Um produtor japonês fez sua própria versão do ‘The Life of Pablo’ — sem ouvir a original

Como Toyomu Haiashi, de Kyoto, transformou o limão da falta de serviços de streaming no Japão em uma limonada.
11 Abril 2016, 12:00pm

Você já deve ter ouvido algumas vezes dos seus pais que "se a vida te der um limão, faça uma limonada" ou que "quem não tem cão caça com gato". Eu não sei se esses ditados existem no Japão, mas Toyomu Haiashi, nome artístico TOYOMU, incorporou perfeitamente a mensagem em seu novo lançamento, Imagining The Life of Pablo. Sim, é isso mesmo que você leu.

Eu explico: até ser relançado e disponibilizado em todas as plataformas de streaming, o tão aguardado e adiado sétimo álbum do Kanye West só podia ser escutado, de modo legal, no TIDAL — serviço que não existe no Japão. "Eu já queria fazer um disco experimental mas com um contexto pop, e o #NoTIDALinJapan [hashtag utilizada pelos japoneses pra protestar] foi uma boa oportunidade pra isso", explica TOYOMU.

Leia: "Como a música eletrônica fez de Kanye West o Deus do som"

Então, consultando as letras via Genius e os samples via WhoSampled, o produtor recriou The Life of Pablo em quatro dias, imaginando como o álbum deveria ser. O resultado é uma salada experimental/soul/hip-hop/até meio vaporwave que pode ser bem assustadora em alguns momentos (principalmente quando as letras são recitadas pelos vocais do Ableton Live) e muito interessante em outros.

"É o álbum mais experimental que já fiz", conta TOYOMU, "mas certamente tem um ponto em comum com meus lançamentos anteriores". Ao lançar o álbum na internet via Bandcamp quase um mês atrás, o produtor se surpreendeu ao ser bombardeado por reações de fãs (e haters) ao redor do globo. "Eu ainda recebo e-mails todos os dias, e constantemente me mencionam no Twitter falando do álbum."

Alguns comentários sobre Imagining The Life of Pablo na página do disco no Rate Your Music, site de avaliação de música: "Conceito divertido e original, gosto da proposta de voltar a cultura pra si mesma mas meu Deus, isso é horrível" / "Um meme é um meme, não importa o quanto você sonhe."

Veja: "O Mundo secreto do footwork japonês"

Quando perguntei a TOYOMU se, agora que o disco já está disponível nos principais serviços de streaming, ele ouviu o The Life of Pablo original, o produtor me respondeu que não ("fiquei com preguiça"). Ele espera que Kanye goste do álbum se chegar a escutá-lo, mas não acha que esse será o caso. "Acho que ele ficaria bravo", diz. E deixa seu pedido: "Ei, Kanye, vamos trabalhar juntos!"

Acho difícil, TOYOMU, já que você nem escutou o melhor álbum de todos os tempos. Mas a gente tá torcendo por você.

O TOYOMU está no Facebook // Soundcloud // Twitter.

Siga o THUMP nas redes Facebook // Soundcloud // Twitter.