FYI.

This story is over 5 years old.

BAILEWAVE: NON

Chino Amobi brota no nosso bailinho dando um papo reto sobre a unificação do mundo negro via NON RECORDS.
Arte por Raquel Krugel

Acabou o período de recesso da BAILEWAVE, nossa série semanal de mixes pilotada por Victor Apolinário, nossa agora jornalista extradisciplinar, que cavuca a rede mundial de computadores em busca de novas fronteiras sonoras e de estilo. Vem de bonde.

Tempos duros merecem atitudes duras. Dessa verdade absoluta, os caras da NON Records iniciaram, em 2015, um processo de descontrução da música eletrônica, ressignificando as formas, nuances e trazendo o poder do protesto em cada pequeno fragmento — como no remix de Chino Amobi para "They Don't Really Care About Us". A icônica faixa de Michael Jackson (cujo clipe foi gravado parcialmente na Rocinha, no Rio), tornou-se hino e foi utilizada pelos novaiorquinos nas manifestções do #blacklivesmatter, em repulsa à decisão de não indiciar o policial que estrangulou até a morte Eric Garner (cuja morte completou dois anos no último dia 17 de julho). Para Amobi, a faixa recebe uma paisagem sonora caótica, em meio ao pandemônio de alarmes, sirenes, suspiros de dor e ofegância. Como em um campo de batalha, Amobi faz de cada verso uma metralhadora lírica:

Publicidade

"Beat me, hate me, you can never break me/ All I wanna say is that they don't really care about us.".

Chino Amobi é um dos personagens mais relevantes nessa nova conjuntura do rolê empoderamento afrocentrado — e justamente por essas e outras façanhas do produtor & artista-plástico que o recebemos com MUITO CALOR (mesmo nessa friaquinha que tá passando pelos trópicos) na BAILEWAVE, desta semana.

Chino, junto com Angelo Válerio e mó galerinha linda, tem construido pontes entre os artistas negros ao redor do mundo. Produtores, fotográfos, designers e estilistas, geral junto e misturado no fomento do mundo negro. "Em agosto, vai rolar uma publicação nova com música, arte e moda, totalmente afrocentrada, bem parecida com o site que temos atualmente. Recebemos colaborações do mundo todo, até suas Apolinário, risos", conta Amobi.

Acabou o período de recesso da BAILEWAVE, nossa série semanal de mixes pilotada por Victor Apolinário, nossa agora jornalista extradisciplinar, que cavuca a rede mundial de computadores em busca de novas fronteiras sonoras e de estilo. Vem de bonde.

Tempos duros merecem atitudes duras. Dessa verdade absoluta, os caras da NON Records iniciaram, em 2015, um processo de descontrução da música eletrônica, ressignificando as formas, nuances e trazendo o poder do protesto em cada pequeno fragmento — como no remix de Chino Amobi para "They Don't Really Care About Us". A icônica faixa de Michael Jackson (cujo clipe foi gravado parcialmente na Rocinha, no Rio), tornou-se hino e foi utilizada pelos novaiorquinos nas manifestções do #blacklivesmatter, em repulsa à decisão de não indiciar o policial que estrangulou até a morte Eric Garner (cuja morte completou dois anos no último dia 17 de julho). Para Amobi, a faixa recebe uma paisagem sonora caótica, em meio ao pandemônio de alarmes, sirenes, suspiros de dor e ofegância. Como em um campo de batalha, Amobi faz de cada verso uma metralhadora lírica:

"Beat me, hate me, you can never break me/ All I wanna say is that they don't really care about us.".

Chino Amobi é um dos personagens mais relevantes nessa nova conjuntura do rolê empoderamento afrocentrado — e justamente por essas e outras façanhas do produtor & artista-plástico que o recebemos com MUITO CALOR (mesmo nessa friaquinha que tá passando pelos trópicos) na BAILEWAVE, desta semana.

Chino, junto com Angelo Válerio e mó galerinha linda, tem construido pontes entre os artistas negros ao redor do mundo. Produtores, fotográfos, designers e estilistas, geral junto e misturado no fomento do mundo negro. "Em agosto, vai rolar uma publicação nova com música, arte e moda, totalmente afrocentrada, bem parecida com o site que temos atualmente. Recebemos colaborações do mundo todo, até suas Apolinário, risos", conta Amobi.

Atualmente, o NON, selo que Chino ajudou a criar e do qual faz parte, é o que acontece de mais novo na club music. Lançando sons de nomes como Mya Gomez, Moro, Mhysa, Isis Scott, Angel-Ho, Nkisi, UFA! Sem contar que os caras tão colando pesadamente junto de selos e movimentos como os mexicanos da N.A.A.F.I e seus conterrâneos do selo Faka. Eles também têm uma publicação impressa, dá pra você ver neste link.

É nesse clima de camaradagem que Chino fez para gente uma mixtape recheada de muita, mas MUITA TRETA <3. A tracklist que você ouve abaixo é em nome de Eric Garners, Philando Castile, Alton Sterling e todos os negros vítimas da polícia no Brasil que não são lembrados, essa mix é para geral!

PROGRESSO AOS NOSSOS!

Tracklist

  1. PANTOO - "I_M_U_O_W"
  2. Why Be, Elysia Crampton, Chino Amobi - "Dummy Track" (LAO Ha)
  3. SCRAAATCH - "Live Today"
  4. NO NEW YORK - "WAR HOLOGRAMS"
  5. MICHAEL JACKSON - "THEY DON'T REALLY CARE ABOUT US" (CHINO AMOBI EDIT)
  6. NKISI - "NOIR"
  7. CHINO AMOBI - "NEED FOR SPEED"

Siga o THUMP nas redes Facebook // Soundcloud // Twitter.

Atualmente, o NON, selo que Chino ajudou a criar e do qual faz parte, é o que acontece de mais novo na club music. Lançando sons de nomes como Mya Gomez, Moro, Mhysa, Isis Scott, Angel-Ho, Nkisi, UFA! Sem contar que os caras tão colando pesadamente junto de selos e movimentos como os mexicanos da N.A.A.F.I e seus conterrâneos do selo Faka. Eles também têm uma publicação impressa, dá pra você ver neste link.

É nesse clima de camaradagem que Chino fez para gente uma mixtape recheada de muita, mas MUITA TRETA <3. A tracklist que você ouve abaixo é em nome de Eric Garners, Philando Castile, Alton Sterling e todos os negros vítimas da polícia no Brasil que não são lembrados, essa mix é para geral!

Publicidade

PROGRESSO AOS NOSSOS!

Tracklist

  • PANTOO - "I_M_U_O_W"
  • Why Be, Elysia Crampton, Chino Amobi - "Dummy Track" (LAO Ha)
  • SCRAAATCH - "Live Today"
  • NO NEW YORK - "WAR HOLOGRAMS"
  • MICHAEL JACKSON - "THEY DON'T REALLY CARE ABOUT US" (CHINO AMOBI EDIT)
  • NKISI - "NOIR"
  • CHINO AMOBI - "NEED FOR SPEED"

Siga o THUMP nas redes Facebook // Soundcloud // Twitter.