Publicidade
Noticias

O ato em SP contra a PEC 55 terminou com depredação da FIESP

Manifestantes quebraram os portões, atearam fogos de artifício, pedras e paus contra as instalações do antigo QG pró-impeachment.

por Equipe VICE Brasil
14 Dezembro 2016, 4:41pm

Foto: Tuane Fernandes

A sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) foi atacada na noite de terça-feira (13), durante protesto na Avenida Paulista, em São Paulo. A manifestação é uma resposta contra a aprovação da PEC do Teto, após votação realizada na tarde de terça no Senado Federal.

O ato foi organizado pela frente social e de mobilização Povo Sem Medo, que reúne mais de 30 movimentos sociais, entre eles o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) e a Frente Brasil Popular. Segundo os organizadores, estima-se que quatro mil pessoas participavam da manifestação, que aconteceu na Av. Paulista sendo dispersada depois das 21h.

Leia também: "ESPECIALISTAS FALAM SOBRE A "PEC DO FIM DO MUNDO"

Enquanto o ato ainda percorria a Av. Paulista, um grupo de manifestantes arrombou os portões de entrada e jogaram fogos de artifício, pedras e paus quebrando vidraças da FIESP. Seguranças responderam ao ato usando cassetetes. Por volta das 21h, a Polícia Militar interveio usando bomba de gás e uma jovem foi presa, como informa o G1.

Em nota, a FIESP se pronunciou dizendo que a depredação foi promovida por manifestantes com bandeiras da CUT e do PT, ainda que em vídeos não se veja pessoas com bandeiras partidárias. Para federação: "Vandalismo é crime. Nada mais do que isso".

O ato foi dispersado com bombas de gás e spray de pimenta.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.

Tagged:
Política
polícia
protesto
Vice Blog
PEC 55
manifestação
spray de pimenta
MTST
gás lacrimogêneo
av paulista
Pec do fim do mundo
PEC do Teto
mobilização Povo Sem Medo