Publicidade
Noticias

Boletim Matutino da VICE - 11/12/2019

Tudo o que você precisa saber sobre o mundo hoje com curadoria da VICE.

por Equipe VICE Brasil
11 Dezembro 2019, 1:53pm

Marcelo Camargo / Agência Brasil

Brasil

Por 6 votos a 1, TSE cassa senadora Selma Arruda, a 'Moro de saias'

Por 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitora) determinou na noite desta terça-feira (10) a cassação do mandato da senadora Juíza Selma Arruda (Pode-MT) e proibiu a parlamentar, autodeclarada "Moro de saias", de disputar novas eleições por um período de oito anos. Com a perda do mandato, o TSE também determinou que sejam convocadas novas eleições para senador em Mato Grosso para o preenchimento da vaga. Ainda não há data prevista para a nova disputa eleitoral. A senadora ainda pode recorrer da decisão no próprio TSE. Mas um eventual recurso não impede o cumprimento da determinação da perda do mandato. O afastamento do cargo só ocorre após o Senado ser notificado pelo TSE da decisão. – UOL

Brasileiros confiam mais em Lula que em Bolsonaro, diz Datafolha

O número de brasileiros que confiam nas declarações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é maior que o volume de brasileiros que confiam nas declarações do presidente Jair Bolsonaro. Pelo menos é isso que aponta a pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira (10) pela Folha de São Paulo. O estudo diz que 25% da população sempre confia em Lula, enquanto 19% têm o mesmo sentimento em relação a Bolsonaro. O Datafolha já havia revelado que 80% dos brasileiros desconfiam das declarações do atual presidente e, nesta terça-feira, afirmou que, quando se trata do ex-presidente Lula, esse percentual cai para 73%. É que, hoje, 19% da população diz que sempre confia nas declarações de Lula, 36% confiam às vezes, 37% nunca confiam e 2% não sabem. Os índices registrados por Bolsonaro foram 19%, 37%, 43% e 1%, respectivamente. – Congresso em Foco

Bolsonaro diz que Crivella pediu recursos federais para pagar servidores do Rio

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (11) que o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), pediu verba federal para ajudar a pagar o 13° salário dos servidores. A Prefeitura do Rio vive uma crise na saúde por conta do falta de pagamento da prefeitura. Cerca de 22 mil profissionais das organizações sociais que administram as unidades de atendimento estão com os salários atrasados desde outubro. Bolsonaro e Crivella se reuniram na terça-feira (10), em Brasília. De acordo com o presidente, o Rio está com a "corda no pescoço" e Crivella quer ajuda para pagar o 13º salário dos servidores. – G1

Documentos revelam que território de novo autódromo no Rio é um campo minado

Documentos obtidos pela Agência Sportlight de Jornalismo Investigativo através da Lei de Acesso à Informação mostram que o terreno conhecido como “Camboatá”, em Deodoro, subúrbio da Central, local escolhido para construção do novo autódromo do Rio de Janeiro, é um campo minado ativo. Nem mesmo a “operação de descontaminação mecanizada e manual” realizada pelo “1º Batalhão de Engenharia de Combate” (RJ) em 2014 e 2015, quando se realizou a “detecção, varredura, limpeza e neutralização de artefatos” é capaz de assegurar risco zero e total ausência de tais artefatos. A área de 2 milhões de metros quadrados onde pretende se construir o autódromo pertencia ao Exército e foi para a prefeitura do Rio, tendo passado antes por uma transação de reversão para o Ministério do Esporte, que pagou cerca de R$ 120 milhões. – Agência Sportlight

Passam de 900 as praias brasileiras atingidas por petróleo cru

As manchas de óleo continuam sendo registradas em praias do litoral brasileiro. O petróleo cru já atingiu 907 localidades, segundo o mais recente balanço do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente, divulgado em 10 de dezembro. Mais de três meses depois do surgimento dos casos, a origem da poluição ainda é desconhecida. Pedro Bignelli, coordenador-geral do Centro Nacional de Monitoramento e Informações Ambientais (Cenima), do Ibama, diz que "perdemos o timing" para encontrar o que causou o maior desastre ambiental do litoral do país. Há registro de manchas de óleo nos 9 estados do Nordeste – Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe – e também no Espírito Santo e no Rio de Janeiro. – G1

Carne vai continuar a subir e China segue como principal comprador em 2020, diz presidente de associação

