Publicidade
Motherboard

Projeto de lei quer regulamentar a profissão de youtuber

É a luta pelos direitos de quem vive de fazer vlog, pessoal.

por Equipe Motherboard
06 Novembro 2018, 6:27pm

Foto: Unsplash

Fala, moçada, tudo bem? Hoje vamos falar sobre a profissionalização de youtuber. Pois é, galerinha. O deputado Eduardo da Fonte (PP-PE) apresentou, na semana passada, um projeto de lei à Câmara dos Deputados que pede que a profissão de vlogueiro seja considerada atividade de natureza social perante a lei. Dá pra acreditar, caras?

Falando sério, turma, o PL 10.937/2018 aponta que os profissionais youtubers estão expostos a contratos de trabalho sem proteções legais previstas, com jornadas incompatíveis com a função exercida, e por isso propõe a regulamentação da profissão.

E sabe o que é mais interessante, pessoal? O PL recomenda que os youtubers profissionais, isto é, contratados por empresas, trabalhem em regime como outras profissões: seis horas por dia, 30 horas por semana, no mínimo 45 minutos de almoço/descanso e hora extra remunerada, sendo o dobro do valor da hora normal.

E não para por aí, viu? O documento também aponta que nenhum youtuber será obrigado a interpretar ou participar de trabalho que ponha em risco sua integridade física ou moral. O projeto propõe que os youtubers profissionais sigam as normas do Código de Ética dos Jornalistas. Já deu pra ver tudo, né?

Claro que no YouTube já existem vídeos discutindo a proposta do deputado pernambucano. O texto foi apresentado na última quarta (31) e será analisado ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Caso aprovado, o PL deverá ser votado pelo plenário.

O que vocês acham disso, moçada? Curtiram? Dá um like aí pra gente e sigam nossos canais, beleza?

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tagged:
brasil
youtuber
projeto de lei
profissão