Publicidade
VICE INTL

Vinho de Cocô Coreano

A correspondente da VICE Japão Yuka Uchida foi de Tóquio a Seul para experimentar, ela própria, um pouco de vinho de fezes vintage. Até onde sabemos, é a primeira vez que a produção do ttongsul é registrada em vídeo.

por Equipe VICE INTL
30 Julho 2015, 10:30am

"Ttongsul" é um vinho de arroz coreano misturado com cocô fermentado de criança humana e tem um teor alcoólico de cerca de 9%. Pouco se sabe sobre a origem do que certamente é um dos remédios mais bizarros e burlescos do mundo. Uma busca rápida no Google por "ttongsul" traz pouco mais que rumores de internet e uma página rasa na Wikipédia.

Intrigados, partimos a descobrir se os boatos eram reais e, para nosso espanto, encontramos um médico tradicional coreano que afirma ser uma das últimas pessoas que sabe fazer "vinho de fezes". O rosto do doutor Lee Chang Soo foi tomado de tristeza quando ele nos contou seu pesar porque esses dejetos não são mais amplamente utilizados na medicina oriental. O uso de excrementos humanos e animais para fins medicinais é feito há séculos na Coreia. Livros antigos do país afirmam que o composto cura contusões sérias, cortes, ossos quebrados e é inclusive um remédio eficaz contra a epilepsia.

Vale apena destacar que a pessoa comum na Coreia do Sul de hoje em dia não faz ideia do que é ttongsul. Acredita-se que a bebida tenha basicamente desaparecido nos anos 60, quando o país começou sua longa jornada rumo à modernidade de Primeiro Mundo e os remédios ocidentais se tornaram mais populares.

Mesmo assim, o que se aprende no berço sempre dura, e há boatos de que um pequeno número de coreanos ainda é fiel a essa birita acre. A correspondente da VICE Japão Yuka Uchida foi de Tóquio a Seul para experimentar, ela própria, um pouco de vinho de fezes vintage. Até onde sabemos, é a primeira vez que a produção do ttongsul é registrada em vídeo.

Tagged:
SEOUL
Merda
bebida
japão
vinho
Outros
Ttongsul
Coreia do Sul
Lee Chang Soo
vinha de cocô