O preço da carne bovina definitivamente subiu de patamar, e os consumidores vão pagar mais pela proteína no próximo ano. Os valores poderão não ser tão elevados como os deste final de ano, mas, seguramente, vão ser maiores do que os praticados de janeiro a setembro últimos. E a avaliação vem de quem faz parte do dia a dia desse setor: Antonio Camardelli, presidente da Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes), entidade que representa 31 empresas do setor. Segundo o presidente da entidade, a alta de preços atingirá tanto o boi no pasto como a carne nos açougues e supermercados. – Folha de S. Paulo

Seis viram réus por torturar homem em supermercado em SP e gravar vídeo

Seis homens se tornaram réus por torturar e filmar um ladrão de carnes no hipermercado Extra em 2018, no Morumbi, Zona Sul de São Paulo. Um dos acusados, porém, morreu num hospital após passar mal no presídio no início deste mês. Deste modo, como o processo contra ele foi extinto, somente cinco réus responderão pelo crime de tortura. Dois deles continuam presos e outros três estão soltos. O caso de tortura ocorreu em março do ano passado no supermercado, mas só repercutiu neste ano com a divulgação de um vídeo que foi compartilhado nas redes sociais e chegou à imprensa em setembro. A filmagem feita por celular pelos próprios agressores mostra o homem de 37 anos apanhando com golpes de cabo de vassoura e levando choques elétricos de um taser, aparelho de defesa pessoal. – G1

Professora da UFRB denuncia racismo de aluno que recusou receber prova em sala de aula

Uma professora da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) denunciou à Polícia Civil que sofreu racismo durante a aplicação de provas, dentro do campus da instituição, na cidade de Cachoeira. A ação foi gravada por estudantes que estavam dentro da sala de aula. Segundo a polícia, o estudante do curso de Ciências Sociais, Danilo Araújo de Góis, esteve na Delegacia de Cachoeira e relatou que foi vítima de preconceito, porque os estudantes não deixaram ele se explicar e o chamaram de racista. Ele registrou um boletim de ocorrência e foi liberado. De acordo com informações da polícia, na denúncia da professora Isabel Cristina Ferreira dos Reis consta que Danilo Araújo se recusou a receber a prova da mão dela, porque ela é negra. – G1

Mulher flagra acidente e descobre que vítima é o próprio filho ao tentar ajudar

Uma comerciante voltava para casa em Praia Grande, no litoral de São Paulo, quando se deparou com um acidente envolvendo dois veículos. Ao chegar mais de perto, ela notou a presença da moto do seu filho no local e descobriu que ele estava gravemente ferido. O acidente aconteceu na noite do último domingo (8) e o jovem Rafael Castanha, de 24 anos, passou por uma cirurgia no fêmur durante toda a tarde desta terça-feira (10). Segundo a mãe dele, Rute Nascimento, de 48 anos, o filho voltava da casa de amigos pela Via Expressa Sul. Ele bateu na lateral de um carro, após o trânsito parar repentinamente, foi socorrido pelo Samu e levado para o hospital. – G1

Mundo

Greta Thunberg é eleita personalidade do ano pela revista Time

A ativista sueca Greta Thunberg, de 16 anos, foi eleita personalidade do ano de 2019 pela revista Time. A adolescente deu início a um movimento internacional de estudantes que pede medidas concretas para combater as mudanças climáticas. A iniciativa rendeu uma campanha pelo Prêmio Nobel da Paz em 2019 — vencido por Abiy Ahmed Ali, primeiro-ministro da Etiópia. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que chamou a ativista de "pirralha" nesta segunda (9), era um dos concorrentes ao prêmio. Em 2018, quem ganhou o prêmio foram os jornalistas que enfrentaram perseguição, prisão ou assassinato por suas reportagens em uma reportagem que os estampava como "Os Guardiões e a Guerra da Verdade". – UOL

E mais

Mac Pro custará quase meio milhão de reais na versão completa quando chegar ao Brasil

A Apple começou a vender o novo Mac Pro nos Estados Unidos nesta terça-feira (10). O computador para profissionais começa em US$ 5.999 na gringa e sua versão mais parruda sai por US$ 52.599. Essa potência toda também chegará ao Brasil, com preços surreais: R$ 55.999 o modelo básico, e R$ 428.799 a versão monstruosa. Quase meio milhão de reais num computador. Os valores foram consultados pelo Tecnoblog, que conseguiu acessar os links de personalização da máquina. No site oficial da Apple, embora o Mac Pro esteja listado como disponível “em breve” e o preço dos modelos básicos apareçam, ainda não é possível fazer as customizações. – Gizmodo

Tagged:
Boletim Matutino