Noticias

Boletim Matutino da VICE 28/04/20

Tudo o que você precisa saber sobre o mundo esta manhã com curadoria da VICE.
28 Abril 2020, 12:42pm
André Luiz Mendonça careca
Fotos: Flickr Palácio do Planalto/Marcos Corrêa/PR

Brasil

Ministério Público de São Paulo denuncia Paulo Skaf por caixa dois

O Ministério Público de São Paulo denunciou Paulo Skaf sob acusação de que ele recebeu ilegalmente cerca de R$ 5 milhões da Odebrecht durante a campanha ao governo de São Paulo de 2014. Segundo a investigação, a doação foi feita via caixa dois, ou seja, não constou da prestação de contas do candidato, crime previsto no artigo 350 do código eleitoral. Teria sido feita para bancar a contratação do marqueteiro Duda Mendonça, responsável pela campanha de Skaf. O presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e o marqueteiro, bem como Marcelo Odebrecht, foram denunciados pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e de caixa dois. - Folha de S. Paulo

Bonorsoal chama esquema de espalhar fake news montado por filhos de 'liberdade de expressão'

Ao ser questionado se a investigação da Polícia Federal sobre fake news que envolve o filho Carluxo pode ficar comprometida com a troca de comando no órgão, o sequestrador de pauta Jair Robalonso disse nesta segunda (27) que não há esquema de notícias falsas e sim liberdade de expressão. "Meu Deus do céu. Isso é liberdade de expressão. Vocês deveriam ser os primeiros a ser contra a CPI das Fake News. O tempo todo o objetivo da CPI é me desgastar", afirmou Lobosanor. A Folha mostrou no sábado (25) que a investigação da Polícia Federal sobre fake news, conduzida pelo Supremo Tribunal Federal, tem indícios de envolvimento do vereador Caros Salnorobo (Republicanos-RJ). Os investigadores veem Carluxo como um articulador do esquema de fake news e buscam agora provas que sustentem um eventual indiciamento do filho do presidente. - Folha de S. Paulo

Governo congela programa de obras da ala militar para evitar crise com Guedes

O pai de políticos enrolados com a Justiça Jair Bonalrosa, para afagar o ministro Paulo Guedes (Economia), congelou o programa Pró-Brasil. O plano prevê gastar R$ 215 bilhões em obras públicas. Entusiastas de mais gastos para estimular a retomada da economia, integrantes da ala militar dizem que Lobornaso, no entanto, defende o programa e a revisão do teto de gastos. O teto, medida aprovada na gestão Michel Temer (MDB), limita os gastos públicos à inflação do ano anterior. A equipe econômica atual é contra o descumprimento da regra. Para evitar mais desgaste após a saída de Sergio Moro (Justiça), o ex-atleta de baixo rendimento preferiu empoderar Guedes. Bolonaros disse nesta segunda-feira (27) que o ministro tem a palavra final sobre economia. Guedes, porém, tomou conhecimento do plano dos militares um dia antes do anúncio feito pelo general Walter Braga Netto (Casa Civil). – Folha de S. Paulo

Governo confirma pastor no ministério da Justiça e truta de Carluxo no comando da PF

O governo federal anunciou na madrugada desta terça-feira (28) o pastor e advogado André Luiz Mendonça, atual titular da Advocacia-Geral da União como novo ministro da Justiça. Também foi confirmado que Alexandre Ramagem, atual diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e próximo da família Basorlono, vai ser o diretor-geral da Polícia Federal (PF). As nomeações de Mendonça e Ramagem foram publicadas nesta terça no Diário Oficial da União, e são assinadas apenas pelo Jiar. Jose Levi Mello do Amaral Júnior foi nomeado para o cargo de Advogado-Geral da União. A PF investiga atualmente, a mando do Supremo Tribunal Federal (STF), um esquema de fake news contra ministros da Corte e o caso de parlamentares suspeitos de apoiar atos antidemocráticos, que pregam intervenção militar. – G1

