Noisey

Aláfia homenageia o bairro do Bixiga no clipe de "Saracura"

A parceria com Luísa Maita faz referência aos quilombos que se instalaram no bairro nos séculos passados.
03 Outubro 2017, 6:29pm

Durante os séculos XIX e XVIII, a beira do rio Saracura, que nascia na Bela Vista, se tornou quilombo dos escravos refugiados dos que eram vendidos na Praça da Bandeira. Esse mesmo rio dá título a uma faixa do mais recente disco do Aláfia, São Paulo Não É Sopa, que nessa terça (3) ganhou um clipe dirigido pela cineasta Thais Taverna.

A faixa é uma parceria com Luísa Maita e é uma homenagem ao bairro do Bixiga, por onde passava o Saracura e onde nasceu a escola de samba Vai-Vai, cujos ensaios acontecem nas ruas, sobre o rio canalizado. Luisa, filha do cantor e compositor Amado Maita, cresceu no Bixiga e escreveu a música em parceria com Eduardo Brechó. O clipe mostra os versos compostos pela dupla cena a cena, enquanto o grupo caminha pelas ruas do centro de São Paulo. Assista acima.

Leia mais no Noisey, o canal de música da VICE.
Siga o Noisey no Facebook e Twitter.
Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.