Publicidade
Motherboard

Os cadáveres de estrelas mortas serão o último refúgio da humanidade

Onde você se imagina daqui a um trilhão de anos?

por Becky Ferreira; Traduzido por Amanda Guizzo Zampieri
19 Maio 2017, 2:02pm

O planeta Terra é um próspero abrigo de vida nesse momento graças, em parte, à sua confortável distância do Sol. Mas chegará um dia em que a estrela explodirá o nosso planeta. E então? Para onde, no universo, os humanos poderão migrar a fim de construir uma civilização com um pouco de permanência cósmica?

Para os criadores do Kurzgesagt, um canal do YouTube que aborda assuntos complexos com "niilismo otimista", a resposta é: um sistema de anãs brancas estável. Em uma animação postada na semana passada, o canal apresentou os motivos por que as anãs brancas – cadáveres de estrelas – são provavelmente "o último refúgio da humanidade", quando as luzes começarem a se apagar no universo.

Cerca de 97% das estrelas no universo, incluindo o Sol, estão destinadas a se tornarem anãs brancas assim que exaurirem seu combustível nuclear e explodirem em novas e supernovas. As anãs brancas são o núcleo exposto remanescente nas cinzas desses eventos pirotécnicos. São muito mais estáveis e longevas do que suas estrelas predecessoras.

Leia o resto da reportagem em Motherboard.

Tagged:
espaço
Terra
Αστρονομία
estrelas
anã vermelha
anã branca