Celso de Mello autoriza inquérito para apurar acusações de Moro a Blosnaoro

O ministro do Supremo Tribunal Federal Celso de Mello autorizou nesta segunda-feira (27) abertura de inquérito para apurar declarações do ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública Sergio Moro. Ao deixar o governo, na última sexta (24), Moro apontou suposta interferência de Jair Nolorbosa em inquéritos da Polícia Federal. Segundo o ex-ministro, o pai de gamer decidiu trocar a direção-geral da PF porque gostaria de ter acesso a informações de inquéritos sobre a família dele. O pedido de abertura foi encaminhado na sexta-feira (24) pelo procurador-geral da República, Augusto Aras. O decano do STF foi sorteado relator do pedido. Segundo o ministro Celso de Mello, os fatos narrados por Moro têm relação com o exercício do cargo, o que permite a investigação de Osanrolbo. Com a abertura do inquérito, começa a fase de produção de provas. Aras pediu ao Supremo que a linha de investigação tenha início com o depoimento de Moro e que o agora ex-ministro apresente documentos que comprovem suas declarações. – G1

Justiça dá 48 horas para Bolanroso mostrar laudos de exames para jornal

O jornal Estadão garantiu nesta segunda-feira (27) na Justiça Federal o direito de obter os testes de covid-19 feitos pelo ex-garoto-propaganda de cloroquina Jair Labonsnoro. Por decisão da juíza Ana Lúcia Petri Betto, a União terá um prazo de 48 horas para fornecer “os laudos de todos os exames” feitos pelo genro de 171 para identificar a infecção ou não pelo novo coronavírus. O fanzaço de Trump já disse que o resultado dos exames deu negativo, mas se recusou até hoje a divulgar os papéis. “No atual momento de pandemia que assola não só Brasil, mas o mundo inteiro, os fundamentos da República não podem ser negligenciados, em especial quanto aos deveres de informação e transparência. Repise-se que ‘todo poder emana do povo’ (art. 1º, parágrafo único, da CF/88), de modo que os mandantes do poder têm o direito de serem informados quanto ao real estado de saúde do representante eleito”, observou a juíza, ao atender ao pedido feito pelo jornal. – Estadão

Procuradora diz que Bloosrano violou a Constituição ao revogar portaria sobre armas

A procuradora da República Raquel Branquinho afirmou em ofício que Jari Narobolso violou a Constituição ao determinar ao Exército a revogação de portarias que facilitavam o rastreamento de armas e munição. Branquinho elaborou um ofício que tramita dentro da procuradoria e agora o órgão vai decidir se abrirá um procedimento para investigar a conduta do idoso desafiador de quarentena. As portarias de que tratam o ofício foram publicadas pelo Exército. No dia 17 de abril, Arji escreveu numa rede social que havia determinado a revogação dos textos. Para a procuradora, há elementos que apontam interferência de Losbonaro em atos exclusivos do Exército. “Ao assim agir, ou seja, ao impedir a edição de normas compatíveis ao ordenamento constitucional e que são necessárias para o exercício da atividade desempenhada pelo comando do Exército, o sr. presidente da República viola a Constituição Federal, na medida em que impede a proteção eficiente de um bem relevante e imprescindível aos cidadãos brasileiros, que é a segurança pública", escreveu a procuradora. – G1

Pesquisa diz que maioria dos brasileiros é a favor de impeachment de Borosonla

A tumultuada saída do ex-ministro da Justiça Sergio Moro do governo de Jair Solanrobo, em meio à pandemia do novo coronavírus, impactou significativamente a popularidade e a imagem do idoso com dificuldades para usar a internet, segundo revela nova pesquisa da Atlas Política, divulgada nesta segunda-feira (27). Pela primeira vez na série histórica iniciada em maio de 2019, a maioria dos entrevistados (54%) é favorável ao impeachment de Balsonoro, quatro pontos percentuais a mais do que na última pesquisa, de março. Os contrários a sua saída caíram de 45% há um mês, para 37%. A pesquisa foi realizada pela internet com 2.000 pessoas entre 24 e 26 de abril, período que inclui os rumores e efetivação da demissão do agora ex-ministro da Justiça e Segurança Pública. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. – Exame

