Assista ao clipe de “Doce”, o novo freeverse da Bivolt

A MC paulistana lança verso livre com produção do Neto do Síntese e abre os caminhos para o seu álbum, que sai ainda esse ano.

|
04 Abril 2017, 7:00pm

Foto: Reprodução

A Bárbara Bivolt chega nesta terça-feira (4) apresentando "Doce", um verso livre que contou com a produção do Neto (Síntese) e foi gravado numa noite chuvosa lá no estúdio GreenHouse. O som ganhou um clipe, com produção audiovisual da Bianca Hoffmann, e você confere o material com exclusividade aqui no Noisey.

"Doce" foi escrito em poucos minutos pela Bivolt, quase que em um impulso, e a construção do som foi em um esquema bem freestyle: o Neto encostou na aparelhagem do GreenHouse e ficou. Quando terminou a batida, o Parmi, dono do estúdio, já saiu tocando o baixo em cima do beat. Como a intenção do som é passar a mensagem, o verso livre foi a melhor escolha, explica Bivolt. "Eu escrevi esse som em minutos, e já gravei, até pensava em fazer uma segunda parte, mas depois de ouvir várias vezes, eu achei que a mensagem tava passada, era exatamente aquilo. Como é um som que não tá nos meus planos de colocar no CD e o projeto do instrumental também foi perdido, foram vários pontos que me levaram a concretizar a ideia de manter esse formato. Livre, sem um começo, um meio ou um fim, apenas a mensagem e pronto. Um som curto, forte e cheio de energia. Me identifiquei com ele para abrir os caminhos."

Em um momento do som a gente pega a Bivolt cantando sobre ter reflexão "ao lidar com dois extremos de um só sentimento" e já vem na mente o comportamento do ser humano, principalmente na internet. A MC acredita que isso é causado pela falta de amor e diz que o que mais vê por aí é irmão acusando irmão por um ato que ele mesmo comete. "Auto-reflexão deveria ser matéria nas escolas, pois se cada um olhasse para si, certamente não haveria tempo sobrando pra apontar o erro do parça, afinal, somos cheios de defeitos. A relação humana está muito estranha, um like vale mais que um abraço, ninguém se sente mais. Ainda tem essa né, a internet… isso nos distancia mais ainda", afirma.

E se tem muita gente perguntando sobre o disco da Bivolt, ela manda avisar que de 2017 não passa e conta um pouco sobre as faixas, que em sua maioria, tem produção do VIBOX. "As músicas que escolhi para colocar no CD são faixas que me conseguem me levar pra outra dimensão, letras em que procuro ligar as pessoas com a natureza. Tudo com muito sentimento, muita expressão e é claro, muita musicalidade".

Assista ao clipe de "Doce" abaixo.