Publicidade
Outros

O trio gay comentando a cena gay da novela é melhor que a cena gay da Globo

Mais uma vez, a TV foi salva pela euforia e sinceridade gays. Afinal de contas, o mundo se torna um lugar melhor quando os gays o comentam.

por Bruno Costa
13 Julho 2016, 7:01pm

VIAAAAADO! Finalmente, a cena de sexo já prometida pelo autor Mário Teixeira, na novela das 23h da Rede Globo, Liberdade Liberdade, foi ao ar. Muita gente esperou por isso, aliás, não é todo dia que podemos assistir uma cena gay, sincera, sem tabu e censura em pleno horário nobre na televisão.

Por mais que seja um marco para a história da TV, a cena não foi muito além da proposta de emocionar um público recatado e conservador, e acabou ficando mais blasé do que pró-gays. Não muito diferente do que já foi vinculado na TV aberta: uma cena que envolve um casal gay sempre é sob uma perspectiva na qual tudo o que venha acontecer não deve chocar, já que teoricamente a sociedade ainda não estaria preparada para um evento de tal magnitude.

Em contrapartida e, aparentemente muito mais habituados com a realidade que a TV não quer mostrar, os amigos Givaldo Sodré Almeida, Emílio Faustino e Otávio Almeida Sodré resolveram comentar a cena e postaram no YouTube as suas sinceras reações. Os comentários são tão verdadeiros e engraçados que é impossível não querer rever.

"SE MANIFESTAAAA!"

Logo no começo, já percebemos que haverá toda uma entrega dos atores. Porém, com uma carga dramática e emocional além da vontade carnal. Um dos comentaristas se revoltam e reage: — SE MANIFESTA! Sugerindo uma maior manifestação entre o casal.

"Os evangélicos devem estar quebrando todas as tevês."

"OLHAAAM, já sabemos quem é passiva."

Até porque, para bom entendedor, meia virada basta. Depois deste comentário, o grupo vem em exaltação e torcer pela entrega do personagem: SIJOGA, MONA!!! ACREDITA BONITA!

"Deu na cara de 'Verdades Secretas'."

Aqui o comentarista faz uma referência à última novela das 23h da emissora, Verdades Secretas, que tinha como temas principais a prostituição no mundo da moda e a infidelidade.

Gay também é amor, não precisa ser só sexo, ALOKAAAA!

Depois de um dos comentaristas ter pontuado que não houve nenhuma cena além do antes e depois, outro rebate falando que gay também é amor, expulsando o tabu que gay vive na promiscuidade.

No fim, um do trio anuncia que precisa se recompor e vai tomar um copo d'água, e outro declara, maravilhosamente, que essa é sua história. Mais uma vez, a TV foi salva pela euforia e sinceridade gays. Afinal de contas, o mundo se torna um lugar melhor quando os gays o comentam. Aproveita e assista ao vídeo abaixo e tire suas conclusões e risadas, monamour.

Siga o Bruno Costa no Twitter.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.