Quantcast

Ministério Público irá investigar visitas de Fernando Holiday à escolas de São Paulo

Inquérito contém denúncias de que o vereador teria intimidado professores.

Equipe VICE Brasil

Foto: Agência Brasil.

Após visitar as escolas públicas da rede de ensino da cidade de São Paulo alegando investigar "doutrinação dos alunos" e incomodar pais, professores, diretores e até o secretário da Educação Alexandre Schneider, o vereador pelo DEM e líder do Movimento Brasil Livre (MBL) Fernando Holiday será investigado pelo Ministério Público.

Como divulgado na coluna de Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo, o inquérito aberto pelo MP-SP contém denúncias de que o vereador teria intimidado professores e que a avaliação de conteúdos ministrados em sala de aula não compete a fiscalização do legislativo, como defendido por Holiday em um vídeo divulgado na sua página do Facebook.

Leia mais: Até o secretário de Educação do Doria não gostou da visita do Holiday às escolas públicas

A denúncia contra o vereador partiu do deputado estadual Carlos Giannazi (PSOL) e se acumulará aos dois pedidos de abertura de inquérito do MP-SP encaminhados à Polícia Federal (PF) que pedem a análise das contas de campanha do vereador durante a campanha nas eleições municipais de 2016 em São Paulo.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.