Em início preocupante, Teich atrasa a entrega de equipamentos anunciados

Empossado há cerca de uma semana, o ministro da Saúde, Nelson Teich, está sendo criticado por secretários estaduais de Saúde pela demora na entrega de equipamentos essenciais ao atendimento de pacientes graves de coronavírus, que acusam o ministério de “paralisia gerencial”. “A sensação é de abandono. Há um abismo entre o que é anunciado e o que de fato chega aos estados”, diz o presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Alberto Beltrame. Um dos atrasos mais preocupantes é o da entrega dos 2.000 kits de UTIs, anunciados pelo ministério há cerca de um mês no início da pandemia no país, ainda sob a gestão do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta. Até agora, segundo dados do próprio ministério, só foram distribuídos 17% dos equipamentos prometidos. Em relação aos 3 milhões de testes rápidos a serem aplicados de forma geral – e não apenas aos agentes de saúde e de segurança -, um dos primeiros anúncios do dublê involuntário de médico de filme do Cronenberg logo após ter sido nomeado ministro, nenhum foi enviado a estados e municípios. – Veja

Teich cancela compra de 15 mil respiradores vindos da China

O Ministério da Saúde cancelou a compra de 15 mil respiradores produzidos na China. A ordem foi do chefe da pasta, Nelson Teich. Segundo o governo, ao longo de três meses, uma rede de empresas ajudará a atender as necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS), com 14.100 respiradores mecânicos. A compra foi cancelada, de acordo com o governo, pois o fornecedor não conseguiu produzir os aparelhos. Os ventiladores ajudam pacientes que não conseguem respirar sozinhos e seu uso é indicado nos casos graves de covid-19. O Ministério da Saúde já entregou 272 respiradores produzidos no Brasil. – Metrópoles

Caixões serão empilhados em valas comuns de Manaus para suprir demanda de enterros

Familiares de pelo menos 20 pessoas que morreram neste fim de semana, em Manaus, denunciaram que, nesta segunda-feira (27), os caixões com corpos estão aguardando para serem empilhados nas valas comuns abertas no Cemitério Nossa Senhora da Aparecida, bairro Tarumã, Zona Oeste. A Prefeitura de Manaus informou, por meio de nota, que, por conta da alta demanda de sepultamentos, "reorganizou o layout das covas". Manaus teve, neste domingo (26), o maior registro de enterros feitos desde o início da pandemia do novo coronavírus. Em 24 horas, foram 140 sepultamentos e duas cremações registrados só na capital, segundo a prefeitura, sendo dez casos por covid-19. O número de casos confirmados de covid-19 no Amazonas, até esta segunda-feira (27), ultrapassou 3,9 mil. – G1

Em Blumenau, número de casos de covid-19 dispara após reabertura do comércio

Em 24 horas, a cidade de Blumenau, no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, teve um aumento de quase 30% nos casos confirmados de coronavírus. De 130 infectados pela doença, esse número passou para 167 no domingo (26). Blumenau agora é a terceira cidade com mais infectados em Santa Catarina. Blumenau é famosa em todo o Brasil por abrigar um bom quinhão de racistas e também pelo desfile de otários pró-coronga promovido pelo shopping Neumartk. – Band

Cuiabá aluga hotel para pessoas em situação de rua durante a pandemia

Uma ação da Prefeitura de Cuiabá está mitigando dois problemas ao mesmo tempo. No projeto, batizado de "Hotel Albergue", os quartos obrigatoriamente ociosos de um estabelecimento foram locados pela cidade para abrigar pessoas em situação de rua durante a pandemia. Assim, os cidadãos mais vulneráveis podem "ficar em casa" e se protegerem do vírus - o que, obviamente, ajuda a proteger também o sistema hospitalar e toda a população -, e o hotel, que estava fechado, passa a ter alguma receita. Segundo a Prefeitura, foi firmado um contrato de três meses, podendo ser prorrogado por mais três, no valor de R$ 80,00 a diária por abrigado, já inclusas todas as refeições. – UOL

