Publicidade
Noisey

Você pode comprar ações dos royalties do Eminem

Dois de seus produtores estão leiloando os lucros de músicas em que eles trabalharam.

por Lauren O'Neill; Traduzido por Amanda Cavalcanti
02 Outubro 2017, 6:52pm

O Natal está chegando e, com ele, há sempre aquela pessoa pra quem é excessivamente difícil comprar um presente — ela já tem tudo o que precisa. "O que eu compro pra minha avó/meu pai/meu irmão que já tem tudo?", você se pergunta, enquanto desce a barra de rolagem em meio a um mar interminável de utensílios de cozinha na Amazon. Bom, não procure mais, porque você finalmente pode dar o presente ideal para qualquer pessoa: ações de royalties de músicas do Eminem.

Mark e Jeff Bass — conhecidos profissionalmente como Funky Bass Team — trabalharam com o Eminem no começo de sua carreira e foram responsáveis pelo lançamento de The Slim Shady LP e pela produção de dois dos seus maiores singles, "Without Me" e "Lose Yourself". Agora, eles estão leiloando seus lucros futuros de faixas do Eminem lançadas no período de 1999 a 2013, segundo a Rolling Stone.

A coisa funciona mais ou menos como o mercado de ações, e esse esquema é disponibilizado através de uma nova empresa chamada Royalty Flow. As ações custam um mínimo de US$ 2,25, mas se a estratégia funcionar, ela pode representar uma nova e inovadora forma de investimento. E, como disse à Rolling Stone Matthew Smith da Royalty Exchange, a empresa por trás do leilão: "Não apenas você pode potencialmente ganhar junto com a discografia do Eminem, mas você também pode ganhar o direito de se gabar dizendo 'ei, eu sou dono disso!' toda vez que ouvir uma música dele". E o que pode ser melhor que isso? Não é de jeito nenhum um lembrete meio deprimente da monetização estranhamente transparente da arte!

Leia mais no Noisey, o canal de música da VICE.
Siga o Noisey no Facebook e Twitter.
Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.