Publicidade
Entretenimento

Wahlberg ganhou oito vezes mais que Michelle Williams em 'Todo o Dinheiro do Mundo'

Ele teria recebido US$5 milhões por seu papel, enquanto Williams recebeu US$625 mil.

por Drew Schwartz; Traduzido por Marina Schnoor
19 Janeiro 2018, 6:12pm

Fotos de Wahlberg e Williams por Jon Kopaloff (FilmMagic/Getty Images) e Amanda Edwards (WireImage/Getty Images), respectivamente.

Notícia originalmente publicada na VICE EUA.

No sábado (13), Mark Wahlberg prometeu doar US$1,5 milhão para a campanha Time's Up em nome de Michelle Williams, a quantia que ele recebeu por refilmar as cenas para Todo o Dinheiro do Mundo comparado com a salário da atriz de US$80 por dia. Mas isso não muda o fato de que os salários das atrizes ainda são muito menores que dos colegas homem nos filmes de Hollywood.

Segundo o Hollywood Reporter, Williams ganhou um oitavo do salário de Wahlberg como protagonista de Todo o Dinheiro do Mundo, apesar de eles compartilharem praticamente o mesmo tempo em cena. Ele teria recebido US$5 milhões, enquanto ela saiu do projeto com US$625 mil.

Essa diferença enorme de salário pode não ser vista como surpresa para muitas artistas mulheres em Hollywood, mas vale notar que Williams já foi indicada para quatro Oscars, enquanto Wahlberg apenas para dois, como apontou o Vulture. Ela também foi indicada ao Golden Globe por seu papel na biografia de John Paul Getty III.

Os dois atores não comentaram a discrepância salarial, mas Wahlberg disse à Variety que “apoia 100% a luta por salários justos”, depois de supostamente ganhar US$1,5 milhão só pelas refilmagens. A William Morris Endeavor (WME), agência que representa os dois atores, doou US$500 mil para o Time's Up em nome de Williams no final de semana, mas também não se pronunciou sobre a diferença de salários dos atoresz.

A disparidade de pagamento é um golpe particularmente brutal considerando quão apaixonada Williams se mostrou com o projeto de Ridley Scott. Ela teria trabalhado no feriado de Ação de Graças para refilmar as cenas com Christopher Plummer, que substituiu o ator Kevin Spacey no último minuto.

“Eu disse que estaria onde eles precisassem, quando precisassem”, ela disse ao USA Today. “E eles podiam ficar com meu salário, com meu feriado, com o que quisessem. Porque apreciei muito eles terem feito esse esforço.”

Siga o Drew Schwartz no Twitter.

Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter e Instagram .