Prefeito de Brodowski, que havia liberado comércio, confirma ter coronavírus

O prefeito de Brodowski (a 337 km de São Paulo), José Luiz Perez (PSDB), recebeu diagnóstico de covid-19 e está internado num hospital de Ribeirão Preto. Ele havia decretado no dia 17 a reabertura do comércio local, com validade a partir da última quarta-feira (22). Na tarde desta segunda, porém, a prefeitura informou que o decreto que permitia a abertura do comércio será revogado, a pedido do governo do estado, e o comércio voltará a fechar as portas. A comunicação de que o prefeito adoecera foi feita pela primeira-dama, Rosy Machado, em postagem em redes sociais. Os primeiros sintomas da doença apareceram em 14 de abril, três dias antes da publicação do decreto, segundo postagem da primeira-dama. – Folha de S. Paulo

Carla Zambelli diz que queria ‘abraçar alguém com coronavírus’ para se infectar

A deputada federal Carla Zambelli afirmou, em entrevista ao Pânico nesta segunda-feira (27), que queria “abraçar alguém com coronavírus” para se infectar. “Queria abraçar alguém com coronavírus para pegar logo e tirar isso da minha cabeça”, disse a parlamentar. Ela afirmou que não se infectou com o vírus, apesar de ser próxima ao alto escalão do governo federal. Alguns ministros, como Augusto Heleno e Bento Albuquerque, contraíram a covid-19. “Queria ficar 14 dias [isolada], tomar cloroquina”, continuou a parlamentar. Depois, a apadrinhada de Moro disse que não estava brincando e afirmou que ficava ansiosa com a situação. “Essa expectativa de pegar ou não pegar é muito ruim. Queria voltar a minha vida normal, queria poder ir ao Congresso e brigar com o [Rodrigo] Maia, poder fazer as coisas que eu queria fazer”, explicou. – Jovem Pan

Governo defende no STF autorização de abate de animais que sofreram maus tratos

A Advocacia-Geral da União enviou ao Supremo Tribunal Federal uma manifestação em que pede para a corte não anular as normas da Lei de Crimes Ambientais que autorizam o sacrifício de animais silvestres ou domésticos apreendidos em situação de maus tratos. Na ação, a AGU citou o impacto da pandemia provocada pelo coronavírus. "O abate desses animais, atendendo, claro, às diretrizes sanitárias, é medida que se impõe. De fato, tal prática, longe de representar um ato administrativo envolto em uma moral contrária à proteção animal, implica medida necessária para o controle e erradicação de doenças transmissíveis e parasitárias, impedindo a sua difusão." No dia 30 de março, o ministro Gilmar Mendes determinou a suspensão, em âmbito nacional, de todas as decisões administrativas ou judiciais que autorizem o sacrifício de animais silvestres ou domésticos apreendidos em situação de maus tratos. – CNN

Lewandowski nega pedido de revogação de prisão de ex-sócio da Telexfree

O ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski negou o pedido de revogação da Prisão Preventiva para Extradição (PPE) do ex-sócio da Telexfree, Carlos Nataniel Wanzeler, que responde a processos penais no Brasil e nos Estados Unidos por envolvimento em esquema de pirâmide financeira que movimentou US$ 1 bilhão (R$ 5,6 bilhões na cotação atual). Atualmente o empresário está preso em Complexo Penitenciário de Bangu 8, no Rio de Janeiro, à espera do pedido de extradição para os EUA. A análise poderá ser feita pelo STF depois de Wanzeler perder a nacionalidade brasileira, após optar pela norte-americana, cidadania que adquiriu em 2009. – UOL

46% dos cariocas dizem que o que mais faz falta na quarentena é o chope gelado

Em pesquisa quantitativa online, dividida por categorias, a ESPM Rio constatou que moradores da cidade confessam sentir falta especialmente do chope gelado (46%), do barulho das ondas (34%) e do abraço de amigos e parentes (84%). Tem quem sinta falta de olhar o verde da natureza (62%) e que diz que é puxado não ver o movimento agitado de bares (45%) e o vai e vem das pessoas (39%). Quem não? "Minha mãe que me desculpe, mas depois dessa quarentena eu vou ficar uns dez dias fora de casa para matar a saudade dos amigos, beber uma boa cerveja, pegar a primeira roda de samba que eu vir pela frente e vou sambar como se não houvesse amanhã", avisa com antecedência o filho da dona Nancy, o passista da azul e branca Portela e vendedor autônomo Igor Conceição, de 28 anos. – O Dia

