Fotos

Fotógrafas brasileiras que vale a pena conhecer

Saque o trampo de seis mulheres que estão expandindo o campo estético e temático da fotografia brasileira.

por Julia Reis, Marie Declerq, e Amanda Cavalcanti
08 Março 2019, 6:54pm

Foto por Carolina Horita

A história da fotografia é permeada pela presença feminina, seja na ciência, na fotografia documental ou na arte. Nomes como Francesca Woodman, Annie Leibovitz, Diane Arbus e Donna Ferrato podem ou não tocar uma campainha dentro da sua cabeça, mas tiveram grande importância em formar as ideias estéticas que temos hoje do que é uma foto bonita, bem composta ou informativa de alguma maneira.

Nos últimos anos, cada vez mais mulheres brasileiras têm se destacado mundo afora por sua contribuição para a fotografia; por exemplo, a gaúcha Luisa Dörr, que clicou uma lista das 46 mulheres mais influentes do mundo para a capa da revista Time e a brasiliense radicada em Recife Bárbara Wagner, cujas fotos registrando o bregafunk e as ligações entre cultura pop e tradição brasileira já foram exibidas em espaços como a mostra de arte contemporânea do Sesc Pompeia e o MASP.

Além das já bem-sucedidas e conhecidas fotógrafas que tomaram o mundo, novas artistas que expandem e ampliam o campo estético da fotografia crescem e florescem no Brasil todos os dias. Neste 8 de março, Dia Internacional das Mulheres, nós mulheres da VICE Brasil compilamos seis novas fotógrafas pra você conhecer e seguir o trabalho. Acompanhe a lista abaixo:

Liz Dorea, 21 anos, Barreiras - BA

1552064272790-1
Foto por Liz Dorea

Corpos, pele, suor, calor — a temática quente das fotos de Liz Dorea parece ser sempre a interação ativa e enérgica entre pessoas, ou entre pessoa e ambiente. São fotos que dão a impressão de intimidade e, ao mesmo tempo, impõe uma distância de quem busca a compreensão. "Sou fascinada pela história que os corpos contam — e pelo que aprendi da vida na tentativa de retratá-los. Fotografia, eu tenho dito, me ensinou quase tudo que sei sobre empatia", diz a fotógrafa.

1552064989697-111
Foto por Liz Dorea

Mais trampos da Liz no Instagram.

Cabra, 22 anos, São Paulo - SP

1552071548421-ac8ba0640531835ac54a2163e23
Foto por Cabra

Você poderá encontrar a Cabra (uma aglutinação de seu nome, Carolina Brandão) fotografando shows, festas e todo o tipo de rolês por São Paulo. Com um trampo em grande parte feito em câmeras analógicas, ela procura conservar o que há de orgânico nas luzes, cores e movimentos dos artistas e amigos que clica ao longos dos últimos anos, e usa a fotografia como uma extensão de sua perspectiva que estará para sempre materializada. "O que me leva a fotografar é um misto de vício em lembranças com uma fascinação por pessoas", fala.

1552067489177-d0ef05638603115abea16331414
Foto por Cabra

Você pode sacar mais do trabalho da Cabra no Instagram e no Behance.

Paula Rodrigues, 25 anos, São Paulo - SP

1551996739679-IMG_8622
Foto por Paula Rodrigues

A Paula nasceu em Guanambi, na Bahia, e se mudou pra São Paulo com seus pais, ainda quando criança. Em 2014 conheceu a fotografia e começou a colar em manifestações pra praticar, só pelo lazer. Hoje, Paula é fotojornalista e videomaker da Agência Mural de Jornalismo das Periferias e do 32xSP. Ela gosta de dizer que seu trampo são retratos que procuram uma troca, entre ela e o personagem. No fim, tudo é bem íntimo e subjetivo. E como consequência, essa troca acaba mostrando, em uma pose ou um olhar, várias possibilidades de história.

1551996756887-IMG_8623
Foto por Paula Rodrigues

Saque mais trampos dela em seu perfil do Instagram e Twitter.

Carolina Horita, 21 anos, Cotia - SP

1552057920450-tumblr_ov5ki3F2871wz6hzho1_1280
Foto por Carolina Horita

Mulheres etéreas e retratos experimentais dão o tom do trabalho autoral de Carolina, que acabou de concluir sua formação em fotografia. Seu olhar fixado em cores e movimentos dão uma sensação de familiaridade ao espectador e uma ternura difícil de explicar. "Trabalho com dinâmica no retrato pois gosto do ato de captar um fragmento no tempo, um recorte espontâneo retirado de um
momento do qual eu realmente vivenciei", conta a fotógrafa.

1552058225755-IMG_0279
Foto por Carolina Horita

Veja mais sobre Horita no Instagram e no Tumblr.

Laíza Ferreira, 30 anos, Natal - RN

1552058731511-img259
Foto-colagem por Laíza Ferreira

"A diversidade de nossos corpos formam um rizoma de afeto que nos conecta com a nossa ancestralidade," resume em uma única frase a artista e fotógrafa Laíza. Suas colagens são místicas e resgatam raízes da artista em diferentes formas de manifestação. Não há separação entre nossa carne e elementos da natureza na visão de Ferreira, misturado corpos, rostos e expressões humanas com rios, montanhas pedras preciosas e plantas. A artista já fez cartazes e capa de álbuns, mas é sua série Flores Invisíveis onde é possível ver a fluidez do seu trabalho.

1552058757973-20170927_132254
Foto-colagem por Laíza Ferreira

Veja mais sobre Laíza aqui.

Catarina Martins, 26 anos, São Paulo - SP

1552070786690-74740002
Foto por Catarina Martins

“Meu trabalho é sobre a possibilidade de qualquer jovem negro poder reproduzir tudo aquilo que ele está vendo.” Catarina, que desde pequena observava como fotógrafos reagiam nas ruas e nos shows pela cidade de São Paulo, hoje faz parte do coletivo MOOC e usa seu trampo como uma maneira de externar todas suas vivências como jovem, mulher e negra. Além disso, suas fotos com cores fortes e composições marcantes, prendem a atenção de qualquer espectador.

1552059823976-IMG_0882
Foto por Catarina Martins

Mais trabalhos da Catarina Martins aqui.

Nayara Cristina, 26 anos, Diadema - SP

1552066100448-000336230035
Foto por Nayara Cristina

Lixo, abandono e memórias esquecidas não escapam das lentes da jovem fotógrafa. Pelas ruas de Diadema, Nayara registra também seres solitários ou captura o colorido triste de lugares inusitados. "O que me atrai na fotografia é aquilo que geralmente passa despercebido aos olhos da maioria das pessoas," explica.

1552067068097-1552065143078
Foto por Nayara Cristina

Veja mais do trampo dela aqui.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.