Publicidade
Noticias

Boletim Matutino da VICE

Tudo o que você precisa saber sobre o mundo esta manhã com curadoria da VICE.

por Equipe VICE Brasil
10 Novembro 2017, 10:54am

Brasil

Aécio puxa o tapete de Tasso Jereissati e Goldman é novo presidente do PSDB
Revoltado com o tratamento que vem recebendo do presidente interino do PSDB, Tasso Jereissati, o senador Aécio Neves, presidente afastado do partido, puxou o tapete do colega cearense. Tirou Tasso do cargo e o deu a Alberto Goldman, de São Paulo, mais conhecido por recentemente ser chamado de “fracassado” e acusado de estar “de pijamas” pelo prefeito de São Paulo João Doria. — Folha de S. Paulo

Justiça do Rio decide por nova queda no preço da passagem no município
O preço da passagem de ônibus no Rio de Janeiro volta a cair por determinação judicial. Em uma decisão divulgada nesta quinta (9). Ajuíza Luciana Losada Lopes, titular da 13ª Vara de Fazenda Pública do Rio, determinou a pedido do MP do Rio que a prefeitura reduza em mais R$ 0,20 o valor da passagem dos ônibus municipais. O município terá prazo de 48 horas, a partir da intimação (o que pode levar até dez dias), para diminuir o valor da passagem para R$ 3,40, sob pena de multa diária no valor de R$ 5 mil. O valor da tarifa dos ônibus já havia caído de R$ 3,80 para R$ 3,60, em agosto último. — O Globo

Sindicatos fazem protesto hoje contra reformas trabalhista e da Previdência
Centrais sindicais convocaram manifestações em diversas cidades do país nesta sexta-feira (10) para protestar contra a reforma trabalhista. A mudança nas leis trabalhistas foi sancionada pelo presidente Michel Temer em julho, as entra em vigor apenas neste sábado (11). Os sindicatos também protestam contra a reforma da Previdência, que voltou à pauta de negociação entre o governo e os membros do Congresso. — UOL

Governo Alckmin conta com supersalários de até R$ 100 mil em São Paulo
Um levantamento mostra que diversos funcionários públicos de São Paulo ganham salários acima do teto de R$ 33,7 mil determinado por lei. Os chamados “supersalários” estão presentes nos três poderes (legislativo, executivo e judiciário) e, em alguns casos, superam os R$ 100 mil mensais. No Tribunal de Justiça de São Paulo, por exemplo, apenas três dos 356 desembargadores não ultrapassaram o limite no mês de setembro. Os cinco maiores salários variaram de R$ 97 mil a R$ 131 mil. — G1

Jovem estuprada durante 11 anos denuncia o pai e é rejeitada pela família
Um homem foi preso nesta quinta-feira (9) em Jucás, no Ceará, suspeito de estuprar a filha durante 11 anos. A garota, atualmente com 17 anos, fez a denúncia ao Conselho Tutelar da cidade, que comunicou o caso ao Ministério Público e à Polícia Civil. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Thiago Paixão da Silva, "há indícios suficientes" para manter a prisão do suspeito, mas ele e a família negam os crimes, o que levou à rejeição da garota. "Ela vinha sofrendo abusos desde os seis e sofria ameaças para não contar sobre o caso. Ela disse em depoimento que sofria abusos de todas as formas", afirma o delegado. — G1

Preso é decapitado em rebelião no interior do Paraná
Um preso foi morto no início da noite desta quinta-feira (9) durante uma rebelião na Penitenciária Estadual de Cascavel (PEC), no oeste do Paraná, segundo a Polícia Militar. A polícia informou que o homem foi decapitado por outros presos. A Secretaria de Segurança Pública do Paraná diz que informações preliminares apontam para uma possível briga entre facções. Pelo menos três agentes foram feitos reféns, mas não foi feita qualquer exigência por parte dos presos. — G1

Contaminação por necrochorume obriga Suzano a mudar sepulturas de lugar em cemitério
A Prefeitura de Suzano, no interior de São Paulo, está entrando em contato com os responsáveis de 87 sepulturas perpétuas da quadra 14 do Cemitério São João Batista. O objetivo é conseguir uma autorização para que elas sejam transferidas de local dentro do próprio cemitério, já que a quadra em que se encontram passa por um trabalho de análise da contaminação do lençol freático por necrochorume, líquido tóxico proveniente da decomposição dos cadáveres. Um estudo solicitado pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) mostra que dois dos 20 cemitérios da região do Alto Tietê estão contaminados. — G1

