enxotado a garotada dali para fora.  Aqui vai uma teoria sobre o porquê de não o ter feito:

(No Reino Unido, "pants" significa "roupa interior", atenção)

"O que é que isso significará para uma região mais alargada"? Nunca chegamos a saber a resposta à pergunta do entrevistador, pois não? Gostava de saber!

Estará Kelly a dormir enquanto tudo isto está a acontecer agora na Internet? O professor vive na Coreia do Sul, onde à hora que estou a escrever isto é (google) mais ou menos meia-noite. Estará ele ciente de que se tornou famoso? Espero que quando o homem acordar tenha um milhão de notificações, mensagens e pedidos de entrevistas (enviamos-lhe uma DM no Twitter, mas ainda não respondeu).

Bem, acho que já escrevi o suficiente para isto parecer um artigo. 

Segue o Harry Cheadle no Twitter.