Noisey

Quem me dera que os Smiths me tivessem levado a passear quando era criança

Em 1984, Morrissey e companhia levaram um grupo de crianças a passear e deram-lhes uma lição sobre o quão depressiva a vida pode ser.
2.3.17
the smiths

Este artigo foi originalmente publicado na nossa plataforma Noisey Espanha.

A verdade é que o Mundo é um lugar terrível. Não interessa quantas séries incríveis estão disponíveis no Netflix, ou quantos discos extraordinariamente bons tens guardados no teu computador. No fim de contas, estamos dentro de um sistema em que é preciso trabalhar mais de oito horas por dia para que possamos viver e morrer em condições dignas. Não nos resta muito tempo para desfrutar.

Os Smiths espelharam-no bem em "Heaven Knows I'm Miserable Now", em 1984. Agora, décadas depois, a situação de qualquer assalariado médio continua a ser a mesma. Porque é que ninguém nos avisou disto quando éramos crianças? Talvez porque o tema seja demasiado depressivo, ou talvez porque as jovens almas não sejam capazes de suportar tanta ansiedade. Ainda assim, olhando par atrás, se a minha professora da primária me tivesse mostrado esta música em particular, talvez a decepção ao enfrentar o mundo real quando saí da universidade me tivesse afectado menos.

Em 1984, alguém que provavelmente pensava o mesmo que eu, decidiu juntar os Smiths a um grupo de crianças do ensino primário para um segmento de SPLAT, um programa infantil de televisão transmitido no Reino Unido. Entre as suas rubricas especiais, havia uma chamada "Charlie Bus", em que uma data de crianças eram convidadas para um passeio com artistas famosos. E foi exactamente numa dessas viagens que a banda de Manchester partilhou com os petizes a sua depressão.

No vídeo podemos ver Johnny Marr a explicar a um rapaz em tom sarcástico porque é que não se chamavam "The Rolling Stones" e, quando uma menina entusiasmada pergunta a Morrissey se sabem onde é que estão a ir, ele responde: "Direitos à loucura". Só para dar um toque final depressivo a este embate de realidades, enquanto o autocarro se dirige a um jardim, a música que se ouve de fundo é, precisamente, "Heaven Knows I'm Miserable Now". Mais tarde, vemos Sandie Shaw a cantar "Jeane", acompanhada por Marr à guitarra. E esse é o único momento de luz e alegria.

Oxalá que os agora adultos que na sua infância participaram neste vídeo tenham percebido o que era tudo aquilo e que, hoje em dia, não estejam a levar a vida demasiado a sério.

Podes ver o vídeo acima.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.