VICE Brasil 360

VICE 360 Por dentro da cozinha de Checho Gonzales

O trabalho do cozinheiro boliviano visto de todos os ângulos.
19 Janeiro 2017, 2:01pm

As bancas de hortifrúti sempre estiveram lá. O açougue e a peixaria também. Há mais de 40 anos em funcionamento, o Mercado Público de Pinheiros, em São Paulo, viu sua frequência diminuir — e muito — nas últimas décadas. Mas foi em 2012, com o início d'O Mercado, a feira gastronômica que servia comida de chef a preços acessíveis, que a história do lugar começou a mudar.

A inauguração da Comedoria Gonzales, em 2014, consolidou de vez a nova movimentação no prédio construído em 1971 na região do Largo da Batata. O cozinheiro Checho Gonzales, um dos idealizadores d'O Mercado, conta que a ideia do seu "restaurante sem mesas" era justamente abrir um espaço em que seus fornecedores estariam ao seu redor, sem precisar se preocupar com armazenamento, nem toalha de linho.

Imagem da Comedoria Gonzales em 360º

A VICE instalou suas câmeras dentro da Comedoria Gonzales num típico sábado em que o espaço chega a atender 400 pessoas. No vídeo 360º, dá pra ver de todos os ângulos como funciona a cozinha do boliviano que serve rangos andinos como ceviche de peixe e frutos do mar, chola (sanduíche com presunto), choripan (sanduíche de linguiça), assados como galeto e costelinhas, além de eventualmente armar happy hours com cozinheiros convidados e cafés da manhã especiais.

No vídeo, Checho conta um pouco dos 30 anos na cozinha, a ideia de abrir um negócio no Mercado de Pinheiros, suas influências e provoca: "Você vem aqui, pega sua comida e depois joga o lixo na lixeira. Tem gente que olha na minha cara e não quer  jogar o lixo na lixeira. É a criação da classe média, que gosta de serviçais".

ABAIXO, ASSISTA AO VÍDEO EM 360º. SE VOCÊ ESTIVER NO CELULAR, CLIQUE AQUI PARA CONSEGUIR VER O VÍDEO COM MELHOR DESEMPENHO:

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.