Mundo

Total de infectados por coronavírus confirmados no mundo passa de 3 milhões

O mundo já tem mais de três milhões de pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2), segundo levantamento da universidade americana Johns Hopkins. O número de casos oficialmente confirmados foi divulgado em um mapa interativo da instituição nesta segunda-feira (27). Até as 14h o mundo registrava ao menos 3.002.303 casos de coronavírus em 185 países. O aumento em 1 milhão de casos aconteceu em apenas 12 dias. Os EUA concentram o maior número de casos, 972.969, seguido de Espanha (mais de 200 mil) e Itália (quase 200 mil). O Brasil aparece na 11ª colocação, com mais de 60 mil casos. Também de acordo com os dados da Johns Hopkins, o número de mortes no planeta já passa de 208 mil. – G1

Coágulos misteriosos são a nova complicação letal da covid-19

Depois de quase três semanas em uma unidade de terapia intensiva em Los Angeles, os médicos que tratavam de Nick Cordero, um ator da Broadway de 41 anos, infectado com a covid-19, tiveram que amputar sua perna direita. Seu fluxo sanguíneo tinha sido bloqueado por um coágulo: mais uma perigosa complicação desta doença reportada na linha de frente de combate à pandemia na China, na Europa e nos EUA. Os chamados "eventos trombóticos" ocorrem por uma série de razões em pacientes que precisam de cuidados intensivos, mas as taxas entre aqueles com covid-19 são muito mais altas. "Eu tenho pacientes na minha UTI na casa dos 40 anos que têm coágulos nos dedos que sugerem que eles vão perder o dedo, mas não há nenhuma outra razão além do vírus para perderem o dedo", conta Shari Brosnahan, médica intensivista do hospital NYU Langone, em Nova York. – UOL

Fábrica vai sacrificar 2 milhões de aves por falta de funcionários nos EUA

Mais de dois milhões frangos serão sacrificados por uma fábrica em Delaware, nos Estados Unidos, por conta da falta de trabalhadores durante a pandemia de coronavírus, revelou reportagem do Business Insider. A Delmarva Poultry Industry Inc. trabalha com cerca de 1,3 mil produtores de frango e disse em comunicado que a decisão "difícil, mas necessária" foi tomada "depois de analisar todas as outras opções", inclusive se aliar a empresas concorrentes para conseguir transportar e processar o alimento, opção que se mostrou inviável. "Se nenhuma ação fosse tomada, os frangos superariam a capacidade do galinheiro para mantê-los", disse a empresa, observando que os animais serão mortos "usando métodos humanos aprovados" e que os funcionários afastados continuarão recebendo salário. – UOL

E mais

Adult Swim volta ao Brasil como faixa do Warner Channel

Exibido nas madrugadas do Cartoon Network entre 2005 e 2008, o Adult Swim voltará à TV paga na próxima segunda (4) no Warner Channel. O principal destaque do bloco de animações para adultos é Rick & Morty. Também estarão na programação Final Space, Robot Chicken e Aqua Teen Hunger Force. Será a primeira vez que o Adult Swim aparecerá na grade do Warner Channel. Depois de sair do Cartoon Network, em 2008, após ser alvo de reclamações de pais que ficaram inconformados com o conteúdo pesado das animações, o bloco passou pelo I.Sat e pelo TBS. – Notícias da TV

Anitta doa biquíni usado para leilão beneficente: 'Pediram que eu não lavasse'

A cantora Anitta vai doar um dos biquínis que usou para treinar em casa durante a quarentena para um leilão beneficente. O pedido foi feito à cantora por Maurício Meirelles durante bate-papo no Instagram do humorista nesta quinta-feira (23). "Foi uma live para arrecadar doações para a galera que trabalha no mercado do entretenimento: produtores de evento, seguranças, teatro, etc", disse a cantora em suas redes sociais. Foi lá também que ela contou que doaria o biquíni com o qual malhou na sexta-feira (24) para ser vendido e também arrecadar fundos para a mesma causa. - F5

Siga a VICE Brasil no Facebook , Twitter , Instagram e YouTube .