Tech by VICE

OVNIs de Magé, Brasil gera pânico e conspirações nas redes sociais

As luzes misteriosas foram vistas por milhares de pessoas, há evidência em vídeo, e gente dizendo que postagens desapareceram das redes sociais. O que aconteceu?

por MJ Banias; Traduzido por Marina Schnoor
19 Maio 2020, 8:19pm

Moradores do município de Magé, ao norte do Rio de Janeiro, relataram ver objetos misteriosos iluminados no céu na quarta-feira passada. Vários vídeos dos objetos explodiram no Reddit e Twitter, gerando especulações insanas sobre queda de OVNIs que viraram manchete na imprensa brasileira.

Magé entrou para os trendings do Twitter na manhã da quarta passada, quando várias pessoas começaram a compartilhar vídeos dos objetos brilhantes no céu. Os vídeos mostram esferas azuis, vermelhas e amarelas se movendo no céu, e um vídeo mostra as luzes em uma formação triangular.

Enquanto os vídeos em si são curiosos, mesmo dificilmente sendo prova de qualquer coisa de outro mundo, entusiastas de OVNIs caíram no buraco de coelho conspiratório bem rápido quando os posts sobre o evento começaram a sumir do Twitter. Enquanto o evento ganhava gás digital, a hashtag #MageUFO se encheu de postagens, aí, do nada, desapareceu. Enquanto isso, no r/UFOs do Reddit, postagens sobre os OVNIs brasileiros também começaram a desaparecer. Aí os usuários passaram a acusar o Twitter e moderadores do subreddit r/UFOs de censura. O Twitter não respondeu imediatamente nossos pedidos de comentário.

Threads e comentários sobre os OVNIs foram deletados do subreddit r/UFOs; num post, um moderador disse “Estou vendo muita idiotice nessa thread, então vou deixar bem claro: mods aqui não censuram. Se uma postagem é idiota ou ofensiva ela será removida. Se é mentira, vamos remover o post”. O moderador foi pesadamente criticado nos comentários, com dezenas de redditors sugerindo que, talvez, o subreddit de UFOs deveria se exatamente o lugar onde falar sobre um avistamento de OVNIs com dezenas de testemunhas e vídeos. Pessoas querendo discutir o evento passaram para o r/aliens depois disso.

Pra piorar a questão, usuários começaram a postar um mapa do Google mostrando uma imagem de satélite de uma parte de Magé, sugerindo uma grande conspiração e acobertamento do Google. A imagem é assim, o que não é muito bom pro Google:

1589547413330-Screen-Shot-2020-05-14-at-52516-PM

Um glitch branco no formato de, bom, um disco voador, aparece numa área de mata ao norte do Rio de Janeiro. As imagens do Google Maps não são atualizadas instantaneamente, claro, então é uma imagem antiga. Um porta-voz do Google explicou para a Motherboard o que aconteceu aqui:

“Nesse caso, o que as pessoas estão vendo na imagem é um reflexo que sobrecarregou temporariamente o sensor do satélite”, disse o porta-voz. “Basicamente, o sol refletiu na superfície daquele prédio em certo ângulo, cegando brevemente o satélite. Esse é um fenômeno comum conhecido como saturação ou floração.”

Enquanto a imprensa brasileira informou que ninguém alertou as autoridades locais sobre os objetos, alegações de explosões altas e tiros, o exército cercando a área, e soldados prendendo qualquer um que tentasse chegar mais perto do suposto local da queda inundaram o Twitter e o subreddit r/Aliens.

Fora a loucura típica da internet, há tempos o Brasil é um foco de incidentes com OVNIs bem interessantes. Em 1957, o jornalista Ibrahim Sued recebeu um envelope contendo pedaços pequenos de metal de uma fonte anônima que alegava que eles eram detritos de Ubatuba, uma praia onde um OVNI teria caído. Apesar de não terem uma origem de outro mundo, os fragmentos eram de magnésio altamente puro. Não está claro de onde o metal veio e a história continua sendo um mistério. A infame Operação Prato de Colares em 1977 rendeu manchetes quando moradores da ilha de Colares começaram a relatar objetos estranhos no céu e ferimentos bizarros em seus corpos. Segundo o pesquisador e cientista da computação Jacques Valle, vários indivíduos teriam morrido ao testemunhar objetos na ilha. Relatos de queimaduras de radiação e térmicas, além de cicatrizes estranhas, lotam o documento do governo brasileiro sobre o incidente. Depois de uma investigação formal, o governo concluiu que não encontrou provas de fenômeno incomum.

Um dos casos mais bizarros aconteceu em 1996, quando várias pessoas disseram ter visto uma criatura alienígena vagando pelas ruas de Varginha. Parecendo “o diabo”, a criatura de cabeça grande, marrom e de 1,50 metro de altura foi vista inicialmente por três garotas numa tarde de janeiro. Vários outros avistamentos foram relatados, e até o Wall Street Journal cobriu a história. Por mais bobo que pareça, esse ainda é um dos casos mais famosos do Brasil.

Enquanto o último incidente brasileiro com OVNIs provavelmente vai se juntar aos incontáveis outros mistérios alienígenas que assombram os céus da América Latina, céticos argumentaram que as luzes sobre Magé eram simplesmente paraquedistas com fogos, balões ou drones.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tagged:
brazil
rio de janeiro
UFWhoa
MageUFO
mage