Jovem invade casa para furtar, mas acaba dormindo em sofá e é acordado pela polícia no AC
O jovem José Eliton de Alencar, de 18 anos, foi acordado pela Polícia Militar ao cair no sono enquanto tentava furtar objetos de uma casa no bairro Formoso, na noite desta quarta-feira (8), em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. Ele já tinha separado tudo que levaria, mas resolveu deitar um pouco no sofá que tinha na área externa da casa e acabou caindo em um sono profundo, sendo acordado pelos policiais. — G1

Mundo

Arábia Saudita pede para que cidadãos deixem o Líbano
A situação entre Arábia Saudita e Líbano pode se transformar no novo conflito da chamada ”Guerra Fria do Oriente Médio” entre sauditas e o Irã. Depois do sinistríssimo vídeo onde o primeiro-ministro do Líbano Saad Hariri renunciou ao cargo sob suposta pressão do governo saudita (o vídeo foi gravado na Arábia Saudita e desde sua divulgação no domingo, não se sabe o paradeiro de Hariri), agora a Arábia Saudita está convocando de volta todos os cidadãos que pretendem ir ao Líbano — a desculpa é a presença do Hezbollah, aliado do Irã, no governo libanês. — The Guardian

E mais

Morre aos 53 anos a humorista Márcia Cabrita
A comediante Márcia Cabrita morreu nesta sexta-feira (10), aos 53 anos. A atriz carioca, que participou do humorístico "Sai de Baixo", se afastou da novela "Novo Mundo" há três meses para cuidar da saúde. Márcia sofria de câncer no ovário. Ela foi diagnosticada com a doença em março de 2010 e, como parte do tratamento, havia retirado os ovários e o útero. Márcia deixa uma filha, Manuela. — O Globo

Vídeo de William Waack foi divulgado por editor negro que trabalhou na Globo
O vídeo com William Waack tecendo comentários racistas durante a cobertura da eleição de Trump nos EUA, em 2016, foi vazado pelo operador de VT Diego Rocha Pereira, e divulgado com a ajuda de Robson Cordeiro Ramos. "Tudo aconteceu enquanto a produção estava colocando o microfone nele", explica Diego. "Eu ainda voltei as imagens para ter certeza, não estava acreditando que ele teria falado aquilo. Fiquei tão revoltado que filmei com meu celular". Já a divulgação do vídeo foi feita por Robson. "Soltei o vídeo em um grupo de líderes do movimento negro", afirma. "Mas não foi premeditada essa repercussão, a ideia era mostrar para os amigos que um jornalista influente como ele também poderia ser racista." — Jovem Pan

Cinco mulheres acusam comediante Louis C.K. de assédio sexual
Horas depois de anunciar o cancelamento da festa de pré-estreia de seu novo filme, o comediante Louis C.K foi acusado de assédio sexual por cinco mulheres em uma reportagem publicada pelo jornal "The New York Times". Entre elas estão as comediantes Dana Min Goodman e Julia Wolov, que relatam terem sido convidadas a ir ao quarto do comediante durante um evento em 2002. Ao chegar lá, ele teria ficado nu e começado a se masturbar na frente delas. Dave Becky, empresário de C.K., também é acusado de ter pressionado as mulheres a manterem o caso em segredo. — UOL

Rian Johnson vai dirigir nova trilogia da saga Star Wars
A Disney selou um acordo com o diretor Rian Johnson, de "Os Últimos Jedi", para dirigir e escrever uma nova trilogia para o universo de Star Wars, ao lado do produtor Ram Bergman, parceiro de longa data do cineasta que também trabalhou no mais recente filme da saga. A novidade foi anunciada pelo CEO Bob Iger, que ainda afirmou que os três novos filmes serão diferentes da saga original de Luke Skywalker e vão se passar em outra galáxia. — UOL

Hans Donner propõe nova bandeira do Brasil com degradê e "amor"
O responsável pelo “platinado” da vênus, pela mulata Globeleza e pelo mobiliário mais feio do lado de baixo do Equador ataca novamente. O designer alemão naturalizado brasileiro Hans Donner apresentou nesta quinta-feira (9), durante o Fórum do Amanhã, que acontece em Tiradentes (MG), um projeto para modificar a bandeira brasileira. O projeto, que traz as cores em degradê de site de clínica médica e adiciona a palavra "amor" ao lema positivista "ordem e progresso" levou dez anos para ser finalizado. – UOL