Fotos

Vendo, compro ou faço rolo: fotos de um Brasil bucólico

A rotina da Feira do Rolo transformada em imagens que dão saudade.

por Débora Lopes
22 Fevereiro 2019, 10:00am

Foto: Gui Galembeck

Galinhas, bolas de bilhar, tomadas, sapatos, quinquilharias em geral. O ambiente de qualquer feira do rolo Brasil afora pode até ter algumas similaridades, mas não é qualquer pessoa com uma câmera na mão que consegue imprimir um olhar único sobre as especificidades que acontecem ali. Foi o que o fotógrafo brasileiro Gui Galembeck, 40, fez em seu projeto Rolo, que está prestes a virar um fotolivro.

Entre 2017 e 2018, Galembeck frequentou a Feira do Rolo de Campinas, no interior de São Paulo, com uma câmera Fuji analógica, resultando num compilado de imagens que nos levam a um Brasil bucólico, de beira de estrada e chão de brita. Mas não são os objetos vendidos e trocados que protagonizam essas imagens, são as cenas ao redor, construídas despropositadamente como se fossem um filme do Karim Aïnouz – com vendedor de balão de gás hélio, pacotes de salgadinhos pendurados num varal improvisado e homens apostando dinheiro num jogo de tampinha. Tudo em cores e texturas que dão saudade.

1550689701549-42_Gui_FDR_WET054
Foto: Gui Galembeck

"Não existia a mínima possibilidade de chegar metralhando com uma câmera digital naquele ambiente", diz o fotógrafo, que acabou escolhendo o analógico não por modismo. Gui é filho de Pérsio Galembeck, um ex-bancário que decidiu trocar a profissão pela fotografia, tornando-se um dos mais importantes profissionais da área na cidade de Araras, vizinha de Campinas.

Não à toa, Gui cresceu metido em laboratórios, já sacando tudo sobre negativos, químicos, ampliadores. E assim trilhou o caminho profissional do pai, que acabou falecendo em 2003.

"Um dia minha mãe me ligou dizendo que a casa dela seria vendida e pediu para eu lidar com as coisas do meu pai que estavam estocadas lá", lembra. Nessa incursão, foi inevitável ter contato com boa parte do acervo de Pérsio e com toda a carga emocional que havia entre negativos e objetos. "Fui obrigado a me questionar sobre o sentido da acumulação material e o que realmente teria algum valor naquela montanha de entulhos."

1550689754032-10_Gui_FDR_WET041
Foto: Gui Galembeck

Nesse meio tempo, tentando entender a diferença entre coisas descartáveis e outras com forte significado emocional, veio à mente de Galembeck o ambiente da Feira do Rolo, que acabou virando seu objeto de pesquisa e próximo destino.

"Foi um contato bem lento", comenta. "Diversas vezes voltei para casa sem nenhuma foto. Não era minha intenção tirar algo deles, muito pelo contrário, eu queria dar algo em troca."

Sobre as dificuldades de se embrenhar entre vendedores e clientes de forma respeitosa para fazer seus cliques, ele explica melhor: "A Feira do Rolo se baseia no comércio, mas nem sempre trabalha dentro da legalidade. E aquela região em si é dominada pelo crime organizado, então as pessoas vivem sob pressão e tem receio de ter alguém com uma câmera ali no meio".

1550689811881-04_Gui_FDR_WET043
Foto: Gui Galembeck

Animais, celulares, peças de antiguidade, CDs piratas, partes de carros e motos, roupas, cigarros e bebidas do Paraguai. Cada coisa presente na Feira do Rolo tem sua história.

"Não arrumei nenhuma treta na feira porque sempre segui no maior respeito e cuidado com todos, mas, sim, fui enxotado algumas vezes por pessoas que se sentiram ameaçadas pela minha presença com uma câmera", rememora Galembeck.

1550691803987-22_Gui_FDR_WET021
Foto: Gui Galembeck

O galo da foto? "Provavelmente não existe mais, já foi pra panela há muito tempo", ele diz. O tal jogo das tampinhas? "O senhor que aparece jogando na foto perdeu 600 reais. O dinheiro muda de dono muito rápido ali."

O projeto com as fotos da feira acabou virando livro depois de um financiamento coletivo e em março deste ano estará à venda. Sinal de que o rolo foi bom.

Mais fotos do Gui Galembeck abaixo e no Instagram.

1550691723220-34_Gui_FDR_WET017
Foto: Gui Galembeck
1550689899176-02_Gui_FDR_WET027
Foto: Gui Galembeck
1550689930792-37_Gui_FDR_WET038
Foto: Gui Galembeck
1550689950055-38_Gui_FDR_WET046
Foto: Gui Galembeck
1550689966044-32_Gui_FDR_WET045
Foto: Gui Galembeck
1550689994638-41_Gui_FDR_WET031
Foto: Gui Galembeck
1550690049671-05_Gui_FDR_WET012
Foto: Gui Galembeck
1550690080099-44_Gui_FDR_WET007
Foto: Gui Galembeck
1550691672210-36_Gui_FDR_WET036
Foto: Gui Galembeck

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.