VICELAND NO ODISSEIA

Tudo o que precisas de saber sobre a busca de Tom Arnold pelas gravações incriminatórias de Trump

Sim, está mesmo a acontecer. E podes acompanhar tudo no Canal Odisseia, às segundas, a partir das 23h30.

Por VICE Staff
03 Janeiro 2019, 9:26am

Ouve: não importa porquê, mas Tom Arnold – sim, o comediante – envolveu-se a fundo na tentativa de encontrar gravações do Presidente Trump a dizer ou a fazer coisas terríveis. E esta busca de Arnold é agora uma série VICELAND, que estreia a 7 de Janeiro, às 23h30, no Canal Odisseia.

Antes de cada episódio de TRUMP CONFIDENCIAL, avançamos com uma breve explicação sobre o que é que Arnold anda à procura e respondemos a algumas questões básicas que possas ter.

P. O que são as gravações de Trump?

R. Há muito tempo que Donald Trump é uma celebridade, o que significa que foi filmado, entrevistado e teve microfones à frente muito mais vezes do que a média dos seres humanos. Ouvimos uma gravação horrível que envolve Trump e já vimos horas e horas de outros programas em que ele é protagonista, por isso imaginamos as coisas que deve dizer nos bastidores.

A gravação originária de tudo isto foi a do Access Hollywood, divulgada um mês antes das eleições de 2016, em que Trump se gabava a Billy Bush sobre as suas capacidades no âmbito do assédio sexual a mulheres. Foi essa gravação que despertou o interesse de Arnold.


Vê o vídeo abaixo e fica atento à estreia de TRUMP CONFIDENCIAL a 7 de Janeiro, no Canal Odisseia, com episódio duplo a partir das 23h30.


P. De que gravações está Tom Arnold à procura?

R. Depois da divulgação da gravação do Access Hollywood, pessoas que tinham participado nos projectos televisivos de Trump - The Apprentice e Miss Universo – chegaram-se à frente para garantir que Trump disse coisas perturbadoras nos estúdios de ambos os programas. Coisas que as pessoas deviam conhecer. Também há rumores de uma “gravação do xixi” – um vídeo de 2013 feito por um agente russo que, alegadamente, mostra Trump no Ritz Carlton de Moscovo a ver duas prostitutas contratadas por ele urinarem na cama em que Barack e Michelle Obama supostamente dormiram. O alegado vídeo está no centro de toda uma teoria sobre Trump ter sido chantageado pela Rússia, mas a sua existência nunca chegou a ser comprovada.

também rumores sobre um “Vídeo do Elevador”, no qual Trump estará a fazer alguma coisa má num elevador da Trump Tower.

P. Porque é que estas gravações são importantes?

R. Não é que, hoje em dia, alguém pense que Trump é um menino bem-comportado, obediente às boas virtudes cristãs. Mas, uma coisa é "não pensar que", outra é saber em primeira mão o quão mal ele se porta. Se, por exemplo, se confirmar que Trump dizia muito “a palavra começada por n”, como o seu ex-assistente Omarosa Manigault Newman alega, seria muito mais difícil haver pessoas a negarem que Trump é racista.

P. Calma, porque é que é o Tom Arnold a fazer isto?

R. Já te dissemos: o porquê não importa.


Segue a VICE Portugal no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Vê mais vídeos, documentários e reportagens em VICE VÍDEO.