FYI.

This story is over 5 years old.

A Página do Facebook do Minor Threat É Cheia de Soft Porn

Seria um experimento social? Ou o Ian McKaye realmente pira muito em bundas?
Emma Garland
London, GB

O Minor Threat ficou junto durante três anos e não existe mais como banda desde 1983, mas sua influência no hardcore tanto sonoramente quanto eticamente é fenomenal. O lance todo straight edge pode não ter colado (por motivos de: chato), mas o Minor Threat segue como um dos marcos ainda relevantes da história punk. Agora, as redes sociais podiam não existir nos anos 80, mas se existissem o único engajamento que a banda teria com elas seria com entrevistas em que perguntariam ao Ian MacKaye se ele achava que eram um tipo de droga – e ele responderia “foda-se”.

Publicidade

Mas agora tudo no mundo tem uma página no Facebook, assim temos em mãos a fanpage do Minor Threat, com suas 140.000 curtidas. Se a banda sabe da existência desta é algo questionável, mas seja lá quem for que toca o barco, essa pessoa manda mal pra caralho porque a página está lotada de mulher pelada desde outubro e ninguém se ligou.

Rolando timeline abaixo se vê muitos posts clássicos de blogs punks: um fã com uma ovelha tatuada na panturrilha, fotos de hardcore das antigas, pôsteres, fotos p&b do Henry Rollins pensativo com emojis edificantes – tudo isso entre links sobre mulheres, suas bundas e quão incríveis suas bundas são. Você sabe como é: conteúdo um tanto quanto apelão, mas não a ponto de ser retirado do ar por ser ofensivo, criado para ficar na espreita em sites de torrent para chamar a atenção de homens tristes e com tesão que surfam pela internet de pau na mão; chamadas que contam pelo menos com umas das palavras a seguir: amadora, russa, novinha…

Então a página do Minor Threat foi pro pau? O responsável por ela chegou lá por conta de erro no autocorretor? Seria um experimento social? Ou o Ian MacKaye só curte mesmo uma bunda? Vejamos as evidências.

Mas e aquele shortinho! E tem muito mais de onde saiu. Tipo uns 10 posts por dia desde meados de outubro. Por quê? No mínimo isso prova que bandas velhas na internet são como idosos na estrada. Talvez o Minor Threat não faça ideia de nada disso. Talvez eles estejam fora de compasso com a era digital. A coisa toda me deixou estupefata? Em meus olhos? Tá mais pra LONGE DA MINHA VISTA, CERTO?

Para mais papo de bunda, siga Emma no Twitter.