Publicidade
Tech by VICE

A nova moeda do Canadá acabou de mostrar que o governo admite que OVNIs são reais

Um OVNI teria caído perto de um pequeno vilarejo canadense de pescadores nos anos 1960. Agora, o incidente de Shag Harbour está sendo celebrado pelo Royal Canadian Mint.

por MJ Banias; Traduzido por Marina Schnoor
09 Outubro 2019, 10:00am

Imagem: Royal Canadian Mint.

O governo canadense lançou uma nova moeda de edição limitada que brilha no escuro para comemorar um dos eventos mais importantes da história do Canadá: a queda de um OVNI.

O Royal Canadian Mint produziu 4 mil moedas comemorando um evento onde os moradores de Shag Harbour testemunharam um grande objeto luminoso cair na água na costa da Nova Escócia, Canadá.

Oficiais locais da Polícia Montada foram alertados pelos moradores na noite de 4 de outubro de 1967 que um avião tinha caído no mar perto do porto da cidade. Testemunhas disseram a imprensa local na época que um grande objeto brilhante foi visto voando sobre a cidade por quase uma hora, até cair no mar. Temendo o pior, os oficiais da Polícia Montada e pescadores locais lançaram imediatamente uma operação de busca e resgate.

“A Polícia Montada comandou barcos de pesca para facilitar o 'resgate' do que eles achavam ser uma aeronave que tinha caído, mas quando chegaram ao local, uma estranha mancha de espuma amarela foi encontrada na superfície da água”, o autor Chris Rutkowski disse ao Motherboard.

Rutkowski, autor de vários livros sobre OVNIs, estudou extensamente o caso de Shag Harbour.

“É outro caso onde há documentos oficiais que testemunham a realidade de que algo aconteceu. A Polícia Montada investigou na época, e os relatórios deles estão disponíveis para exame. Além disso, o grande número de testemunhas, algumas delas ainda vivas e que lembram vividamente do incidente, apoiam a tese de que um objeto brilhante voou sobre Shag Harbour e, depois, um 'objeto escuro' foi observado flutuando no oceano”, disse Rutkowski.

“Eles pediram que a Marinha Canadense enviasse mergulhadores para recuperar o que quer que estivesse embaixo d'água, mas a história oficial é que nada foi localizado”, disse Rutkowski. “Mesmo assim, há muitos rumores, e os locais insistem, que a Marinha Americana – que tinha navios próximos do local – mandou seus próprios mergulhadores e encontrou alguma coisa no fundo do mar.”

A moeda colorida mostra três pescadores num barco em águas revoltas, apontando para estranhas luzes laranjas pairando no céu. A moeda vem com uma lanterna de luz negra que, quando acesa sobre a moeda, faz um grande disco voador aparecer sobre a cabeça dos pescadores enquanto cai na água.

As moedas retangulares começaram a ser vendidas por $129,95 [cerca de R$400] cada na terça-feira. Em horas, o Mint já tinha vendido 95% de seu estoque.

Ano passado, a Royal Canadian Mint lançou uma moeda para comemorar o incidente com um OVNI em Falcon Lake. Assim como a moeda de Shag Harbour, elas se esgotaram rapidamente.

Segundo Rutkowski, essa segunda moeda “parece sugerir que o governo canadense reconhece a importância e o interesse popular no fenômeno dos OVNIs. Será interessante ver se mais moedas dessa série serão feitas nos próprios anos”.

Isso significa que o governo canadense esta seguindo a deixa de seu vizinho do sul, os EUA, em admitir abertamente que objetos voadores não-identificados são um fenômeno real?

Jordan Bonaparte é o apresentador do “Nighttime Podcast”, focado no paranormal, e mora em Halifax, Nova Escócia, a cerca de duas horas de distância da pequena Shag Harbour. Ele admite que pesquisadores de OVNIs há tempos procuram mais respostas para o mistério de Shag Harbour.

“Anos de festivais, livros e documentários sobre OVNIs podem não ter convencido o primeiro-ministro Justin Trudeau ou seu pai a abrir as cortinas desse segredo. Mas convenceu o Royal Canadian Mint a colocar pescadores apontando para um OVNI numa moeda que brilha no escuro, e pra mim isso é muito legal”, Bonaparte disse a Motherboard.

Enquanto o governo canadense continua relativamente em silêncio sobre a questão dos OVNIs comparado com os EUA, Bonaparte está feliz com a atenção renovada que a moeda pode trazer para Shag Harbour.

“A Nova Escócia sempre foi vista como uma meca de belas paisagens, faróis e pesca de lagosta”, disse Bonaparte. “Se é isso que os turistas querem, ótimo, mas também tem muita grama pra ver crescendo aqui, mas como um local, estou orgulhoso de viver pertinho de um dos eventos de OVNI mais intrigantes do mundo.”

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.