Publicidade
Food by VICE

Por que você fica com tesão quando está de ressaca?

Uma neurocientista especializada em comportamento sexual humano e vício explica.

por David Hillier; Traduzido por Marina Schnoor
13 Abril 2018, 8:07pm

Foto: Guy Moberly / Alamy Stock Photo.

Um estudo recente do Instituto Kinsey descobriu que pessoas entre 30 e 39 anos transam em média 1,6 vezes por semana. Estou no primeiro terço dessa faixa, e geralmente faço sexo duas vezes por semana, então acho que estou na média. Acho que minha namorada gostaria de transar um pouco mais, mas não muito, e como em muitas outras áreas da nossa existência compartilhada, ela tolera minhas insuficiências.

Mas descobrimos que no dia seguinte a uma balada forte, nós dois ficamos cheios de tesão. Amigos relataram a mesma coisa, e há matérias online sobre pessoas ficando com tesão de ressaca, então claramente tem alguma coisa aí. Mas ninguém explica por que isso acontece (principalmente porque basicamente não há pesquisas na área), então liguei para Nicole Prause para descobrir o motivo.

Nicole é uma neurocientista especializada em comportamento sexual humano e vício, e fundou o Liberos Institute, que busca entender a ciência do desejo. Se alguém podia me ajudar a entender por que quero transar quando também estou com vontade de vomitar, é ela.

VICE: Então, primeira coisa. Por que as pessoas ficam com tesão quando estão bêbadas?
Nicole Prause: Pode ser por várias coisas, mas a explicação que gosto é essa coisa chamada miopia alcoólica. A maioria das pessoas gosta de sexo e acha isso prazeroso, e beber álcool aumenta suas tendências de base. Então, quando você está bêbado e na alça ascendente de Henle [ou seja, ficando bêbado mas não totalmente mamado], sua miopia foca mais nas coisas que você já gostava antes de começar a beber. Então o sexo se torna o ponto focal, o que talvez te leve a desconsiderar questões sobre o sexo que você normalmente acha importante – camisinha, por exemplo.

Então você poderia pensar que é lógico ficar excitado no dia seguinte, quando você para de ascender?
A maioria dos nossos estudos fala sobre a alça ascendente, e há uma boa história sobre ascender e seus efeitos no aumento do desejo. Mas não há uma boa história sobre a queda nisso – você deveria estar com sono e irritado.

Certo. Então como acrescentar drogas à mistura afeta isso?
Bom, tem esse estudo muito estranho onde deram metanfetamina para os participantes. Eles não mostraram nada a eles, não fizeram nada com eles, e ainda assim os participantes relataram se sentir mais sexualmente excitados. Só sentados lá, chapados. O que é meio estranho. Então acho que isso funciona de maneira parecida.

E quanto ao ecstasy e MDMA? Essa droga é um empatogênico e faz você querer abraçar todo mundo. Então talvez seu desejo aumentado no dia seguinte seja um efeito indireto de geralmente estar próximo de alguém?
É uma ideia interessante, e imagino se há uma história de ligação aqui. O ecstasy te faz querer tocar pessoas e estar perto delas – então talvez você sinta que está na alça descendente [quando está passando o efeito do álcool/drogas]. Você não se sente repelido pelas pessoas e quer estar perto delas. Não me parece um conceito ridículo.

Pode ser uma coisa de vulnerabilidade? Você se sente vulnerável e quer alguém/alguma coisa para suavizar isso?
Especulativamente, claro. Quando você está excitado isso ativa muitos dos caminhos neurais de recompensa ativados por álcool e outras drogas. Não pensamos nisso, em si, como um vício, mas há o mesmo caminho neural de recompensa ativado quando você cheira cocaína ou come um pedaço de bolo por prazer. É uma recompensa que ativa a mesma área. Talvez o sexo seja uma tentativa de suavizar essa perda do efeito do álcool e das drogas. Seja em termos de humor e emoção, ou em termos de uma atividade recompensadora.

Transar definitivamente ajuda a aliviar a ansiedade, que é uma grande parte da ressaca.
Todo mundo tem estratégias para manter suas emoções – suas ansiedades – sob controle. Pode ser sair para correr, ir ao cinema ou jardinagem. Qualquer coisa. Muita gente acha que é errado fazer isso com sexo; que ver o sexo desse jeito é mal ajustado. Isso é loucura. Todo o objetivo do sexo – presumindo que você não está abordando isso do ângulo da procriação – é te fazer se sentir bem. Então é razoável que, se você está sofrendo de humor baixo como resultado de uma grande bebedeira na noite passada, você vai querer fazer algo para aliviar isso.

E quanto ao orgasmo como um jeito de relaxar para dormir? Muita gente relata precisar gozar no final de uma noite bebendo para poder dormir. Talvez a gente só esteja tentando se nocautear para pegar no sono?
Estamos literalmente começando a pensar nisso – como orgasmos te ajudam a dormir. Isso nunca foi provado em humanos, mesmo que todo mundo faça isso. Então a complicação de ter alguma droga misturada a isso – vai saber como isso complica as coisas? Pode ser qualquer coisa entre relaxamento muscular até colocar seu cérebro num estado que lembra o estágio um do sono, o estágio dois do sono; você se prepara para o sono. Faz todo sentido que masturbação possa te ajudar a dormir.

Pode ser uma coisa britânica: bebemos muito, culturalmente falando. Ainda acordamos bêbados com aquela miopia alcoólica?
É possível. Quer dizer, é difícil dizer com certeza, porque quando trazemos pessoas para nosso laboratório, não podemos deixar elas tão bêbadas quanto vocês costumam ficar.

Acho que não. Obrigado, Nicole!

Saiba mais sobre o Liberos Institute aqui.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.

Tagged:
Drogas
ressaca
tesão