Publicidade
Noisey

O que rolou no show do Wander Wildner na Fatiado Discos?

A casa paulistana encerrou a apresentação antes da hora, afirmando que o músico teria feito declarações machistas e racistas ao microfone. Nas redes sociais, Wildner afirmou que foi um mal entendido.

por Débora Lopes
29 Maio 2017, 5:53pm

O músico Wander Wildner. Foto: reprodução/ Facebook

No último sábado (27), o show do gaúcho Wander Wildner na Fatiado Discos e Cervejas Especiais, localizada na cidade de São Paulo, acabou mal. De acordo com uma publicação da casa nas redes sociais, o músico teria feito declarações machistas e racistas, e teve seu microfone e amplificador desligados antes mesmo do término da apresentação.

Segundo a Fatiado, ele teria dito ao microfone a frase: "Já que nenhuma vadia me traz uma cerveja...". Na postagem, que acabou sendo deletada sem maiores explicações, a casa afirmou que o cantor não será mais bem-vindo ali. "Desligamos o microfone e o amplificador pra que esse tipo de babaquice não se propague. Falar as coisas que ele falou no microfone é um erro inadmissível, principalmente em pleno 2017", trazia o post. A tal declaração racista, porém, não foi justificada.

Confira a matéria na íntegra no Noisey.

Tagged:
Show
deu ruim
Wander Wildner
Fatiado Discos