Publicidade
Entretenimento

Falamos com pessoas que perderam suas senhas de bitcoin e milhares de dólares

“Quando vi a notícia de que o bitcoin tinha decolado, quase perdi a cabeça.”

por Nana Baah; Traduzido por Marina Schnoor
23 Fevereiro 2018, 6:14pm

No começo de 2009, depois da queda da bolsa no ano anterior, uma pessoa anônima muito inteligente lançou o bitcoin. Uma moeda sem corpo regulador, ela é armazenada numa carteira digital e inicialmente era usada em mercados da deep web para comprar drogas, armas e outras coisas não muito honestas que as pessoas queriam adquirir anonimamente. Agora, se quiser, você também pode usá-la offline, em certos clubes de strip-tease, pubs, lojas de videogame e, estranhamente, centros de jardinagem.

No final de 2017, o valor da criptomoeda decolou – de menos de US$ 1 mil por um bitcoin para quase US$ 30 mil. Isso significou que quem que tinha bitcoins parados na sua carteira digital agora estava consideravelmente mais rico. Isso se a pessoa conseguisse acessar sua carteira digital.

Para muitas pessoas que flertaram com o bitcoin e a deep web quatro anos antes, e tinham esquecido completamente sua senha entre aquela época e o boom do bitcoin, tinha um problema aí. Com o bitcoin, não tem aquela coisa de “esqueci a senha” e digitar o nome do seu primeiro bicho de estimação para conseguir uma nova. Quando você perde a senha, já era. Algumas pessoas até tentaram usar hipnose para lembrar, mas não ajudou: cerca de um quarto de todos os bitcoins agora está perdido num purgatório digital.

Falei com algumas pessoas muito inteligentes que compraram bitcoin antes do boom sobre quanto essa senha perdida custou a eles.

Ruairi

VICE: Então, você comprou bitcoins mas perdeu sua senha?
Ruari:
Sim, comprei €80 em bitcoins no final de 2015. Fiz uma senha longa com símbolos, números e letras, e uma senha de recuperação do mesmo jeito. Sendo muito inteligente, escrevi as duas senhas no mesmo pedaço de papel, que perdi.

Você tinha comprado bitcoins porque achava que ficaria rico um dia?
Não, eu estava principalmente curioso com o bitcoin e os mercados da deep web.

Quanto você teria agora?
Bom, eu tinha uns 0,2 bitcoin, então por volta de US$ 2 mil, acho. O valor estava bem mais alto alguns meses atrás.

E você está bem?
Na época não foi uma coisa importante, mas ver o valor do bitcoin decolar no ano passado foi triste. Mil dólares definitivamente facilitariam minha vida agora.

Você tentou entrar na sua conta desde então?
Tentei em 2016, quando percebi que tinha perdido a senha. Foi complicado e confuso, e não consigo mesmo me lembrar. Na época em que o preço subiu, meu notebook antigo com a carteira digital tinha pifado, então não tenho mas nenhum rastro disso.

Então você perdeu tudo mesmo?
Acho que sim. Acho que não nasci pro mercado de criptomoedas.

Bom, desculpe por abrir essa ferida.
Já me conformei agora. Se não tivesse perdido a senha, provavelmente eu teria sacado o dinheiro quando o bitcoin estava valendo US$ 100 e gastado tudo em fast food.

Luke

Como aconteceu, Luke?
Luke:
Uns três anos atrás comprei 1 bitcoin, que me custou cerca de US$ 200. Foi a primeira tentativa de compra, mas nos dois anos seguintes gastei ainda mais em bitcoins.

O que te fez querer comprar bitcoins?
Eu estava interessado em usar a criptomoeda nos mercados da deep web. Eu era jovem, passando por aquela fase de querer experimentar tudo.

E sua senha?
Escrevi a senha, junto com o e-mail, num pedaço de papel, porque era uma senha longa e aleatória. Eu sabia que nunca ia lembrar. Acho que o papel caiu do meu bolso uma noite em que eu estava jogando paintball zumbi.

E você ficou chateado?
Passei um tempo tentando convencer minha namorada na época a me levar ao lugar de novo para procurar o papel. Mas sim, fiquei devastado. E nessa época eu nem fazia ideia de quanto o bitcoin ia subir.

Quanto você teria agora?
Por volta de US$ 20 mil alguns meses atrás. Talvez US$ 10 mil agora.

Você tentou outro jeito de entrar na sua carteira digital?
Tentei por dias, mas é impossível, porque também perdi a senha para o e-mail que usei para registrar a conta. Eu tinha escrito o endereço no mesmo papel.

Por que você teve que escrever?
Foi um erro de principiante. Eu não achei que perderia algo tão importante.

O que você teria feito com o dinheiro?
A coisa mais inteligente seria poupar, investir e continuar trabalhando. Com aquele dinheiro eu poderia fazer uma viagem de três meses e ver boa parte dos EUA, e ainda sobraria. Eu provavelmente faria uma farra e visitaria algumas praias. Quem sabe, talvez eu investisse em mais bitcoins?

Parece divertido.
Estou no trabalho agora, pensando que a diferença de não precisar estar aqui é só uma senha...

Bom, desculpa por trazer tudo isso de volta. Obrigada, Luke!

Axel

Quando você começou a comprar bitcoins?
Axel:
Uns cinco anos atrás. Comprei quase um bitcoin inteiro, que custou algo em torno de US$ 100, US$ 200. Eu queria o suficiente para comprar algo divertido no Silk Road ou no Silk Road 2.0, quando eles ainda estavam no ar. Eu tinha 15 ou 16 anos e achava que comprar drogas ilegais online era a coisa mais louca que eu podia fazer.

E o que aconteceu com sua senha?
Perdi imediatamente, em uma ou duas semanas, e não tinha como conseguir de novo. Logo depois disso, o Silk Road foi derrubado pelo FBI e achei que era melhor assim.

O que aconteceu quando você descobriu quanto isso podia valer?
Quando vi a notícia de que o bitcoin tinha decolado para US$ 16 mil, US$ 17 mil, quase perdia a cabeça. Percebi que o dinheiro para minha faculdade inteira estava parado em algum lugar da internet.

Você tentou algum método para recuperar a carteira?
Sou muito cético com todos esses métodos. Honestamente, me parece bobagem. Nem lembro mais o endereço da carteira agora, e comprei tudo abaixo do radar com um IP proxy. Como alguém vai conseguir achar isso?

Você sempre anota suas senhas?
Bom, não. Nunca tive uma senha que não fosse algo que eu poderia lembrar sozinho. Além disso, eu tinha muito medo que hackers roubassem o dinheiro que eu planejava usar para atividades nefastas. Lembro que quando estava me registrando, o software deu o aviso de como era importante gravar sua senha da carteira.

E como você se sente agora?
Quer dizer, passei quase cinco anos sem nem pensar nisso, e o valor ter subido loucamente não muda o fato de que esse bitcoin está longe das minhas mãos agora. E acho que um dos motivos para o bitcoin estar valendo tanto é porque tem um monte deles por aí, impossíveis de acessar. Não tenho por que me preocupar com algo que não posso mudar.

O que você aprendeu com tudo isso?
Atualmente, vejo a situação como uma história com moral. Eu era só um moleque que não sabia o que estava fazendo. A lição de vida definitiva: não seja otário. Mas ainda estou trabalhando nisso.

Boa lição. Obrigada, Axel.

@nanabaahs

Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter e Instagram .

Tagged:
Bitcoin
Internet
deep web
criptomoeda