retrospectreta 2018

O ano astral de 2018

'Brisas Astrológicas' da Madama Br000na, mercúrio retrógrado, signos da Seleção Brasileira e presidenciáveis. Tudo o que a astrologia pode te dizer esteve aqui.

por Bruno Costa
20 Dezembro 2018, 6:15pm

Imagem: Reprodução com ilustração de Flora Próspero / VICE Brasil

Signo solar, ascendente, Vênus, Meio do céu... É, meus amores, 2018 foi mais um ano em que o misticismo brasileiro tomou conta da VICE. Esse site jovem libriano não ficou de fora para dar aquela cutucada nos signos mais odiados ou amados, e também, falar dos momentos e práticas que estão alinhadas com os astros.

Tivemos a honra de estrear a nossa série Brisas Astrológicas, com a taróloga, bruxa e astro lynda mais millennial do rolê, Madama Br000na. Nossa diva astral veio mensalmente para explicar o que cada novo ciclo solar traria sob a influência do signo vigente, do mês em questão.

O ano astrológico começou na rabeira de março, com a entrada de Áries, logo quando Br000na chegou por aqui para explicar o porquê que para os astros, o ano começa nesse período. Na sequência, com o novo ciclo de Touro emanando suas vibrações, entendemos que a relação dos taurinos com a comida é complexa e calórica.

Considerado o signo mais duas caras do rolê, questionamos se os nascidos no signo de Gêmeos são os mais odiados do zodíaco. Adiante, chegou o período mais transudo do ano (ou que todos gostariam que fosse), o Dia dos Namorados. Para entrar no clima e ver o que os astros podem dizer sobre aquela potencial crush, consultamos uma astróloga especialista em sinastria astral, que nos orientou como esse instrumento pode indicar as combinações entre duas pessoas, de acordo com o mapa astral.

Conhece a galera que curte um biscoito? Eu tô falando dos cancerianos, que vieram se defender com muitas lágrimas derramadas assim que o ciclo de Câncer encostou. Neste quadriênio, celebramos a Copa do Mundo da Rússia. Quem disse que não dá para misturar astrologia com futebol? Pois bem, consultamos a madama para entender a relação entre os jogadores da Seleção Brasileira e seus signos, para ver se os astros favoreciam a escalação.

O Brasil não ganhou a Copa do Mundo e o brasileiro deu espaço para outras discussões, e assim começaram os debates político na TV e nos bares. Para aprofundar mais sobre o que cada presidenciável apresentava na campanha, perfilamos cada um através da astrologia.

Os leoninos, bem-aventurados da autoestima e confiança, revelaram como os nativos de outros signos podem se aproveitar da egotrip de Leão. Virgem e Libra também deram o ar o ar da graça. E quem é de Escorpião, detalhou porque levam a fama de vingativos e ainda explicaram as táticas de vingança mais eficazes. Enquanto muita gente já se preparava para montar a árvore de Natal, Sagitário se fez presente.

Passa ano, entra ano, a comoção popular entra em colapso quando chega o período em que mercúrio fica retrógrado. Falamos com os astrólogos para compreender o que de fato é esse intervalo e compreender como lidar e superar esse momento com mais calma.

Por fim, para os fascinados por astrologia, reunimos os melhores argumentos para rebater aquela galera chata que sempre está de plantão para odiar quem gosta de astrologia. Que ano.


Assista a nossa playlist com todos os vídeos de Brisas Astrológicas com a Madama Br000na:


Siga o Bruno Costa no Twitter.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.