Publicidade
Notícias

225 dias sem ela: Roger Waters homenageia Marielle no Rio

Em seu show no estádio do Maracanã, Waters levou os familiares da vereadora ao palco e comentou que Marielle Franco é a líder do país.

por Equipe VICE Brasil
25 Outubro 2018, 4:18pm

Imagem via Instagram

Depois de ter mandando um #EleNão durante seu show de São Paulo, no dia 10 de outubro, Roger Waters aproveitou sua passagem pelo Rio de Janeiro, na noite da última quarta (24) para homenagear a vereadora Marielle Franco, morta em 14 de março de 2018.

Vestindo uma camiseta com os dizeres "Lute como Marielle", o guitarrista e co-fundador do Pink Floyd disse que a parlamentar ainda está conosco em nossos corações. "De muitas formas, Marielle Franco é a líder deste país", comentou o artista. Waters levou ao palco Monica Benício, viúva de Marielle, Anielle Franco e Luyara Santos, irmã e filha da vereadora assassinada.

"Não há democracia enquanto o Estado não responder quem matou Marielle. Vou gritar 'Marielle' e vocês gritam 'justiça'", esbravejou Mônica no palco do Maracanã, ovacionada por mais de 47 mil pessoas, segundo informações dos organizadores, divulgado pelo portal UOL.

O cantor britânico comentou que se identificava com Marielle por sua luta a favor dos direitos humanos. Waters ainda fez críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Em turnê pelo Brasil neste mês de outubro, o guitarrista mandou vários protestos além do #EleNão em São Paulo e Brasília. Em Salvador, o artista homenageou o capoeirista Moa do Katendê, assassinado com doze facadas, após uma discussão com um eleitor do candidato à presidência Jair Bolsonaro (Partido Social Liberal).


Assista ao nosso documentário 'Marielle, Presente!'


Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter , Instagram e YouTube .